';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-02-03T17:58:11-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
parceiro improvável

Efeito Apple: ações da Kia disparam após anúncio de parceria

Essas notícias fizeram com que as ações da Kia tivessem a maior alta em 23 anos, atingindo o patamar de US $87,70

3 de fevereiro de 2021
12:49 - atualizado às 17:58
Apple
Imagem: Shutterstock

O toque de Midas da gigante de tecnologia Apple chegou ao outro lado do mundo. O anúncio de que a montadora coreana Kia Motors está desenvolvendo um projeto de carro em parceria com a empresa criada por Steve Jobs fez as ações da companhia  dispararem quase 10%  na bolsa de Seul.

De acordo com o jornal coreano Dong-a Ilbo, a Apple fará um investimento de US$ 3,6 bilhões na produção de novos veículos. O acordo com a Kia deve ser formalmente assinado no dia 17 de fevereiro, com expectativa de lançamento do primeiro modelo em 2024.

As notícias fizeram com que as ações da empresa coreana registrassem a maior alta em 23 anos, atingindo o patamar de US$ 87,70. Questionadas pela imprensa sobre a parceria, nem Hyundai — dona da Kia — nem a Apple se manifestaram. 

Ainda de acordo com o jornal sul-coreano, a Kia passará a fazer os carros na Geórgia, Estados Unidos. A meta atual é produzir 100 mil unidades por ano, mas dada a capacidade da fábrica, o número pode ser quatro vezes maior.

História repetida

Essa não é a primeira vez que a Apple tem uma conversa mais próxima com a Coreia do Sul. Mês passado, havia especulações de que a Hyundai estava desenvolvendo um projeto de carros elétricos com a fabricante do iPhone. Na época, as ações da montadora tiveram os seus melhores dias em duas décadas.

Apesar desta ser uma colaboração de peso, a Hyundai não ficou parada. A montadora tem conversado com a gigante chinesa de tecnologia Baidu e a fabricante de chips Nvidia para produção de carros autônomos e já tem um projeto bem desenvolvido de carros movidos a células de hidrogênio, além de uma fábrica voltada para a produção de veículos elétricos.

Toda essa visão de futuro chamou a atenção da Apple, que está interessada em entrar no ramo. O CEO da Tesla, Elon Musk, já mencionou que chegou a negociar a venda de sua empresa para a gigante, mas nenhum acordo foi feito.

*Com informações da CNN Business

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

NÃO É SÓ NO BRASIL

Homem mais rico da Índia, Gautam Adani perde mais de US$ 22 bilhões em fortuna após acusações de fraude; entenda

27 de janeiro de 2023 - 11:55

O dono do Adani Group desabou quatro posições no ranking de bilionários da Forbes depois das acusações, com patrimônio atualmente avaliado em US$ 96,6 bilhões

SEMANA EM CRIPTO

Bitcoin (BTC) sobe mais uma semana antes da Super Quarta; veja o que esperar das criptomoedas com o Banco Central americano no radar

27 de janeiro de 2023 - 11:33

Na semana que vem, o Federal Reserve decidirá sobre os juros dos Estados Unidos e pode animar o mercado já aquecido

BATALHA SOCIETÁRIA

Na disputa com Tanure, Esh Capital volta a aumentar participação na Gafisa (GFSA3)

27 de janeiro de 2023 - 9:41

A gestora de Vladimir Timerman comprou mais ações e aumentou a participação na Gafisa para aproximadamente 15,8%

AQUILO QUE AINDA NÃO SABEMOS

Americanas (AMER3): Confira seis perguntas que seguem sem resposta duas semanas após a revelação do rombo bilionário

27 de janeiro de 2023 - 9:28

Mercado assumiu postura de desconfiança diante das falhas de comunicação e daquilo que encaram como falta de transparência por parte da Americanas (AMER3)

FAZENDO HISTÓRIA

Fim da ‘Guerra Infinita’? Avatar 2 derrota Vingadores e se torna a 5ª maior bilheteria da história do cinema

27 de janeiro de 2023 - 9:27

Após menos de dois meses desde a estreia, a produção atingiu a marca de US$ 2,054 bilhões (cerca de R$ 10,41 bilhões) em arrecadação, segundo o Box Office Mojo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies