🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView

As duas interpretações para a reação de Guedes à Previdência

Expectativas positivas para votação da reforma na comissão especial leva Ibovespa e dólar a novas marcas.

4 de julho de 2019
16:12
O ministro da Economia Paulo Guedes, durante cerimônia de posse aos presidentes dos bancos públicos.
Ministro da Economia Paulo Guedes - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

É 1, é 2, é 3! Há algo a comemorar e o mercado financeiro local -- mesmo com Nova York paralisada pelo feriado da Independência dos Estados Unidos – consegue atravessar a tarde registrando duas marcas: suportes foram rompidos na Bolsa e no Câmbio. O Ibovespa chegou a furar a resistência de 104 mil pontos e o dólar rompeu o suporte de R$ 3,80 e de R$ 3,79 no melhor momento da sessão. Ainda que no fechamento essas conquistas não sejam reprisadas, há uma inequívoca mobilização de investidores à notícia do dia: a aprovação da reforma da Previdência na comissão especial da Câmara.

A comissão aprovou o parecer do relator, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) por 36 votos a favor e 13 contrários ao texto. A comissão está avaliando os destaques ao projeto. Apesar da resistência do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM-RS), em reconhecer a possibilidade de a reforma das aposentadorias ser votada na semana que vem no Plenário da Câmara, a conclusão da reforma na Casa – antes do recesso parlamentar com início no próximo dia 18 – não está descartada.

Onyx, há pouco, afirmou que é certo a votação do projeto em 1º turno na Câmara, o que já é muita coisa, vamos combinar!

Já o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse o que todos gostariam de ouvir. Ele afirmou que a reforma aprovada na comissão especial tem “potência fiscal” suficiente para tentar “lá na frente” criar o regime de capitalização no Brasil. A declaração, dada na apresentação da edição deste ano da Expert, evento da XP Investimentos, em São Paulo, autoriza duas interpretações: a proposta de implantar o regime de capitalização no país, menina dos olhos de Paulo Guedes, será reerguida futuramente; o ministro da Economia segue no seu posto e dará curso à agenda econômica positiva na qual o mercado financeiro aposta firmemente.

Satisfeito com o horizonte que se abre após tanta turbulência, o ministro da Economia avança no discurso e afirma que o governo tem dois anos para “simplificar, eliminar e reduzir impostos”, em referência ao período previsto para que o acordo Mercosul e União Europeia entre em vigor. Paulo Guedes lembra ainda que o trabalho que o governo pretende fazer na área tributária tem o objetivo de tornar nossa economia mais competitiva. Aleluia

Compartilhe

TAG SUMMIT 2022

Em evento do mercado financeiro, Paulo Guedes volta a defender projetos do governo e reforça crescimento do Brasil

17 de agosto de 2022 - 19:44

Paulo Guedes, ministro da Economia, também aproveitou a ocasião para dizer que permanecerá no cargo em caso de reeleição

NADA DIPLOMÁTICO

Paulo Guedes fala em “ligar o foda-se” para França, maior empregador estrangeiro no Brasil

11 de agosto de 2022 - 9:36

O país europeu é terceiro que mais investe no Brasil; as exportações para a França vêm crescendo 18% neste ano

EXPERT XP 2022

No evento dos investidores, Guedes pinta o Brasil com cores escolhidas a dedo

3 de agosto de 2022 - 20:38

Paulo Guedes falou à plateia de investidores e reclamou dos “mas” que costuma ouvir quando fala de algum dado positivo sobre o atual governo

CONTRA O DRAGÃO

Guedes sugere congelamento de preços a empresários — conheça os efeitos da prática que já ficou famosa no Brasil

10 de junho de 2022 - 14:12

Enquanto o ministro pede que as tabelas de preços sejam atualizadas apenas em 2023, após as eleições, Bolsonaro diz que empresários devem ter o menor lucro possível com a cesta básica

FECHAMENTO DO DIA

Descolado do exterior, Ibovespa recua 0,8% e quase perde os 110 mil pontos; dólar sobe e vai a R$ 4,79

6 de junho de 2022 - 18:23

O índice até abriu o dia em alta, mas o ímpeto positivo não foi páreo para o noticiário nacional, que incluiu uma nova fritura do ministro da Economia, Paulo Guedes

COMBUSTÍVEIS

É o fim da alta da gasolina? Bolsonaro quer resolver a questão dos combustíveis com Guedes ‘nos próximos dias’

6 de junho de 2022 - 12:55

Na última semana, Bolsonaro reuniu os ministros para debater sobre a possibilidade de criar um subsídio para combustíveis, mas o ministro da Economia convenceu o presidente a esperar

Ministérios

A kryptonita de Paulo Guedes: “superministério” é ameaçado pela promessa de recriação de mais uma pasta

27 de maio de 2022 - 10:50

Bolsonaro prometeu recriar o Ministério da Indústria e Comércio, cujas atribuições estavam sob comando do Ministério da Economia de Paulo Guedes desde 2019.

DE VOLTA À MESA

Privatização da Petrobras (PETR4) vai acontecer? Para Guedes, se Bolsonaro for reeleito, sim; confira o que disse o ministro em Davos

26 de maio de 2022 - 11:41

O ministro da Economia ainda afirmou que o Brasil está saindo da crise “na frente da curva” e que a inflação no país poderia ter atingido o pico e logo começaria a recuar

PRIVATIZAÇÃO

O Porto de Santos pode ter um dono holandês? Foi o que indicou o ministro Paulo Guedes

26 de maio de 2022 - 10:17

O ministro teve hoje uma reunião bilateral com o presidente da APM Terminals, Keith Svendsen, que demonstrou interesse em comprar o Porto de Santos

Integração latino-americana

Vem aí o “peso real”? Paulo Guedes defende criação de moeda única para Brasil e Argentina

25 de maio de 2022 - 12:00

O Ministro da Economia destacou a importância da integração latino-americana em meio à conjuntura mundial conturbada, e sugeriu a possibilidade de uma moeda comum.

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies