Menu
Eduardo Campos
Diário dos 100 dias
Eduardo Campos conta os bastidores do início do governo

Bolsonaro Posse

Há uma regra não escrita de que os governos têm um período de “lua de mel” ou de maior complacência com os mercados e eleitores. São os tais 100 primeiros dias que dizem ser decisivos para o governo se firmar ou não. Até o vice-presidente, Hamilton Mourão, falou nesse período em entrevista no fim do ano passado e também disse que ministros terão metas e reuniões de acompanhamento dentro desses dias inicias. Com isso em mente vou fazer aqui um curto diário desse período, anotando em poucos parágrafos os eventos que foram relevantes.

DIA 100

Política interna e externa

Presidente comemora amanhã seus 100 dias e, enquanto isso, afaga deputados e se entende com países árabes

última página do diário

Os 100 dias de Bolsonaro: Foi bom para você?

Desempenho não foi frustrante e mostrou para o governo e para a população que a lógica da política é incontornável

dia 99

Encruzilhada pela frente

Bolsonaro defende Previdência em evento com prefeitos e chama Rodrigo Maia de irmão

DIA 98

Agradeço pelos serviços prestados

Presidente troca ministro da Educação e fala em dialogar com o Congresso pela aprovação da reforma da Previdência

dia 95

Não nasci para ser presidente

Presidente faz um desabafo, pede desculpas pelas caneladas, mas acerta as pernas de Paulo Guedes

DIA 94

Nada se falou sobre cargos

Bolsonaro recebe líderes partidário e enfatiza alto nível da conversa enquanto Guedes consegue fato inédito

DIA 93

Jogo pesado

Presidente promete maior atuação na reforma da Previdência

dia 92

Dia 92 de Bolsonaro: Polêmicas na Terra Santa

Afirmação que mais repercutiu foi sobre o nazismo ser de esquerda

dia 91

Sabedoria para bem decidir

Presidente tem que “bem decidir” como fazer a “nova política” e rápido

dia 88

O inimigo agora é outro

Presidente e Rodrigo Maia parem ter selado um armistício

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements