Menu
2019-07-10T11:42:04+00:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Jornalista formado pela Universidade de Federal do Paraná (UFPR). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros veículos.
vale condenada

Brumadinho: Vale é condenada pelo rompimento da barragem da Mina de Córrego do Feijão

A Justiça estadual ainda não estabeleceu valor da condenação e manteve o bloqueio do valor de R$ 11 bilhões; ações da mineradora seguem em alta nesta quarta-feira, 10

10 de julho de 2019
7:54 - atualizado às 11:42
Bombeiros em local de resgate em Brumadinho
Bombeiros em local de resgate em Brumadinho - Imagem: Fernando Moreno/Estadão Conteúdo/Futura Press

A Vale foi condenada a reparar os danos provocados pelo rompimento da barragem da Mina Córrego do Feijão, em Brumadinho. A Justiça estadual também manteve o bloqueio do valor de R$ 11 bilhões, em decisão proferida nesta terça-feira, 9.

A Justiça, no entanto, não estipulou valor a ser pago pela Vale. A tragédia, ocorrida em janeiro deste ano, deixou 247 mortos e 23 desaparecidos - totalizando 270 vítimas -, num dos maiores desastres ambientais do País.

O juiz do processo na 6ª Vara de Fazenda Pública e Autarquias de Belo Horizonte também autorizou a substituição de R$ 5 bilhões por outras garantias financeiras - como fiança bancária, seguro garantia e/ou investimentos à disposição do juízo, em adição à substituição do valor de R$ 500 milhões previamente aprovada.

A Justiça ainda indeferiu os pedidos de suspensão das atividades e intervenção judicial na Vale, tendo em vista que existem garantias suficientes para ressarcir os danos.

Em comunicado a investidores, a empresa disse que a Justiça "reconheceu a cooperação da Vale, inclusive financeira, com todas as ações requeridas em juízo durante audiências de conciliação realizadas com os órgãos do sistema de Justiça, como Defensorias Públicas Do Estado de Minas Gerais e da União e Ministério Público Federal e Estadual."

Mercado

Apesar da condenação, as ações da Vale negociadas na bolsa de valores abriram em leva alta no primeiro dia de pregão pós-feriado estadual em São Paulo. Por volta das 11h10, os papeis ordinários da mineradora (VALE3) eram negociados a R$ 51,99, numa alta de 2,04%.

O mercado como um todo no Brasil segue otimista por conta da reforma da Previdência. O projeto deve ser votado nesta quarta em primeiro turno na Câmara dos Deputados. Por volta das 10h30, o Ibovespa avançava 1,05%. Acompanhe nossa cobertura de mercados de hoje.

O mercado teve maior dimensão dos impactos financeiros da tragédia para a Vale em maio. Foi quando a mineradora divulgou o balanço trimestral em que contabilizava Brumadinho.

A empresa estimou que os custos com o desastre chegaram a US$ 4,504 bilhões. Desse montante, US$ 2,423 bilhões dizem respeito a provisões para os programas e acordos de compensação, enquanto as provisões para o descomissionamento de barragens soma US$ 1,855 bilhão.

Despesas incorridas no processo totalizaram US$ 104 milhões, enquanto outros gastos responderam por US$ 122 milhões. A Vale encerrou o primeiro trimestre de 2019 com prejuízo líquido de US$ 1,642 bilhão, revertendo o ganho de US$ 1,590 bilhão apurado no mesmo período do ano passado.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Crypto news

Volátil, mas rentável. As surpresas positivas de quem investe no mundo das criptomoedas

Ao contrário do que pensa uma boa parte dos investidores, não podemos propagar a falácia de que o mercado cripto é um mercado perdedor. Por exemplo, no ano, mais de 63 criptoativos subiram mais do que o Ibovespa

EXCLUSIVO PREMIUM

O rei das emergências: os melhores fundos para a sua reserva de curto prazo

Conheça os três fundos DI que não possuem taxa de administração e saiba até quando é mais interessante investir nesses tipos de fundo ou no Tesouro Selic

Quando o dinheiro morre

O novo paradigma de Ray Dalio e um apelo para a compra de ouro

Gestor da Bridgewater compartilha sua avaliação sobre como a atuação dos BCs, juros negativos e endividamento crescente vão mudar a cara do mercado

Entrevista

Fuja da bolsa americana e compre ouro, diz analista da Crescat

Otavio Costa é um brasileiro que trabalha no mercado americano e se soma à corrente que acredita em recessão nos EUA e problemas de crédito na China. Cenário que faz do ouro a melhor opção no momento

Roupa nova

Banco Inter dará início às negociações com units na bolsa na sexta-feira

Os certificados de ações terão o código BIDI11 e representam duas ações preferenciais (PN) e uma ordinária (ON) do Banco Inter, que também vai aderir ao Nível 2 de governança da bolsa e estuda captar R$ 1 bilhão em uma oferta de ações

Vai uma carona aí?

Uber completa cinco anos de Brasil com 2,6 bilhões de viagens

Se você acha que anda muito de Uber, olha só isso: o usuário que mais usou o Uber no Brasil nesses últimos cinco anos fez mais de 5 mil viagens pelo app, o que corresponde a cerca de 3 viagens de Uber por dia. Haja boleto!

De olho na Venezuela

Bolsonaro: “É importante buscar solução para Venezuela, até Evo se posicionou

Segundo o presidente, não ficou surpreso com o posicionamento de Morales, uma vez que o chefe de Estado boliviano já havia dados sinais positivos quando decidiu prender o italiano Cesare Battisti

Ainda sobre Eduardo

Para Mourão, indicação de Eduardo para embaixada nos EUA está dentro do padrão

“Dentro das regras da escolha para quem não é da carreira diplomática, ele está dentro do padrão. É uma decisão do presidente. Decisão a gente não discute”, disse.

Fracasso de crítica

A base de assinantes da Netflix cresceu menos que o esperado — e o mercado reagiu mal

Os resultados trimestrais da Netflix decepcionaram o mercado, em especial os números de expansão de novos usuários. Como resultado, as ações despencaram no after market de Nova York

Seu Dinheiro na sua noite

Posto Ipiranga entre o FGTS e a reforma

As histórias que mexeram com o Seu Dinheiro hoje

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements