Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-04T14:19:04-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Avaliação da S&P e Fitch

Odebrecht Engenharia e Construção sofre tombo duplo com cortes de suas notas de crédito por agências

Medida anunciada pela S&P e Fitch vieram após a empreiteira anunciar que não pagaria US$ 11,5 milhões em juros aos credores

26 de novembro de 2018
19:38 - atualizado às 14:19
odebrecht
Empreiteira viu duas de suas notas de crédito serem cortadas em um dia - Imagem: Shutterstock

Duplo revés para a Odebrecht Engenharia e Construção (OEC) nesta segunda-feira, 26. As agências de classificação de risco Standard & Poor's e Fitch rebaixaram as notas de crédito da companhia após a notícia de que o pagamento de juros de US$ 11,5 milhões aos credores, vencidos em outubro, não seria efetuado.

Na S&P, a nota da Odebrecht passou de CC para D. "A OEC também anunciou que pretende realizar uma reestruturação de toda a sua estrutura de capital, a fim de buscar uma posição financeira mais equilibrada no futuro", ressaltou a agência.

Já na classificação da Fitch, a nota de crédito foi de C para RD (default seletivo). Segundo comunicado, a Odebrecht anunciou a contratação de assessores legais para negociar com os detentores da dívida, o que para a agência indica o início de um processo para renegociação dessa dívida

A Fitch diz também que a empresa precisa concluir a potencial reestruturação de dívida dentro dos próximos dois meses, para evitar outros desdobramentos por parte dos detentores dos bônus.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Ajuste seu relógio

Pregão terá uma hora a mais a partir de novembro; entenda a mudança e veja a nova agenda da bolsa

As alterações começam a valer a partir do dia 8 de novembro; a B3 vai ajustar a bolsa para refletir o fim do horário de verão nos EUA

Nada de penny stock

Na Saraiva (SLED3 e SLED4), uma medida para aliviar a pressão da CVM — mas que não tira a corda do pescoço

A Saraiva (SLED3 e SLED4) quer fazer um grupamento de ações na proporção de 35 para 1, saindo da casa dos centavos — mas perdendo liquidez

Seu Dinheiro no sábado

O que esperar para os seus investimentos até 2024?

Como parte das comemorações de três anos do Seu Dinheiro, montamos um conteúdo especial para discutir o cenário de investimentos até 2024

PAPO CRIPTO #004

Bitcoin (BTC) pode chegar aos US$ 100 mil ainda este ano, tudo depende dos EUA, afirma André Franco ao Papo Cripto

As gamecoins como o Axie Infinity devem movimentar ainda mais o mercado até o final do ano

ATENÇÃO, ACIONISTA

Hapvida (HAPV3) vai recomprar até 100 milhões de ações; papéis acumulam queda de 17% no ano

A operadora de saúde anunciou hoje que dará início a um programa de recompra de papéis com duração de até 18 meses

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies