A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2019-10-03T18:32:30-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
queda livre

Ações da Tesla despencam após promessa frustrada de Elon Musk

O CEO da companhia havia dito que a entregaria 100 mil veículos no trimestre, mas empresa chegou a 97 mil; papeis da Tesla abriram o dia em queda

3 de outubro de 2019
11:45 - atualizado às 18:32
Tesla
Apesar da promessa frustrada de Musk, o número representa um recorde, segundo a empresa, que adiantou outros números que devem sair no balanço a ser divulgado em breve. Imagem: Shutterstock

As ações da Tesla, a montadora de carros de elétricos do bilionário Elon Musk, amanheceram em queda vertiginosa nesta quinta-feira, 3, após a empresa divulgar uma prévia de seus números mais recentes.

  • Veja mais: Investidores comuns estão aprendendo como antecipar o movimento das ações com um dos maiores analistas técnicos do país. VAGAS LIMITADAS. Corra. Entre aqui.

Os investidores se decepcionaram com a quantidade de veículos entregues pela companhia nos últimos três meses, que chegou a 97 mil. O CEO da Tesla havia dito, em setembro passado, que havia uma chance do resultado chegar aos 100 mil carros no período.

Por volta das 11h, os papeis da Tesla eram negociados a R$ 225,33 na bolsa americana Nasdaq, numa baixa de 7,33%, mas se recuperaram um pouco e encerraram o pregão em baixa de 4,15%. No ano, a ações da Tesla acumulam perdas da ordem de 30%. Acompanhe nossa cobertura de mercado.

Apesar da promessa frustrada do bilionário, o desempenho representa um recorde, segundo a empresa, que adiantou outros números que devem sair no balanço a ser divulgado em breve.

De acordo com a Tesla, foram entregues 79,6 carros do Modelo 3 e 17,4 mil unidades dos Modelos S e X nos últimos três meses. A produção total foi de 95,1 veículos.

"Assim como no segundo trimestre, quase todos os pedidos do Modelo 3 foram recebidos de clientes que não possuíam uma reserva anteriormente, solidificando a transição para gerar forte demanda orgânica", diz a companhia.

Anteriormente

No trimestre anterior, a empresa de Elon Musk havia entregue 95,2 mil carros elétricos  — deste total, eram 17,6 mil unidades dos Modelos S e X, e outros 77,5 mil veículos do Modelo 3. A produção de automóveis chegou a 87 mil unidades.

No início do ano, a Tesla estabeleceu como meta a entrega de 360 mil a 400 mil novos veículos neste ano.

Somando os resultados dos três trimestres até aqui, a companhia já entregou pouco mais de 255 mil unidades — foram 63 mil veículos  nos três primeiros meses.

Assim, considerando o limite inferior da projeção, a Tesla precisaria entregar pelo menos 105 mil veículos no último trimestre de 2019.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

AUTOMÓVEIS

Tá difícil comprar carro? 10 dicas que podem ajudar a ter um zero-km (ou quase isso) na garagem

13 de agosto de 2022 - 9:55

Cenário macroeconômico não ajuda, mas há formas de aproveitar o momento e garantir um carro mais novo ou até mesmo zero

TEMPORADA DE BALANÇOS

Lucro líquido da Eletrobras (ELET3) chega a R$ 1,4 bilhão no segundo trimestre, queda de 45%

13 de agosto de 2022 - 9:00

Segundo o balanço da Eletrobras (ELET3), resultado foi impactado negativamente pela provisão para perdas em investimentos no total de R$ 890 milhões

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: ata do Fed, dados de varejo nos EUA e inflação na zona do euro são os destaques da semana

13 de agosto de 2022 - 8:11

A ata da última reunião do Fed é o principal dado da agenda econômica; a inflação ao consumidor (CPI) na Europa também é destaque

PAPO CRIPTO #025

Vai, Brasil! Mercado brasileiro de criptomoedas é o 11º maior do mundo — e diretor de associação aposta em tokenização; entenda

13 de agosto de 2022 - 7:30

Bernardo Srur, diretor da ABCripto, associação criada para fomentar os negócios em criptoeconomia no Brasil, é o convidado do Papo Cripto desta semana

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) sobe, mas perde o protagonismo para o ethereum (ETH); entenda

12 de agosto de 2022 - 20:29

Além de aproveitar a inflação dos EUA mais branda, o que ajudou as criptomoedas em geral, o ETH se beneficiou dos progressos na direção do The Merge

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies