Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-09-25T21:23:13-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
negócio em foco

BofA vê negócio entre Linx e Totvs com sinergias de R$ 3,8 bi

Acionistas da Linx receberiam diretamente 40% do valor das sinergias da fusão com Totvs, diz banco

25 de setembro de 2020
21:16 - atualizado às 21:23
totvs
Imagem: Divulgação/ Instagram da Totvs

A eventual fusão entre Totvs e Linx — que hoje é a "azarona" para acontecer, uma vez que o negócio entre a empresa de software para varejo com a Stone continua sendo o favorito no páreo — criaria sinergias no valor de R$ 3,8 bilhões, de acordo com as contas do Bank of America (BofA).

A sinergia seria resultante de cross-selling (venda cruzada, estratégia em que são sugeridos produtos complementares nas vendas aos clientes), OPEX (gastos operacionais e com manutenção) e amortização de ágio.

A Linx poderia muito bem se aproveitar da situação. Isto porque, caso aceite a oferta da Totvs, 40% dos valores de sinergia seriam pagos diretamente para os seus acionistas — os outros 60% seriam divididos entre os sócios das duas empresas, escreveu o analista Rodrigo Villanueva em relatório.

Os números sugerem que a oferta da Totvs é, hoje, 8% superior ao que está implicado, considerando a combinação de ações (82%) e dinheiro (18%) prevista na proposta.

Enquanto isso, a Stone busca obter o registro de BDRs (recibos de ações negociadas fora do Brasil na B3) para potencialmente pagar a oferta em uma proporção maior de ações.

Hoje, os termos da oferta da Stone incluem a parcela de R$ 31,56 em dinheiro mais 0,0126774 ação da Stone por ação da Linx.

Isso permitiria aos acionistas da Linx se beneficiarem ainda mais da potencial sinergia com a Stone, diz o BofA.

"Ainda assim, dado o tamanho da capitalização de mercado combinada entre Stone e Linx de cerca de R$ 97 bilhões, estimamos que cresceria em apenas de 2% a 3% do valor potencial das sinergias restantes", ressalva a análise.

Ganhos significativos

O negócio entre as companhias parece distante desde que a Linx recusou assinar protocolo de oferta da Totvs. No entanto, a empresa resultante de ambas foi imaginada pelo BofA com bons olhos.

A fusão entre as empresas, segundo a análise da instituição, teria ganhos de eficiência significativos, com uma sinergia de OPEX de R$ 1,2 bilhão.

"A maior parte da economia de OPEX pode vir despesas gerais e administrativas", diz o BofA. Tais despesas representam menos de 8% da receita líquida da Totvs, enquanto são 20% das da Linx, devido à sua menor escala.

A projeção assume como recorrente a redução percentual dos gastos gerais administrativos em relação à receita da Linx de 20% para 8%, o que traria uma economia equivalente a 4% do OPEX total.

Enquanto isso, a estimativa é que o cross-selling, com sinergia de R$ 1,5 bilhão ao todo, poderia adicionar de 5% a 10% à receita combinada das companhias.

A previsão do BofA é de uma receita de R$ 4 bilhões para o fim de 2021, que poderia obter outros R$ 323 milhões (8% do total) por vendas cruzadas, para fluxo de caixa extra descontados de imposto de R$ 57 milhões.

O BofA também estima que a oferta da TOTVS pela Linx no valor de cerca de R$ 6,4 bilhões ao preço atual deve gerar ágio de cerca de R$ 4,8 bilhões.

"Prevemos que este ágio poderia ser amortizado nos próximos 5-10 anos, gerando benefícios fiscais materiais com um valor estimado de R$ 1,1 bilhão", diz o banco.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Debaixo do tapete

Cadê o teto que estava aqui? Sumário das contas públicas do Tesouro exclui avaliações sobre cenário fiscal após drible na regra

O documento já foi usado como instrumento para recados duros em outros momentos delicados, em que houve grande pressão para abrir a porteira dos gastos

Juros em alta

Rumo aos 6% + IPCA? Taxas do Tesouro Direto sobem forte após Copom, e títulos atrelados à inflação já pagam mais de 5,5% a.a. de juro real

Com alta da Selic para 7,75%, juros futuros dispararam nesta quinta, fazendo taxas do Tesouro Direto subirem ainda mais

De olho na estatal

Após novas falas de Bolsonaro sobre privatização, CVM vai investigar a Petrobras (PETR4)

A autarquia abre processo administrativos quando entende que precisa acompanhar os desdobramentos de algum assunto

ENRIQUEÇA ATÉ 2024

‘Investir muito em Bitcoin é coisa de imbecil’: estes 14 investimentos já dispararam até 1300% e têm potencial para te deixar rico

Apesar do hype das criptomoedas, existem outras ‘pechinchas exponenciais’ que estão fora do radar de muitos investidores; conheça

Um brinde

A Ambev (ABEV3) nunca vendeu tanta cerveja como no 3º trimestre. E as ações disparam na bolsa

A gigante de bebidas registrou lucro líquido de R$ 3,6 bilhões no terceiro trimestre, alta de 50% e acima do esperado pelo mercado. Hora de comprar a ação?

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies