Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-03-18T14:05:38-03:00
Estadão Conteúdo
Luz no fim do túnel?

Fitch eleva previsão de alta do PIB brasileiro em 2021, de 3,1% a 3,3%

Apenas no quarto trimestre do ano passado, o PIB cresceu 3,2% ante os três meses anteriores.

18 de março de 2021
14:05
Fachada da Fitch Ratings
Imagem: Shutterstock

A Fitch elevou sua projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Brasil neste ano, de 3,1% para 3,3%, diante do desempenho melhor do que o esperado do País no ano passado.

Leia também:

Em 2020, a economia brasileira sofreu contração de 4,1%, menor do que a queda de 4,6% que a agência de classificação de risco estimava no seu relatório de perspectiva econômica global de dezembro. Apenas no quarto trimestre do ano passado, o PIB cresceu 3,2% ante os três meses anteriores.

Segundo a Fitch, a revisão também reflete um cenário externo mais favorável, como a recuperação da China, a alta dos preços das commodities e o contexto internacional de acomodação da política monetária.

De qualquer forma, a Fitch considera que a recuperação esperada para 2021 será "morna", após a forte retração do ano passado.

A Fitch prevê que o aperto fiscal pesará no ritmo de recuperação do Brasil e que estímulos monetários serão revertidos agressivamente ao longo do ano.

A agência também aponta riscos ligados à evolução da pandemia de covid-19 no País, como atrasos na campanha de vacinação, que já começou em ritmo lento.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

MANDOU BEM?

Mudanças no alto escalão da Ultrapar agradam — mas enquanto ações sobem 9%, analistas apontam que ainda é cedo para uma reclassificação

A Ultrapar parece realmente disposta a deixar os dias de dificuldade para trás e se fortalecer como uma empresa distribuidora de combustíveis e as recentes mudanças anunciadas na noite de ontem (22) indicam isso.  Em fato relevante, a companhia informou que Marcos Lutz irá substituir Frederico Curado como novo CEO do grupo a partir de […]

OCCUPY B3

MTST ocupa sede da B3 em protesto contra o governo e a desigualdade social

Militantes do movimento por moradia entraram no saguão da bolsa de valores em ato contra as altas no desemprego e na inflação

Balança, mas (ainda) não cai

Qual o destino da Evergrande? Veja quatro possíveis cenários para a crise da gigante chinesa

As ações da Evergrande subiram mais de 17% na bolsa de valores de Hong Kong após um acordo com credores. A situação, porém, está longe de ser resolvida. Saiba o que esperar

mercado cripto

Bitcoin e criptomoedas: XP e Rico lançam dois fundos, com investimento a partir de R$ 100

Com gestão passiva, produtos são voltados ao público geral, com taxa de administração de 0,5% ao ano, sem proteção cambial ou taxa de performance

Destaques da bolsa

Cyrela (CYRE3): ‘Sem razões para ânimo’ com o setor, Credit Suisse rebaixa recomendação para construtora e ações têm queda firme

Banco suíço, que rebaixou recomendação de “compra” para “neutra”, vê um cenário difícil para as construtoras nos próximos meses por causa da alta da inflação e da taxa básica de juros

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies