';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-03-29T18:07:40-03:00
Bruno Monteiro

Matheus Spiess: Inflação – por que está tudo caro no Brasil?

29 de março de 2021
18:06 - atualizado às 18:07

Matheus Spiess, analista da Empiricus, te conta no vídeo de hoje o que está acontecendo no mundo em relação à inflação.

Nas últimas semanas muito ouvimos falar sobre as decisões de política monetária dos Bancos Centrais, que tem como meta preservar o poder de compra da moeda e garantir maior previsibilidade nas decisões econômicas no longo prazo, além de estabilidade nos preços, através da principal ferramenta que tem em mão: a taxa básica de juros.

Assista ao vídeo:

Antes de mais nada, é preciso entender o panorama geral. O que está acontecendo lá fora?

  1. Recuperação da economia. Depois de um ano tão complicado, podemos acompanhar a recuperação de carregamento estatístico, planos de estímulos ao redor do mundo e vacinação da população. A soma desses fatores normaliza a situação econômica, pessoas voltam a consumir, o que leva a uma elevação da expectativa da inflação - aumento da procura, aumento de preço, perda do poder de compra da moeda;
  2. Alta dos preços das commodities. Países desenvolvidos voltando a ativa, reabastecendo suas cadeias de suprimentos o que impulsiona as commodities e o aumento de preço da matéria prima, encarecendo os bens de consumo;
  3. Quebra cadeia de suprimentos globais. Os setores da economia não voltam à ativa juntos, gerando uma quebra de oferta e demanda e um choque de preços;
  4. Expansionismo fiscal e monetário. Grandes gastos ao redor do mundo, muita liquidez. Com mais dinheiro na economia, ele perde seu valor e propicia uma pressão de preço.

Além de tudo isso, no Brasil ainda temos algumas complicações:

  1. Fiscal muito debilitado. A dívida sobre o PIB está em patamares bastante complicados para países emergentes, além do país ter pouca credibilidade de bom pagador.
  2. Pior momento da pandemia. Atualmente temos cidades fechadas e uma gravíssima crise sanitária;
  3. Alta do dólar. Com a taxa de juros pra baixo, há uma diminuição do diferencial de juros entre Brasil e países desenvolvidos, tirando recursos do Brasil. Se esse diferencial se achata, temos uma depreciação do real. Além do real ser uma moeda exótica e frágil.

Porém, ao que tudo indica, que a inflação parece ser baixa no longo prazo pelos seguintes motivos:

  • Demografia. Com o envelhecimento da população, o gasto hoje é menor para que seja maior no futuro. Isso significa menos pressão de preços no presente;
  • Tecnologia. Os processos produtivos tem um custo mais baixo, barateando o produto final;
  • Globalização. Costuma ser taxada com um viés de deflação.

E como foi a decisão dos Bancos Centrais levando em conta esses cenários?

O Federal Reserve, Banco Central americano, manteve o juro entre 0% e 0,25% e travou essa decisão até 2023. Ao seu ver, a inflação é temporária levando em consideração a estabilidade de preços, a pleno emprego.

Já a reunião do Copom, do Banco Central Brasileiro, resolveu tirar liquidez da economia, uma vez que por aqui a inflação não parece ser tão temporária assim. Além disso, foi preciso levar em conta os fones hereditários, contratando mais 0,75pp para a próxima reunião.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

DANÇA DAS CADEIRAS

Da Fiesp para a Petrobras: Josué Gomes é cotado para o conselho da Petrobras

28 de janeiro de 2023 - 13:59

A montagem da chapa do governo na Petrobras foi discutida em reunião entre Lula e o seu indicado para a presidência da empresa, Jean-Paul Prates

VEÍCULOS ELÉTRICOS

Elon Musk comemora! Entenda o que fez a ação da Tesla ter seu melhor desempenho semanal desde 2013

28 de janeiro de 2023 - 12:07

As ações da Tesla subiram 33% na semana, interrompendo um período de seis meses em que caíram mais de 40%

ESTÁ SÓ COMEÇANDO

Insider trading na Americanas? CVM abre inquérito para investigar

28 de janeiro de 2023 - 8:48

CVM instaura inquéritos administrativos para apurar condutas suspeitas em meio à derrocada da Americanas (AMER3)

Aperta o play!

Campos Neto manterá o plano de voo? Os desafios do Banco Central autônomo no governo Lula e o que esperar da próxima Super Quarta

28 de janeiro de 2023 - 8:00

No podcast Touros e Ursos desta semana, as expectativas para as decisões de juros nos EUA e no Brasil, após Lula criticar a autonomia do Banco Central

LOTERIAS

Lotofácil tem 4 ganhadores; Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 75 milhões

28 de janeiro de 2023 - 7:55

Enquanto a Lotofácil segue fazendo a alegria dos apostadores, Mega-Sena está acumulada desde o sorteio da virada

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies