Menu
2020-07-13T07:38:08-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
olho na bolsa

Panvel anuncia oferta que pode movimentar R$ 1,2 bilhão

Empresa deve usar parte dos recursos para investir em novas lojas, tecnologia da informação e infraestrutura de logística

13 de julho de 2020
7:36 - atualizado às 7:38
remédio
Imagem: Shutterstock

O Grupo Dimed, dono da rede de drogarias Panvel, fará uma oferta de ações que pode movimentar R$ 1,194 bilhão, considerando o lote adicional e o preço das ações da última sexta-feira, de R$ 31,40.

A empresa deve usar os recursos da oferta primária para investir em novas lojas, tecnologia da informação e infraestrutura de logística. Os papéis da companhia (PNVL3) subiram 60% neste ano, em meio à pandemia.

Segundo a Panvel, são 16 milhões de novos papéis ON em uma oferta primária e 16 milhões de ações em uma operação secundária - cujos donos são Kinea Private Equity IV, da Fundação Petrobras de Seguridade Social (Petros), e outros acionistas pessoas físicas.

O lote adicional pode ser de até 18,8% - 6 milhões de ações ON (3,2 milhões de novos papéis e 2,8 milhões de titularidade do Kinea.

Ainda segundo a Panvel, o procedimento de coleta de intenções de investimento (bookbuilding) começa nesta segunda-feira (13), com duração até dia 22. As novas ações começam a ser negociadas no dia 24.

A oferta tem coordenação de Bradesco BBI, BTG Pactual e Itaú BBA, de acordo com o site.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

covid no brasil

Covid-19: Brasil tem 97.256 óbitos e 2,02 milhões de recuperados

Atualmente, 741.180 pacientes estão em acompanhamento

Resultados que mexem o mercado

Braskem, AES Tietê, SulAmérica: os balanços que vão movimentar o mercado nesta quinta

Resultados financeiros do primeiro trimestre afetam mercado em meio à pandemia

seu dinheiro na sua noite

O fim de um ciclo?

Após um ano de cortes sucessivos, o atual ciclo de queda da taxa básica de juros, a Selic, parece ter chegado ao fim nesta quarta-feira. No início da noite, o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) anunciou a redução dos juros em 0,25 ponto percentual, para 2,00% ao ano, como já era esperado […]

Novo corte

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 2,00% ao ano

Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central cortou a Selic mais uma vez

Mínima histórica

Banco Central reduz Selic para 2% ao ano e sinaliza fim do ciclo de cortes de juros

Essa foi a nona (e última?) redução consecutiva no atual ciclo de queda da Selic, que começou em julho do ano passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements