⚽️ Brasil enfrenta a Coreia do Sul na próxima fase; confira os dias dos próximos jogos

Eduardo Campos
Diário dos 100 dias
Eduardo Campos conta os bastidores do início do governo
Cotações por TradingView
2019-04-04T13:59:01-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
dia 45

Martelo batido!

Idade mínima será de 62 anos para as mulheres e 65 anos para os homens, com prazo de transição de 12 anos

14 de fevereiro de 2019
18:29 - atualizado às 13:59

Conforme o prometido em entrevista na noite de ontem, presidente Jair Bolsonaro “bateu o martelo” sobre o texto final da reforma da Previdência. Todos os detalhes serão oficialmente conhecidos dia 20, mas o secretário especial da Previdência, Rogério Marinho, escalado para encarar o enxame de repórter que aguardavam algum pronunciamento na portaria do Palácio da Alvorada, adiantou que a idade mínima será de 62 anos para as mulheres e 65 anos para os homens, com prazo de transição de 12 anos.

A solução encontrada foi um meio termo. A ideia defendida pela equipe econômica era de 65 anos iguais, com dez anos de convergência. O presidente tinha falado, anteriormente, em 57 para mulheres e 62 para os homens, mas o secretário falou que Bolsonaro defendia 60 anos mulheres e 65 anos homens. Marinho não respondeu a nenhuma pergunta, mas deu a entender que a economia de R$ 1 trilhão, acenda pelo ministro Paulo Guedes, está contemplada nos planos.

O anúncio de parte da reforma ajudou o tirar o foco da “crise” que se abateu sobre o Palácio do Planalto, envolvendo o ministro a Secretaria-Geral da Presidência Gustavo Bebianno, suspeitas de candidaturas laranjas do PSL nas eleições, divulgação de áudios pelo “Twitter”, e Bolsonaro falando que envolvidos no escândalo “terão de voltar às suas origens”. Ainda é cedo para saber se esse desentendimento de Bolsonaro e seus familiares com lideranças do PSL pode ter custos na aprovação das reformas, o que é fato é que todo e qualquer ruído político será utilizado pela oposição para ir minando o governo.

Leia aqui todo o Diário dos 100 Dias.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

SEU DINHEIRO NA COPA

Brasil segue favorito mesmo após primeira derrota na Copa; confira as seleções queridinhas das oitavas entre os apostadores

3 de dezembro de 2022 - 9:14

Já classificado, Tite escalou um time recheado de reservas que acabou perdendo de 1 x 0 para os camaroneses, que ficaram fora do mundial

Aperta o play!

Copom realiza última reunião do ano na próxima quarta (07); o que esperar para a Selic daqui para frente?

3 de dezembro de 2022 - 8:00

No podcast Touros e Ursos desta semana, falamos sobre as incertezas fiscais que cercam a decisão de juros do Copom e como investir neste cenário

FECHAMENTO DO DIA

Poeira assenta em Brasília e Ibovespa sobe quase 3% na semana; dólar cai a R$ 5,21

2 de dezembro de 2022 - 19:29

Em Nova York, no entanto, o clima foi de cautela. O payroll, o raio-X do mercado de trabalho americano e um dos dados mais importantes para o Federal Reserve na decisão de política monetária, mostrou uma força maior do que a esperada

DINHEIRO NA CONTA

Dividendos: Raízen (RAIZ4) depositará R$ 918 milhões na conta dos acionistas em 2023, mas data de corte é na próxima semana; veja quem terá direito à bolada

2 de dezembro de 2022 - 19:22

A Raia Drograsil anunciou o pagamento de proventos nesta sexta-feira (2): a farmacêutica distribuirá R$ 90 milhões na forma de JCP

TOMA LÁ, DÁ CÁ

Vai causar estrago? Europa fixa valor do barril de petróleo russo em US$ 60 e deve despertar a fúria de Putin

2 de dezembro de 2022 - 18:35

Na decisão de hoje, os europeus detalham que o limite de preço do petróleo russo será revisado regularmente e deve ser “pelo menos 5% abaixo do valor médio de mercado”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies