Menu
2019-07-11T11:22:59+00:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco), “Abandonado” (Geração) e "Os Jogadores" (Planeta).
Bolsa

Com Lava Jato no retrovisor, é hora de comprar as ações da Petrobras, diz Goldman Sachs

Analistas do banco americano projetam uma valorização potencial da ordem de 40% para os papéis da estatal nos próximos 12 meses. Confira por quê

11 de julho de 2019
11:03 - atualizado às 11:22
Plataforma de petróleo da Petrobras
Plataforma de petróleo da Petrobras - Imagem: Ag. Petrobras

Compre as ações da Petrobras. A recomendação é do banco americano Goldman Sachs, que projeta uma valorização potencial da ordem de 40% para os papéis da estatal nos próximos 12 meses.

Mas por que os analistas do Goldman Sachs estão tão otimistas com as ações da Petrobras, ainda mais levando em conta que só nos últimos 12 meses os papéis preferenciais já suiram quase 70%? A explicação pode ser resumida em um parágrafo que eu extraí de um relatório que foi encaminhado hoje aos clientes do banco:

"Com as investigações da Operação Lava Jato ficando para trás e as mudanças na gestão da companhia desde 2016 rendendo os primeiros frutos, acreditamos que a Petrobras em uma fase de transição de um caso de 'turnaround' para uma história de geração de caixa e crescimento", escreveram os analistas.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Na prática, isso significa que a Petrobras deve enfim começar a cumprir as metas de crescimento de produção de petróleo. Nas projeções do Goldman Sachs, a estatal deve entregar um crescimento anual de 9% no volume de produção entre 2018 e 2020 - contra apenas 1% nos dez anos anteriores. Só nos últimos 12 meses, sete novas plataformas da companhia começaram a extrair petróleo.

Além da melhora operacional, as ações da Petrobras devem se beneficiar do plano de venda de ativos considerados não-estratégicos, de acordo com o relatório do Goldman Sachs, assinado pelos analistas Bruno Amorim e Osmar Camilo.

Os recursos que devem entrar no caixa da empresa devem tanto contribuir para reduzir o nível de endividamento como para aumentar o poder de fogo nos investimentos na produção de petróleo na camada do pré-sal.

"Depois de cometer vários erros operacionais no início desta década, agora enxergamos a Petrobras emergindo como uma história viável", escreveram os analistas.

O Goldman Sachs possui preço-alvo de R$ 38,10 para as ações preferenciais (PETR4) da estatal, o que representa um potencial de alta de 35,7%. No caso dos papéis ordinários (PETR3), o preço-alvo é de R$ 41,90, o equivalente a um retorno de até 36,4%, com base nas cotações de fechamento de ontem.

Por volta das 10h40 de hoje, as ações PN da Petrobras eram cotadas a R$ 28,27, em alta de 0,71%, enquanto os papéis ON subiam 1,17%, a R$ 31,08. Confira também nossa cobertura completa de mercados.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

De olho no pacto

Proposta sobre pacto federativo começará no Senado, diz presidente da CCJ

Ainda segundo a senadora, o governo já está trabalhando com o tema. “Não poderia ser diferente (o fato de começar pelo Senado), essa é a Casa da Federação. Eles já estão mexendo no pacto”, afirmou a presidente da CCJ

Mudanças à vista

Truxt Investimentos vende parte das ações que detinha do Banco Inter

A instituição financeira destacou que a venda da participação é “estritamente de investimento, não objetivando alteração do controle acionário ou da estrutura administrativa do banco”

Seu Dinheiro na sua noite

O falcão está à solta?

Entre os vários contatos que eu tinha nos anos em que escrevi diariamente o sobe e desce da bolsa e dos mercados, havia um experiente tesoureiro de um grande banco. Estava longe de ser a fonte mais bem humorada ou paciente, mas com o tempo ficamos amigos. Eu costumava recorrer a ele naqueles dias em […]

Futuro Embaixador?

Bolsonaro: Indicação de Eduardo como embaixador é juridicamente viável

Porta-voz da Presidência também afirma que Jair Bolsonaro ainda não decidiu sobre indicação do filho ao posto nos EUA

Vish!

Ex-presidentes do IBGE divulgam carta de protesto contra mudança no Censo 2020

Eles acusam a atual direção do instituto de improvisação e alertam para o risco de o próximo Censo deixar de fora 10 milhões de domicílios

Olha a dívida!

Tesouro: União bancou R$ 1,262 bilhão em dívidas de governos estaduais em junho

Embora o custo para a União com essas garantias seja crescente, o Tesouro está impedido de bloquear os repasses para Rio de Janeiro, Minas Gerais e Goiás

Dados semanais

Balança tem superávit de US$ 695,509 milhões na segunda semana de julho

Em julho, o superávit acumulado é de US$ 1,819 bilhão. Já no total do ano, o superávit é de US$ 27,895 bilhões

reconciliação

Avaliação positiva de Bolsonaro salta de 14% para 55% entre agentes de mercado

Sondagem da XP Investimentos também mostra melhora na percepção com relação ao Congresso, Previdência na casa de R$ 850 bilhões e Ibovespa em 120 mil pontos

320% do PIB

Dívida global sobe a US$ 246 trilhões e endividamento de emergentes bate recorde

Instituto Internacional de Finanças (IIF) mostra que quanto menor o juro, maior o endividamento mundial, que está para bater o recorde visto no começo de 2018

Os detalhes sobre a nova cripto

Facebook: Libra não envolve política monetária nem competirá com bancos centrais

Segundo ele, a associação terá políticas para combater o uso da moeda para lavagem de dinheiro e financiamento de atos terroristas, entre outras questões de segurança nacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements