Menu
2019-09-20T17:47:55-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
O caminho do dinheiro

Os primeiros passos na bolsa: Entenda o processo de compra e venda de uma ação

Conheça cada etapa do caminho do dinheiro e entenda como ocorre o processo de compra e venda de uma ação na bolsa brasileira

21 de setembro de 2019
5:30 - atualizado às 17:47
Home broker
Home broker: ordens de compra e venda podem ser dadas pela internet. - Imagem: Shutterstock

Para quem está dando os primeiros passos no investimento em renda variável, a dinâmica do mercado de ações pode parecer um tanto esotérica. Mas o funcionamento básico é bem simples de entender.

Como eu já falei nesta matéria sobre como começar a investir em ações, o primeiro passo é abrir conta numa corretora de valores, um tipo de instituição financeira que atua como representante dos investidores e intermediária entre eles e a bolsa. É a corretora a responsável por executar os negócios de compra e venda de ações.

Uma vez logado no ambiente virtual da sua corretora, você deve abrir o home broker, plataforma on-line de negociação de ativos de bolsa. Em algumas delas, é preciso solicitar o primeiro acesso.

À primeira vista, o home broker pode ser um pouco intimidador. Várias janelas, números, setinhas subindo e descendo, talvez algum gráfico e diversos menus. Você talvez precise explorar um pouco a ferramenta antes de se sentir totalmente à vontade para operar.

Mas como se compram e vendem ações? Como os negócios são fechados? Em quanto tempo as operações são completadas? Em que momentos eu posso operar no mercado de ações? Como são determinados os preços? São essas perguntas que eu vou tentar responder a seguir.

Horário de funcionamento da bolsa

A bolsa de valores é o ambiente de negociação das ações (entenda melhor o que é e como funciona a bolsa de valores). No Brasil, ela funciona em horário comercial, geralmente das 10h às 17h, podendo variar um pouco ao longo do ano por causa do horário de verão nos Estados Unidos. No site da B3, você encontra os horários de negociação sempre atualizados.

As negociações geralmente são feitas durante o pregão, mas é possível dar ordens de compra e venda mesmo fora do horário de funcionamento da bolsa. Elas são concluídas tão logo o mercado de ações abra novamente.

O pregão é dividido por etapas. No vídeo a seguir, eu explico o que acontece em cada uma delas:

Formação dos preços no mercado de ações

Os preços das ações são determinados pela interação entre os compradores e vendedores, de acordo com a boa e velha lei de oferta e demanda.

Durante o pregão, os vendedores fazem ofertas de venda e os compradores fazem ofertas de compra. Cada um coloca o preço e a quantidade de ações que deseja comprar ou vender.

Assim, as ofertas de venda nada mais são do que os preços anunciados pelos vendedores, enquanto que as ofertas de compra são os preços que os compradores estão dispostos a pagar.

Os negócios no mercado de ações só são fechados quando as ofertas de compra casam, em preço e quantidade, com as ofertas de venda.

O preço de uma ação em um dado momento é justamente o preço do último negócio fechado. Dessa forma, a cotação de abertura de uma ação é o preço em que o primeiro negócio do dia foi fechado; já a cotação de fechamento consiste no último preço de negociação daquele papel no pregão.

A valorização ou desvalorização de uma ação num dia, portanto, corresponde à variação percentual entre a cotação de fechamento daquele papel no pregão anterior e a cotação de fechamento no pregão atual.

Livro de ofertas

O preço atual de uma ação - que, como eu disse acima, corresponde ao preço do último negócio que foi fechado com aquela ação - serve apenas como referência para os investidores.

Para saber a qual preço você pode conseguir comprar ou vender a ação desejada, você terá que recorrer ao livro de ofertas daquele papel, que pode ser acessado pelo home broker.

Quando você decide comprar ou vender uma determinada ação, o preço em que vai conseguir fechar o negócio vai depender, respectivamente, das ordens de venda e de compra disponíveis naquele momento.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Por exemplo, se você deseja comprar uma ação, precisará verificar quais são os preços pelos quais os vendedores estão dispostos a vender. Você pode optar por fechar negócio imediatamente, aceitando o maior preço de venda anunciado, ou colocar a sua ordem de compra e esperar até que um vendedor esteja disposto a vender para você no seu preço.

As corretoras de valores recebem todas as ordens de compra e venda dos clientes e as registram junto à bolsa, que as ordena e fecha os negócios que casarem.

Todas as ofertas de compra e venda ficam registradas eletronicamente no livro de ofertas, podendo ser acompanhadas por todos os investidores.

Elas são listadas sempre a partir da melhor oferta. A melhor oferta de compra consiste no maior preço que um comprador está disposto a pagar. E a melhor oferta de venda, no menor preço que alguém está disposto a vender.

O que acontece depois que você compra ou vende uma ação

O processo de compra e venda de uma ação não termina quando uma negociação é fechada. Em dois dias úteis devem ocorrer os processos de liquidação física (a transferência da titularidade dos títulos) e financeira (a transferência dos recursos).

Isso significa que o dinheiro só sai da conta do comprador e cai na conta do vendedor dois dias úteis depois de fechada a negociação. Sempre pelo preço que foi acordado, claro.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Atenção, acionistas

Itaúsa e Bradesco anunciam pagamento de juros sobre capital próprio para seus acionistas

O pagamento de JCP também é uma forma de distribuir lucros, mas em vez de terem um benefício tributário para os acionistas, como ocorre com os dividendos, os Juros sobre Capital Próprio beneficiam a empresa

DE OLHO NO SERVIÇO PÚBLICO

Reforma administrativa é no sentido de valorização do quadro atual, diz Guedes

Ele defende que a estabilidade não seja automática, mas conquistada pelo servidor após anos de boas avaliações no trabalho

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

É pra sorrir ou pra chorar?

A bolsa teve hoje um dia bastante parado, terminando o pregão praticamente no zero a zero. Nesse marasmo do mercado – que ainda contou com um alívio para a cotação do dólar – um papel se destacou no Ibovespa: as ações da Smiles dispararam quase 20%. Só que isso não quer dizer, necessariamente, que o acionista da […]

Poucas emoções

Num dia morno, o Ibovespa caiu e perdeu os 111 mil pontos; dólar recua a R$ 4,12

O Ibovespa cedeu a um leve movimento de correção e fechou em baixa, interrompendo a sequência de cinco altas consecutivas. Já o dólar à vista teve uma nova sessão de alívio, chegando à mínima em um mês.

MAIOR OTIMISMO COM PIB

Para Abimaq, PIB deve crescer 2,5% no próximo ano

A indústria, de uma maneira geral, de acordo com o executivo, vai crescer de 3,5% a 5%, focada muito no mercado interno

QUEDA À VISTA?

Bolsonaro sobre carne: Estamos na entressafra e preço vai diminuir

Bolsonaro disse que está levando “pancada” pelo preço da carne. “Muitos falam, nas redes sociais, que tem de ter tabelamento. Na Venezuela está tudo tabelado: vai lá comprar carne”, disse o presidente

DE OLHO NO CHURRASCO

Carnes podem continuar subindo até fim de janeiro ou início de fevereiro, diz FGV

Em meio ao aumento das exportações para a China por causa do impacto da peste suína africana (PSA) naquele país, a inflação das carnes foi destaque na aceleração, tanto no atacado quanto no varejo

Sorriso amarelo

Veneno numa mão, antídoto na outra: a estratégia da Gol para incorporar o Smiles

A nova proposta da Gol para a incorporação do Smiles é atrativa para os atuais acionistas da companhia de fidelidade, mas deixa clara a turbulência na relação entre as empresas

a conta do benefício

Gigantes do Vale Silício deixam de pagar US$ 100 bilhões em impostos em uma década

Seis das principais empresas do Vale do Silício têm se beneficiado de estruturas governamentais ainda não preparadas para lidar com os serviços oferecidos por elas. Amazon, Facebook, Google, Netflix, Apple e Microsoft — cujo valor de mercado somado é de R$ 4,5 trilhões — deixaram de pagar ao menos de US$ 100,2 bilhões em impostos […]

OLHO NAS COTAÇÕES

BTG Pactual eleva preço-alvo das ações de Lojas Americanas e B2W após Investor Day

No caso das Lojas Americanas, a previsão de alta é de 54,2% em relação ao fechamento da última sexta-feira. Já no caso da B2W, a valorização seria de 20,5%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements