Menu
2019-07-05T15:46:14+00:00
Mais e mais

B3 quer dobrar rápido o número de investidores, hoje em 1 milhão

Presidente da administradora da bolsa defendeu a ideia de educar o mercado e sensibilizar os reguladores sobre um novo ciclo de juros baixos

5 de julho de 2019
15:14 - atualizado às 15:46
Gilson Finkelsztain, presidente da B3, em cerimônia na sede da bolsa
Gilson Finkelsztain, presidente da B3 - Imagem: Vinícius Pinheiro/Seu Dinheiro

O número de investidores em bolsa no Brasil precisa ser dobrado de forma rápida, mediante o desenvolvimento do mercado de capitais no Brasil, disse o presidente da B3, Gilson Finkelsztain, que participa do evento da XP Investimentos.

"Temos que educar o mercado e sensibilizar os reguladores que o País está começando um novo ciclo, de juros baixos", comentou. Em 2019, depois de anos patinando, o número de CPFs ativos na B3 superou um milhão.

A pauta da B3, segundo o executivo, está focada em simplificar, por exemplo, o processo de abertura de capital das companhia e que hoje a CVM tem olhado para esse assunto. "Temos uma agenda muito ativa", comentou.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Outro assunto na pauta da companhia é o trabalho para se retirar da regulação restrições para que algumas empresas possam abrir capital no Brasil. Essas empresas não podem fazer uma listagem local porque seus negócios estão no Brasil, mas a sede da companhia foi construída no exterior.

Finkelsztain disse ainda que hoje vê com otimismo o interesse dos investidores estrangeiros em relação ao Brasil e que a atenção deles está focada hoje na entrega de reformas estruturais, como a da Previdência.

BDRs Nível 1

A B3 tem um pleito, junto à Comissão da Valores Mobiliários (CVM), para que caia a restrição que existe hoje para a aquisição de BDRs Nível 1 por pessoas físicas. "Não faz mais sentido ter essa restrição", disse Finkelsztain.

O executivo lembrou que recentemente a B3 liberou o investimentos de pessoas físicas nos BDRs por meio de fundos de investimento. Hoje a aquisição direta é permitida apenas para investidores qualificados, com investimentos acima de R$ 1 milhão.

Os Brazilian Depositary Receipts Patrocinados (BDR) são valores mobiliários emitidos no Brasil, que possuem como lastro ativos, geralmente ações, emitidos no exterior.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

xi...

Boeing faz provisão de US$ 4,9 bilhões por conta da crise do 737 Max

Companhia americana enfrenta uma das piores crises de sua história após quedas de aeronaves na Etiópia e na Indonésia

a bula do mercado

Ativos preparam-se para encerrar semana no azul

Confusão sobre fala de presidente do Fed de NY pode induzir a ajustes

Na expectativa

Modelo de capitalização da Eletrobras será apresentado até agosto

Decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) definiu que a privatização de holdings, caso da Eletrobras, precisa passar pelo Congresso

Temporada de balanços

O que esperar para o lucro dos grandes bancos no segundo trimestre?

O resultado combinado de Banco do Brasil, Itaú Unibanco, Bradesco ou Santander Brasil deve atingir R$ 20,9 bilhões no segundo trimestre, um avanço de 17,6%. Parece um filme repetido, mas a história pode reservar surpresas. Saiba o que esperar dos balanços

Vem que vem!

Banco N26, o “Nubank alemão”, levanta mais US$ 170 mi e diz que o seu próximo destino pode ser o Brasil

Com isso, ele elevou o seu valor de mercado para US$ 3,5 milhões e passou a figurar entre as startups europeias mais valiosas e entre as dez principais fintechs do mundo

De volta para o dono

Lava Jato recupera mais R$ 67 mi no exterior

Os valores foram transferidos para contas judiciais vinculadas ao processo e integram os mais de R$ 13 bilhões que são alvo de recuperação pela Lava Jato ao longo de cinco anos de operação, destaca a Procuradoria

Seu Dinheiro na sua noite

O herói improvável

As histórias que mexeram com o Seu Dinheiro hoje

De olho nos valores

Preço médio dos imóveis residenciais sobe 0,36% em junho em dez capitais

A pesquisa mostrou que, no mês, todas as dez capitais pesquisadas tiveram alta nos preços médios: Brasília (0,04%), Fortaleza (0,06%), Salvador (0,08%), Porto Alegre (0,16%), Rio de Janeiro (0,18%), Belo Horizonte (0,19%), Curitiba (0,19%), Goiânia (0,22%), Recife (0,38%) e São Paulo (0,68%)

DE OLHO NO GRÁFICO

Bitcoin em nova alta e S&P no sinal amarelo

Fausto Botelho está estupidamente otimista com o bitcoin, que pode ter uma nova onda de valorização. Já o S&P, principal índice americano, pode trazer um terremoto para o resto do mundo

De olho nos próximos recebidos

Preparação de atendimento pela Caixa contribuiu para adiamento de saque do FGTS

Em 2017, para que 25,9 milhões de trabalhadores retirassem R$ 44 bilhões das contas inativas (de contratos anteriores) do FGTS, a Caixa preparou um esquema de atendimento que previu a abertura das agências mais cedo e nos fins de semana no período, que foi de 10 de março a 31 de julho

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements