Menu
2019-06-12T18:53:27+00:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Jornalista formado pela Universidade de Federal do Paraná (UFPR). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros veículos.
troca de comando

Michael Klein perto de retomar a Casas Bahia: GPA aprova venda de ações na Via Varejo ao empresário

O Conselho de Administração do GPA aprovou a venda dos papeis em leilão na B3 ao empresário Michael Klein, em conjunto com outros investidores, pelo preço mínimo de R$ 4,75 por ação. É um valor abaixo do fechamento do papel ontem, de R$ 5; por volta das 10h30 de hoje, os papeis do GPA operavam em baixa de 3%, a R$ 4,85

12 de junho de 2019
9:19 - atualizado às 18:53
Michael Klein, ex-dono da Casas Bahia e maior sócio da Via Varejo
O empresário Michael Klein. - Imagem: Seu Dinheiro

Michael Klein está mais próximo de retomar a Casas Bahia, empresa fundada por seu pai e que hoje é parte da Via Varejo, controlada pelo Grupo Pão de Açúcar (GPA).

Isso porque o Conselho de Administração do GPA aprovou a venda de suas ações na Via Varejo em leilão na B3 (representativas de 36,27%), após o conselho receber uma carta de Klein, cuja família já detém 25,43% da empresa. Já a B3 informou que o leilão deve ocorrer na próxima sexta-feira, 14.

No documento apresentado ao conselho do GPA, Klein comunica que, caso a companhia realize a venda de todas as ações que detém da Via Varejo, ele apresentará individualmente (direta ou indiretamente) e em conjunto com outros investidores, uma ou mais ordens de compra para aquisição dos papeis.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Na carta, o preço máximo apresentado por ação é de R$ 4,75 — abaixo do fechamento da última terça-feira (11), a R$ 5,00. Como resultado, os papéis da Via Varejo recuaram 3,20% nesta quarta-feira (12), a R$ 4,84. . Já as ações PN do GPA (PCAR4) tiveram alta de 0,4%.

Em busca de um comprador

O Grupo Pão de Açúcar buscava desde 2016 um comprador para a sua fatia na Via Varejo. Mas um passo fundamental foi dado no último dia 3, quando os acionistas da Via Varejo votaram pela exclusão da chamada "poison pill" do estatuto social da companhia, facilitando o processo de venda da empresa, conforme contou Victor Aguiar aqui no Seu Dinheiro.

Isso porque essa cláusula determinava que qualquer acionista que passasse a deter mais de 20% do capital da Via Varejo seria obrigado a promover uma oferta pública de aquisição da totalidade das ações (OPA).

Ou seja: esse mecanismo acabava elevado os custos de uma eventual compra de participação relevante na companhia, já que esse investidor precisaria estender a todos os acionistas uma proposta de compra dos papéis — o que representava um entrave aos planos do GPA.

Mas, com a extinção desse artigo, ficou muito mais fácil para que as conversas de venda da Via Varejo tivessem continuidade.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

um unicórnio entre os jovens

Tiktok: o app que faz sucesso entre a geração z e fez da sua dona a startup mais valiosa do mundo

ByteDance é considerada a startup com o maior valor de mercado do mundo – são US$ 75 bilhões; estratégia se divide em diversas frentes, incluindo um app que ganha cada vez mais força entre jovens nascidos em meados dos anos 90 para cá

guerra comercial não para

Trump ameaça usar autoridade de emergência contra a China

Anúncio chinês de elevar as tarifas sobre US$ 75 bilhões em importações norte-americanas deixou o presidente dos EUA enfurecido

analisando a conjuntura

Recuperação esperada da economia global não aconteceu, diz presidente do Banco da Inglaterra

Mark Carney falou logo depois que o presidente Trump anunciou que estava endurecendo as tarifas sobre as importações chinesas

vem mais mudanças por aí?

Equipe econômica estuda atrelar remuneração da poupança à inflação

Após criar crédito imobiliário corrigido pelo IPCA, governo quer dissociar a rentabilidade da caderneta da Selic, para que a poupança acompanhe os indicadores usados nos empréstimos para a compra da casa própria

bombou na semana

MAIS LIDAS: Loucura, loucura, loucura!

De todos os programas criados pelos governos petistas, um dos mais polêmicos sem dúvida é o Bolsa Empresário, como ficou conhecida a política de financiamentos do BNDES a grandes empresas com juros bem camaradas. A estimativa é que os subsídios, ou seja, os recursos públicos usados para tornar esses empréstimos mais baratos, superaram os de […]

dinheiro na conta

Zuckerberg vende US$ 296 milhões em ações do Facebook em um mês

Desde abril, o CEO do Facebook não disponibilizava os papéis que detinha ao mercado; no ano, o bilionário vendeu 2,9 milhões de ações

olhos lá na frente

SulAmérica vende operações à Allianz por R$ 3 bi e ganha fôlego para crescer

Investimento é o maior já feito pela seguradora no Brasil e a coloca no patamar mais alto do que já teve

acusação de jornal

Amazon vende milhares de produtos irregulares nos EUA

Wall Street Journal diz que identificou na loja online brinquedos e medicamentos que eram vendidos sem os devidos avisos sobre os riscos de saúde a crianças

na tv

Bolsonaro pede que incêndio não seja pretexto para sanções ao Brasil

Em tom mais ameno, presidente disse em rede nacional que número de queimadas está “na média”, mas que governo atuará para conter os focos

Novas regras

Afinal, quanto rende o FGTS? Saiba o que mudou no retorno do fundo

Com nova regra de remuneração, fundo de garantia pode superar a caderneta de poupança, mas retorno não é garantido

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements