Menu
2019-11-27T07:26:07-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Na Berlinda

Agências de classificação de risco rebaixam perspectiva da Braskem de estável para negativa

Segundo a S&P, a mudança de avaliação reflete um potencial de rebaixamento no rating da empresa nos próximos dois anos, caso a Braskem não “melhore as medidas de crédito”

27 de novembro de 2019
7:26
Vista da então nova unidade da Braskem Petroquímica em Paulínia, São
Vista da então nova unidade da Braskem Petroquímica em Paulínia, São Paulo. - Imagem: Estadão Conteúdo/Alex Silva

Tanto a agência de classificação de risco S&P e a Fitch alteraram suas perspectivas para a Braskem, empresa que sofre seguidas perdas em razão da recuperação judicial da Odebrecht.

A S&P alterou sua classificaçao de estável para negativa nesta terça-feira, mas reafirmou o rating BBB- da companhia. A Fitch também reafirmou o rating de crédito BBB-, mas alterou sua perspectiva para a companhia de estável para negativa.

Segundo a S&P, a mudança de avaliação reflete um potencial de rebaixamento no rating da empresa nos próximos dois anos, caso a Braskem não "melhore as medidas de crédito".

"A perspectiva negativa em escala global reflete nossa visão de que a Braskem pode continuar enfrentando a deterioração financeira observada neste ano nos próximos 12 a 18 meses", afirma a S&P. A agência acrescenta que, se os atuais desafios operacionais persistirem, as margens de Ebitda da empresa podem cair a níveis abaixo de 10% em 2020.

De acordo com a S&P, os riscos que podem levar a companhia a níveis de dívida mais altos incluem efeitos da guerra comercial entre Estados Unidos e China na demanda mundial, os passivos contingenciados da operação em Alagoas e possíveis altas na oferta global de polietileno (PE) e polipropileno (PP).

A agência prevê, ainda que a Braskem tenha um Ebitda de R$ 5 bilhões em 2019 e de R$ 5,8 bilhões em 2020, ante R$ 8,8 bilhões no ano passado.

Já a Fitch diz que a  mudança de avaliação é resultado "da confluência de uma forte retração nos spreads petroquímicos devido ao menor crescimento global, além da expectativa de materialização das despesas e/ou multas ou outros passivos legais relacionados às operações da Braskem em Alagoas".

Para evitar um rebaixamento de seu rating, de acordo com a Fitch, a empresa terá que "reforçar seu fluxo de caixa e o balanço patrimonial por meio de medidas como novas iniciativas de corte de custos, redução de investimentos e dividendos e/ou vendas de ativos".

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

BOA NOTÍCIA

Saúde assina intenção de compra de vacinas da Pfizer e da Janssen

Governo quer comprar sem licitação 100 milhões de doses da vacina contra a covid-19 da Pfizer e de 38 milhões da vacina da Janssen

Esquenta dos Mercados

Ibovespa futuros aponta para abertura positiva com avanço de PEC emergencial no Senado

Descolado do exterior, o Ibovespa deve abrir em alta, mas para quem viveu o pregão de ontem, tudo pode acontecer

ilegal

Suspeita de insider da Petrobras já estava no radar da B3

Transações com papéis da empresa com aparência de uso de informação privilegiada deram a um investidor lucro de R$ 18 milhões

Caixa vai seguir adiante com venda de ações ordinárias do Banco Pan

Banco Pan protocola pedido de registro de oferta pública de distribuição secundária das ações detidas pela CaixaPar

debandada

Mais um conselheiro pede para deixar a Petrobras

Leonardo Antonelli é o quinto membro do colegiado a solicitar para que não seja reconduzido como indicado pela União, acionista controlador da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies