2019-04-20T15:27:38-03:00
Marina Gazzoni
Marina Gazzoni
CEO do Seu Dinheiro. É CFP® (Certified Financial Planner). Tem graduação em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e MBA em Informação Econômico-Financeira e Mercado de Capitais no Instituto Educacional BM&FBovespa. Foi Diretora de Conteúdo e editora-chefe do Seu Dinheiro, editora de Economia do G1 e repórter de O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo e do portal IG.
CARTEIRA DE INVESTIMENTOS

Onde elas investem? Aqui está a lista de aplicações do Seu Dinheiro

Olivia Alonso, Luciana Seabra e Marina Gazzoni, respectivamente CEO, diretora de conteúdo e editora-chefe do Seu Dinheiro, revelam onde está seu patrimônio pessoal.

2 de dezembro de 2018
11:37 - atualizado às 15:27
Seu Dinheiro Ao Vivo – Luciana Seabra, Olivia Alonso e Marina Gazzoni
Imagem: Seu Dinheiro

Está cheio de gente dando pitacos por aí sobre tudo - o que fazer com sua saúde, seus filhos e seu dinheiro... Sempre que eu escuto uma recomendação qualquer, eu fico na dúvida se o especialista está seguindo a própria recomendação.

Quando falamos de dinheiro, duas perguntas ficam na minha cabeça para os especialistas: 1) você compra o que recomenda? 2) Recomendaria para sua mãe (ou para seu filho)? É claro que é possível, sim, estudar um ativo e entender que existe uma oportunidade aí. Mas isso é bem diferente de colocar seu patrimônio pessoal nela.

Como assumimos o compromisso de ajudar o investidor pessoa física, nada mais justo do que abrir os nossos investimentos. Eu, a Luciana Seabra e a Olivia Alonso contamos ao vivo na última sexta-feira (30) em que investimos. Vale lembrar que, para manter nossa independência editorial, a equipe do Seu Dinheiro não investe diretamente em ações.

Fiz um resumo do que rendeu essa conversa e o debate completo está no vídeo abaixo.

Onde está seu dinheiro

Olivia Alonso

De todas as três, é a que assume mais riscos. Cerca de 80% das suas aplicações são em renda variável, contra 20% de renda fixa.

  • Renda fixa: investe no Tesouro Direto e tem títulos NTN-B (recentemente rebatizado de Tesouro IPCA+) e Tesouro Selic. Ela mesma admitiu que os fundos DI que a Lu indica podem ser melhores opções, mas lembrou que não era assim no passado - e que já investia antes da Luciana fazer suas recomendações.
  • Renda variável: Ela tem ainda 50% do seu capital investido em fundos multimercados, de ações e de small caps. O restante está em BOVA11, o fundo de índice do Ibovespa e menos de 1% em criptomoedas.

Luciana Seabra

Eis sua carteira pessoal:

  • 50% do capital dela está em renda fixa, já incluída sua reserva de emergência. Ela tem fundos DI e de crédito privado. Também compra Tesouro Direto prefixado. 
  • 30% em fundos multimercados. Deixa com eles a missão de encontrar boas oportunidades em títulos do Tesouro, como NTN-B.
  • 15% fundos de ações. A dica aqui é escolher bons gestores e confiar neles.
  • 5% fundo cambial. Apesar de não acreditar que o dólar vai disparar, recomenda que todos tenha uma posição em câmbio para se proteger de solavancos na economia.
  • Menos 1% em criptomoedas. É o dinheiro do tudo ou nada. Acha que pode perder tudo ou, quem sabe, ficar milionária.

Para a Previdência, ela usa uma conta a parte e faz depósitos mensais na Superprevidência, um plano que reúne um conjunto de fundos bons.

Marina Gazzoni

  • 99,2% em imóveis
  • 0,8% em CDB de liquidez diária que rende 100% do CDI (reserva de emergência)

Sou uma entusiasta do mercado imobiliário e minha estratégia pessoal é fazer aplicações em renda fixa até reunir capital para conseguir dar uma entrada em um imóvel. Fiz uma compra recente e, portanto, meu patrimônio está concentrado em imóveis.

O que você está olhando para entrar

Olivia Alonso

Small caps ligadas à indústria de maconha nos Estados Unidos e Canadá.

Luciana Seabra

Fundos de investimento em ouro.

Marina Gazzoni

Vou colocar parte do meu 13º salário em um fundo DI mais barato que o Tesouro Direto (recomendação da Luciana) e estou de olho em bitcoins.

Qual a sua maior recomendação

Olivia Alonso

Aproveite a virada do ano para repensar sua carteira de investimentos. É hora de sair daquela aplicação de renda fixa ruim (fundos com taxa de administração alta ou poupança, por exemplo) e entrar no Tesouro Selic ou fundos DI bons. Também é a hora de perder o mercado entrar na bolsa de valores. A visão da Olivia é que teremos um novo ciclo de alta pela frente na bolsa de valores brasileira.

Luciana Seabra

Existe uma oportunidade escancarada de compra para títulos prefixados do Tesouro. O mercado estava precificando uma alta da taxa de juros brasileira que não deve acontecer. Isso significa que a taxa atual está cara e deve ser corrigida lá na frente, o que tende a levar a uma valorização dos títulos prefixados. Veja como comprar esses títulos no Tesouro Direto.

Marina Gazzoni

Imóveis. As taxas de juros ainda devem permanecer baixas no próximo ano e o crédito imobiliário está barato. Os preços caíram na crise e a tendência é de alta nos próximos anos. Você ainda pode comprar antes do boom.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Market Makers

Precisamos falar de múltiplo: Saiba como identificar se uma ação está barata na bolsa

9 de agosto de 2022 - 9:34

Existem três formas de ganhar dinheiro com ações. Uma delas é com o crescimento do lucro por ação. Mas é preciso interpretar corretamente o múltiplo Preço/Lucro (P/L) de uma empresa

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: De olho em ata do Copom e inflação, Ibovespa opera próximo do zero a zero; dólar vira e passa a subir

9 de agosto de 2022 - 9:12

RESUMO DO DIA: Os investidores permanecem de olho nos dados de inflação dos Estados Unidos, divulgados na próxima quarta-feira (10). Por aqui, o Ibovespa reage aos dados do IPCA de julho e nas disputas políticas antes do início da campanha eleitoral oficial. Acompanhe por aqui o que mexe com a bolsa, o dólar e os demais […]

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Oportunidade de lucro acima de 9% em swing trade com a Helbor (HBOR3); confira a recomendação

9 de agosto de 2022 - 8:26

Identifiquei uma oportunidade de swing trade – compra dos papéis da Helbor (HBOR3). Saiba mais detalhes

O melhor do Seu Dinheiro

Os sons do silêncio nas bolsas: Saiba como interpretar os ruídos dos mercados que mexem com os seus investimentos hoje

9 de agosto de 2022 - 8:24

De olhos e ouvidos atentos aos dados da inflação, investidores os juntarão ao quebra-cabeças da ata da última reunião do Copom

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Todos os olhos e ouvidos do Ibovespa voltados para a inflação de hoje enquanto as bolsas internacionais aguardam os dados dos EUA

9 de agosto de 2022 - 7:43

Os índices internacionais aguardam os números de inflação dos EUA, que só devem ser conhecidos na quarta-feira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies