A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2021-05-16T00:06:30-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
disputa no varejo

Via Varejo planeja abrir 120 lojas e anuncia fundo de R$ 200 milhões para investir em startups

Holding, que mudou de nome, planeja “megaloja” em São Paulo; empresa também vê avanço de plataforma financeira, com carteira de R$ 6,4 bilhões no crediário

26 de abril de 2021
15:43 - atualizado às 0:06
VIA (1)
Imagem: Divulgação / Via VArejo

A Via, nova identidade da marca Via Varejo, a dona da Casas Bahia, vai abrir uma "megaloja" na cidade de São Paulo - com 18 mil metros quadrados - e outras 120 lojas no restante do país neste ano, em um momento em que as empresas brigam pelo cliente online.

Segundo o vice-presidente de Inovação Digital e Recursos Humanos, Helisson Lemos, em evento para investidores nesta segunda-feira (26), as lojas estão preparadas para venda de produtos próprios e de terceiros, com integração entre atendimento presencial e digital.

A Via também anunciou um fundo de R$ 200 milhões para investir em startups (chamado de Corporate Venture Capital). A holding pretende usar os recursos em até cinco anos. No ano passado, a companhia virou sócia do ‘hub’ de inovação Distrito e passou a ter contato com ao menos 300 startups.

Durante o evento desta segunda, Lemos lembrou que a empresa criou o Via Hub, com foco em soluções para crediário, logística, omnicanalidade, sortimento de produtos próprios e marcas. "Nosso objetivo é desenvolver um haras de unicórnios [startups avaliadas em pelo menos US$ 1 bilhão]", disse.

No domingo (25), a Via anunciou a aquisição da fintech Celer, uma plataforma que deve ampliar os serviços financeiros disponibilizados aos vendedores do marketplace da dona da Casas Bahia. O valor da operação não foi divulgado.

Segundo o CEO da companhia, Roberto Fulcherberguer, a busca é por aquisições que ajudem a acelerar o crescimento da companhia. O executivo disse que não vê grandes aquisições no momento, mas que a empresa pode fazer aquisições de outras compras menores.

Crediário

Na frente financeira, a Via informou ter no crediário uma carteira com R$ 6,4 bilhões, com 14 milhões de clientes - sendo 3,3 milhões ativos. Segundo a companhia, o mercado potencial para a plataforma financeira é de 105 milhões de pessoas.

No final do quarto trimestre, a empresa tinha 1,8 milhões de clientes ativos, 2,0 milhões de carnês geridos dentro da plataforma - equivalente a R$ 2,3 bilhões.

A empresa é dona do banQi, que oferece serviços financeiros aos clientes que tradicionalmente compram com o crediário das Casas Bahia. Segundo Fulcherberguer, a fintech vai aumentar em 20 vezes seu volume de transações até 2025. Em 2020, o banQi registrou R$ 440 milhões em volume de transações.

Durante a teleconferência desta segunda, a Via lembrou a projeção de parte de analistas do mercado, de que a penetração do e-commerce aumente dos atuais 8% para 19% em 2025 - ano em que o varejo online movimentará R$ 500 bilhões. "À medida que o mercado for crescendo, ele passará pela Via", disse o CEO da companhia.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

NAS NUVENS

Dá pra personalizar mais? Americanas (AMER3) fecha parceria com o Google em busca de mais eficiência e melhor experiência para clientes

19 de agosto de 2022 - 14:32

Acordo entre a Americanas e o Google prevê hiperpersonalização da experiência do cliente e otimização de custos operacionais

NOVO CONTO DO VIGÁRIO?

Bed Bath & Beyond desaba mais de 37% em Wall Street — e o ‘culpado’ é um dos bilionários da GameStop; entenda

19 de agosto de 2022 - 14:08

Ryan Cohen, presidente do conselho da Game Stop, vendeu todas as suas ações na varejista de itens domésticos e embolsou US$ 60 milhões com o negócio

Saldo insuficiente

Stone (STNE) leva tombo na Nasdaq após balanço e analistas reiteram preferência por Cielo (CIEL3)

19 de agosto de 2022 - 14:03

Ações da Stone despencam mais de 20% no dia seguinte à publicação dos resultados do segundo trimestre de 2022

EXILE ON WALL STREET

Você está disposto a assumir riscos para atingir seus sonhos e ter retornos acima da média?

19 de agosto de 2022 - 13:50

Para Howard Marks, você não pode esperar retornos acima da média se você não fizer apostas ativas. Porém, se suas apostas ativas também estiverem erradas, seus retornos serão abaixo da média

QUE CONFUSÃO!

Manipulação de mercado: empresas trocam acusações pelo Twitter de sabotagem em lançamento de criptomoeda e tokens despencam 30%; entenda o que aconteceu e saiba como se prevenir

19 de agosto de 2022 - 12:25

A Sirius Finance, responsável pela emissão de uma criptomoeda de mesmo nome com o ticker SRS, acusa a PolkaBridge de manipulação do mercado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies