🔴 +30 RECOMENDAÇÕES DE ONDE INVESTIR EM MARÇO – ACESSE GRATUITAMENTE

Eduardo Campos
Diário dos 100 dias
Eduardo Campos conta os bastidores do início do governo
Cotações por TradingView
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
dia 80

À sombra do ex

Prisão de Michel Temer é evento político do dia, mas não deve ser novo “Joesley Day” para a Previdência

Eduardo Campos
Eduardo Campos
21 de março de 2019
18:01 - atualizado às 10:44

O noticiário do dia girou em torno não do presidente Jair Bolsonaro, que aliás está de aniversário, mas sim do ex-presidente Michel Temer, preso no âmbito da operação Lava-Jato. Como não poderia ser diferente, a repercussão política foi grande, ainda mais que outro preso, o ex-ministro Moreira Franco, é sogro do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Mas ainda é cedo para avaliar algum resultado prático sobre como isso pode vir a afetar a agenda do atual governo. Ainda hoje, Bolsonaro embarca para o Chile e quem assume interinamente é o seu vice, general Hamilton Mourão.

O que parece pouco provável é que os problemas de Temer com a Justiça venham a impedir a realização da reforma da Previdência, como aconteceu no fatídico dia 17 de maio de 2017, o “Joesley Day”, quando foi divulgada gravação de conversa de Temer com o empresário Joesley Batista, evento que se mostrou decisivo para o desgaste do governo e o abandono da reforma de então.

No lado das reformas de agora, os congressistas continuam digerindo e criticando o texto da previdência dos militares, que incorporou uma reestruturação de carreiras. O governo terá de reforçar a articulação para que isso não seja motivo para desidratar o texto da reforma geral.

Ainda ontem, o Congresso enviou um sinal positivo sobre a ampla pauta liberal defendida pela equipe econômica do governo. Por 329 votos foi finalmente aprovada a entrada de até 100% de capital estrangeiro em empresas áreas, algo que o governo tentava aprovar ao menos desde 2010.

É uma legislação mais liberal que o padrão internacional, pois a maioria dos mercados impõe algum limite para estrangeiros atuarem no setor. Apesar de ser um resultado positivo está de longe de sinalizar a base de votos para a reforma, mas mostra um Congresso menos refratário a temas que antes eram tabu dentro no nosso nacionalismo tupiniquim.

Leia aqui todo o Diário dos 100 Dias.

Compartilhe

DIA 100

Política interna e externa

10 de abril de 2019 - 17:53

Presidente comemora amanhã seus 100 dias e, enquanto isso, afaga deputados e se entende com países árabes

última página do diário

Os 100 dias de Bolsonaro: Foi bom para você?

10 de abril de 2019 - 5:16

Desempenho não foi frustrante e mostrou para o governo e para a população que a lógica da política é incontornável

dia 99

Encruzilhada pela frente

9 de abril de 2019 - 17:49

Bolsonaro defende Previdência em evento com prefeitos e chama Rodrigo Maia de irmão

DIA 98

Agradeço pelos serviços prestados

8 de abril de 2019 - 21:21

Presidente troca ministro da Educação e fala em dialogar com o Congresso pela aprovação da reforma da Previdência

dia 95

Não nasci para ser presidente

5 de abril de 2019 - 18:03

Presidente faz um desabafo, pede desculpas pelas caneladas, mas acerta as pernas de Paulo Guedes

DIA 94

Nada se falou sobre cargos

4 de abril de 2019 - 17:44

Bolsonaro recebe líderes partidário e enfatiza alto nível da conversa enquanto Guedes consegue fato inédito

DIA 93

Jogo pesado

3 de abril de 2019 - 17:59

Presidente promete maior atuação na reforma da Previdência

dia 92

Dia 92 de Bolsonaro: Polêmicas na Terra Santa

2 de abril de 2019 - 17:52

Afirmação que mais repercutiu foi sobre o nazismo ser de esquerda

dia 91

Sabedoria para bem decidir

1 de abril de 2019 - 17:33

Presidente tem que “bem decidir” como fazer a “nova política” e rápido

dia 88

O inimigo agora é outro

29 de março de 2019 - 17:56

Presidente e Rodrigo Maia parem ter selado um armistício

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies