🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-06-07T01:18:34-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
FECHAMENTO DO DIA

Descolado do exterior, Ibovespa recua 0,8% e quase perde os 110 mil pontos; dólar sobe e vai a R$ 4,79

O índice até abriu o dia em alta, mas o ímpeto positivo não foi páreo para o noticiário nacional, que incluiu uma nova fritura do ministro da Economia, Paulo Guedes

6 de junho de 2022
18:23 - atualizado às 1:18
Estrada 110 Ibovespa
Imagem: Shutterstock

Você se lembra de quando víamos o Ibovespa quebrar, dia após dia, recordes de fechamento até alcançar pontuações em patamares inéditos? Parece que já faz muito tempo desde que essa era a realidade da bolsa brasileira, mas a máxima foi batida em junho de 2021.

Um ano depois, a história é outra. Agora é mais frequente observarmos o principal índice da B3 descer os degraus históricos, enquanto torcemos para que ele não perca mais um nível de sustentação ao final do pregão. 

A segunda-feira (6) foi um desses dias. O apetite ao risco foi renovado no exterior após as boas notícias sobre a economia chinesa, mas o mercado brasileiro experimentou altas doses de volatilidade graças aos temores inflacionários e políticos internos.

Descolado das principais bolsas internacionais — incluindo Wall Street, onde os três principais índices encerraram o dia no azul — o Ibovespa até abriu a semana em alta, mas passou a operar em terreno negativo no final da manhã.

À tarde, o índice beirou os 109 mil pontos na mínima do dia, pouco antes de esboçar uma recuperação e inverter o sinal. Mas o ímpeto positivo não foi páreo para o noticiário nacional, que incluiu uma nova fritura do ministro da Economia, Paulo Guedes.

O presidente Jair Bolsonaro cobrou publicamente o ministro — cuja agenda de hoje contemplou conversas sobre a redução do ICMS dos combustíveis com a cúpula do Congresso — e declarou que sofre pressão para demitir Guedes.

Com o risco político e fiscal renovado, o Ibovespa voltou a operar em queda pouco antes do final do pregão e fechou o primeiro dia da semana em baixa de 0,82%, aos 110.185 pontos.

Já o dólar fez o caminho oposto. A moeda norte-americana abriu a segunda-feira recuando ante ao real, mas inverteu o sinal ainda durante a manhã.

O índice DXY, que faz a comparação do dólar com outras moedas fortes, também passou a subir durante a tarde. Impulsionada pelo bom desempenho no mercado internacional, a moeda americana avançou 0,36% hoje, a R$ 4,7957.

Guedes em banho maria ou óleo quente?

Com a aproximação do período eleitoral, Jair Bolsonaro busca medidas para aliviar a alta dos combustíveis e aumentar seus índices de aprovação. A situação é especialmente delicada entre o presidente e os caminheiros, uma de suas bases de apoio no pleito de 2018.

De mãos atadas quanto à política de preços da Petrobras e sem alternativas para privatizar a estatal antes de outubro, Bolsonaro espera que Guedes traga uma solução para o problema.

E o ministro trabalha no assunto, reunindo-se com os presidentes das duas casas do Congresso e com o relator do projeto sobre o ICMS, senador Fernando Bezerra (MDB-PE). Ainda assim, Bolsonaro já admitiu que parte de seu núcleo político pede a cabeça do ministro.

Privatização da Eletrobras (ELET3)

Outro assunto que movimenta o noticiário nacional é a privatização da Eletrobras (ELET3). O caminho para a desestatização foi liberado hoje após o fim do impasse com os debenturistas de Furnas, uma das subsidiárias da companhia.

Depois de uma disputa judicial para suspender uma assembleia com os credores, a reunião aconteceu e aprovou o aporte de R$ 1,58 bilhão na Madeira Energia (Mesa).

Mesa é a empresa que controla a Usina Hidrelétrica Santo Antônio, que tem a concessão para operação da hidrelétrica. Com o aporte, feito por meio de subscrição de aumento de capital de Mesa, Furnas passará a deter 72,4% de participação na companhia, dos até então 43,06%.

Retirada essa pedra, o caminho fica livre para a Eletrobras dar seguimento ao processo de privatização, cuja precificação está marcada para quinta-feira (9). A oferta de ações pode chegar a R$ 35 bilhões.

Sobe e desce do Ibovespa

Com mais um dia de temores inflacionários no radar, as empresas ligadas à tecnologia e ao varejo voltaram a dominar a ponta negativa do Ibovespa.

Veja quais foram as maiores quedas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
HAPV3Hapvida ONR$ 5,94-6,31%
POSI3Positivo Tecnologia ONR$ 8,11-6,13%
CASH3Meliuz ONR$ 1,70-5,56%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 3,40-5,29%
AMER3Americanas S.AR$ 17,44-5,22%
Fonte: B3

Confira também as maiores altas:

CÓDIGONOMEULTVAR
RADL3Raia Drogasil ONR$ 21,882,77%
CMIN3CSN Mineração ONR$ 5,262,14%
LWSA3Locaweb ONR$ 7,191,41%
ASAI3Assaí ONR$ 15,621,10%
SUZB3Suzano ONR$ 53,401,08%
Fonte: B3
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

NOITE CRIPTO

Sem fôlego: bitcoin (BTC) opera em alta, mas ainda não volta para os US$ 20 mil; entenda por quê

Apesar do respiro desta sexta-feira (1), o bitcoin ainda sente todo o peso de um Federal Reserve mais agressivo contra a inflação. A semana também não foi tão positiva assim com o noticiário do universo digital.

VAI TER QUE PAGAR!

Um acordo de milhões: Petrobras (PETR4) se entende com a ANP sobre royalties da operação de xisto no Paraná

Segundo a estatal, o acordo envolve o pagamento de R$ 601 milhões pela companhia — um montante que já foi provisionado nas demonstrações financeiras

CASOU!

Enfim, sós! Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3) consumam combinação de negócios; confira detalhes

Por conta do enlace, hoje foi o último dia de negociação das ações de emissão da Unidas na B3

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Ibovespa começa julho com o pé direito, o reforço de caixa da MRV (MRVE3) e a semana em cripto; confira os destaques do dia

Que sexta-feira costuma ser o dia da semana favorito de muita gente não é novidade, mas você já reparou na tendência que temos de tentar fazer dele o mais leve de todos para não atrapalhar o descanso do fim de semana? Seja no escritório ou no mercado financeiro, o último dia útil é o momento […]

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa dá uma pausa nas perdas e sobe 0,29% na semana, mas dólar dispara e chega a R$ 5,32

O começo de julho foi mais animador para o Ibovespa, mas as dificuldades seguem pressionando o câmbio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies