Menu
2021-03-30T17:42:16-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
inesperado

Linx adia divulgação dos resultados do 4º tri após encontrar ‘perdas operacionais incomuns’

Perdas foram apuradas na subsidiária para meios de pagamento digital e terão impacto de R$ 41 milhões no balanço

30 de março de 2021
9:49 - atualizado às 17:42
Linx
Imagem: Linx.com.br

A Linx (LINX3) voltou a figurar no noticiário, depois de dragar a atenção de todos com a novela sobre sua fusão com a Stone e a concorrência da Totvs (TOTS3), e desta vez por um motivo pouco lisonjeiro.

A empresa de software anunciou na segunda-feira (30) à noite que vai reconhecer uma perda de R$ 41 milhões no resultado do quarto trimestre, cuja divulgação será atrasada – o balanço, previsto para ser liberado ao mercado hoje, após o fechamento do mercado, será apresentado em 19 de abril.

A Linx informou que este impacto foi provocado por “perdas operacionais incomuns” da Linx Pay, sua subsidiária para meio de pagamento digital. Segundo ela, isto ocorreu “como consequência do cancelamento de transações atípicas por parte de terceiros na utilização de máquinas comercializadas por um parceiro comercial da Linx Pay”, sem entrar em detalhes.

A situação não envolveu clientes de seus softwares de gestão (Linx Core) ou de suas soluções para omnichannel (Linx Digital).

“As vulnerabilidades que deram origem às perdas operacionais já foram endereçadas pela companhia e não é esperada variação material neste montante.

Com base nos resultados das apurações, a administração avaliará a viabilidade de obter o ressarcimento das perdas objeto da apuração”, diz trecho do comunicado.

Segundo a Linx, o episódio não terá consequências no acordo de combinação com a Stone, sem alterações nas condições da operação. A fusão foi aprovada pelos acionistas da Linx em novembro e liberada pela Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) em 20 de março.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

em meio à crise

Em reunião com empresários, Bolsonaro defende vacinação e diz não ter preocupação com CPI da Covid

Presidente e ministros participaram de uma videoconferência com o grupo que reúne os 50 maiores grupos privados do País

seu dinheiro na sua noite

Ação da Moura Dubeux caiu 50% desde o IPO. Ficou barata?

O ano de 2020 começou promissor para a economia brasileira e com boas perspectivas para a chegada de novas empresas à bolsa. A temporada de IPOs se iniciou nos primeiros dias de fevereiro, com a estreia da construtora Mitre, seguida da empresa de tecnologia Locaweb. Mais para meados do mês, vimos a abertura de capital […]

ampliação de sortimentos

Lojas Americanas compra Imaginarium e prevê aumentar marcas próprias

Companhia anunciou aquisição do Grupo Uni.co, mas não revelou valores; com negócio, Americanas avança sobre varejo especializado em franquias

FECHAMENTO

Mercado olha desconfiado para Orçamento e Ibovespa acompanha queda do exterior; dólar fica estável

Com a agenda de indicadores esvaziada e a véspera de feriado, os investidores acabaram optando pela cautela

Prioridade na Casa

Câmara aprova requerimento de urgência sobre projeto de privatização dos Correios

A medida permite que a proposta “fure” a fila de votação de projetos e pode agilizar o processo de desestatização

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies