🔴 ESTA CRIPTOMOEDA DISPAROU 4.200% EM 2 DIAS – VEJA SE VALE INVESTIR

Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Banco Central

Senado inicia trâmites para sabatina de novo presidente do BC e diretores

Na sessão desta terça-feira senadores devem apresentar seus pareceres sobre Roberto Campos Neto e sobre os diretores Bruno Serra Fernandes e João Manoel Pinho de Mello

Eduardo Campos
Eduardo Campos
19 de fevereiro de 2019
9:18
Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central no governo Bolsonaro
Com a proximidade da decisão do Copom, ibovespa recua e opera no vermelho hoje - Imagem: Marcos Corrêa/PR

Está na pauta da Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado a leitura dos relatórios sobre as indicações de Roberto Campos Neto, para presidente do Banco Central (BC), e dos diretores Bruno Serra Fernandes e João Manoel Pinho de Mello. A sabatina acontecerá na próxima terça-feira, dia 26.

O relatório sobre a indicação de Roberto Campos Neto está a cargo do senador Eduardo Braga (MDB-AM). Após considerar a apresentação feita por Campos Neto, na qual ele apresenta suas credenciais acadêmicas e diz alinhado à equipe econômica, o senador afirma que a comissão se encontra em condições de deliberar sobre a indicação.

O mesmo procedimento acontecerá para os indicados às diretorias. A relatoria do processo de Bruno Serra Fernandes para diretor de Política Monetária está com o senador Rodrigo Pacheco (DEM-RO).

Nos documentos enviados ao senado, Fernandes, relata sua trajetória profissional, com passagens pelo Boston Asset Management (2002), tesouraria do Bank Boston (2005), sua atuação na gestão de risco da instituição, após a compra do Boston pelo Itaú e posterior fusão com Itaú Unibanco (2006 a 2013). Em 2014, Fernandes assumiu a área de renda fixa proprietária, e descreve sua experiência no trato com investidores estrangeiros e participação em fóruns locais e internacionais voltados à promoção do mercado de capitais brasileiros.

Sobre sua participação acionária no Itaú Unibanco, Fernandes diz que fará alienação das ações até a data de sua posse. Fernandes é economista formado pelo Ibmec e mestre em economia pela USP.

A indicação de João Manoel Pinho de Mello para a diretoria de Organização do Sistema Financeiro e Resolução está com o senador Wellington Fagundes (PR-MT).

Nos documentos enviados ao Senado, Pinho de Mello apresenta sua carreira acadêmica como professor em universidades no Brasil e no exterior e listou diversos artigos publicados. Entre 2013 e 2016 ele foi sócio da Pacífico Gestão de Recursos. Em março de 2017 chegou ao extinto Ministério da Fazenda, como chefe da assessoria especial para Reformas Microeconômicas, depois virou secretário de promoção da Produtividade e Advocacia da Concorrência e no fim de 2018 respondeu pela Secretaria de Política Econômica. O indicado tem PhD em economia pela universidade de Stanford.

Pinho de Mello afirma que no período em que exerceu cargos no Ministério da Fazenda atuou junto com o Banco Central na formulação e implementação de reformas para melhorar a intermediação financeira e promoção da concorrência. O indicado teve forte atuação, por exemplo, no projeto do cadastro positivo de crédito, e na adoção da Taxa de Longo Prazo (TLP), que substituiu a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) nas operações do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

A sabatina dos três indicados está agendada para o dia 26 de fevereiro. Geralmente os indicados fazem um discurso inicial e depois respondem aos questionamentos dos senadores. Finda essa etapa é feita a votação/apuração de votos na comissão. Depois os nomes vão à apreciação do plenário do Senado.

Se aprovados, os indicados são formalmente nomeados e depois ocorre a posse em evento no Banco Central (BC). Todas essas etapas devem estar concluídas até o começo de março, permitindo que Campos Neto e os diretores votem na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) dos dias 19 e 20 de março.

Compartilhe

SOBE MAIS UM POUQUINHO?

Campos Neto estragou a festa do mercado e mexeu com as apostas para a próxima reunião do Copom. Veja o que os investidores esperam para a Selic agora

15 de setembro de 2022 - 12:41

Os investidores já se preparavam para celebrar o fim do ciclo de ajuste de alta da Selic, mas o presidente do Banco Central parece ter trazido o mercado de volta à realidade

PREVISÕES PARA O COPOM

Um dos maiores especialistas em inflação do país diz que não há motivos para o Banco Central elevar a taxa Selic em setembro; entenda

10 de setembro de 2022 - 16:42

Heron do Carmo, economista e professor da FEA-USP, prevê que o IPCA registrará a terceira deflação consecutiva em setembro

OUTRA FACE

O que acontece com as notas de libras com a imagem de Elizabeth II após a morte da rainha?

9 de setembro de 2022 - 10:51

De acordo com o Banco da Inglaterra (BoE), as cédulas atuais de libras com a imagem de Elizabeth II seguirão tendo valor legal

GREVE ATRASOU PLANEJAMENTO

Banco Central inicia trabalhos de laboratório do real digital; veja quando a criptomoeda brasileira deve estar disponível para uso

8 de setembro de 2022 - 16:28

Essa etapa do processo visa identificar características fundamentais de uma infraestrutura para a moeda digital e deve durar quatro meses

FAZ O PIX GRINGO

Copia mas não faz igual: Por que o BC dos Estados Unidos quer lançar um “Pix americano” e atrelar sistema a uma criptomoeda

30 de agosto de 2022 - 12:08

Apesar do rali do dia, o otimismo com as criptomoedas não deve se estender muito: o cenário macroeconômico continua ruim para o mercado

AMIGO DE CRIPTO

Com real digital do Banco Central, bancos poderão emitir criptomoeda para evitar “corrosão” de balanços, diz Campos Neto

12 de agosto de 2022 - 12:43

O presidente da CVM, João Pedro Nascimento, ainda afirmou que a comissão será rigorosa com crimes no setor: “ fraude não se regula, se pune”

AGORA VAI!

O real digital vem aí: saiba quando os testes vão começar e quanto tempo vai durar

10 de agosto de 2022 - 19:57

Originalmente, o laboratório do real digital estava previsto para começar no fim de março e acabar no final de julho, mas o BC decidiu suspender o cronograma devido à greve dos servidores

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

O ciclo de alta da Selic está perto do fim – e existe um título com o qual é difícil perder dinheiro mesmo se o juro começar a cair

2 de agosto de 2022 - 5:58

Quando o juro cair, o investidor ganha porque a curva arrefeceu; se não, a inflação vai ser alta o bastante para mais do que compensar novas altas

PRATA E CUPRONÍQUEL

Banco Central lança moedas em comemoração ao do bicentenário da independência; valores podem chegar a R$ 420

26 de julho de 2022 - 16:10

As moedas possuem valor de face de 2 e 5 reais, mas como são itens colecionáveis não têm equivalência com o dinheiro do dia a dia

AGRADANDO A CLIENTELA

Nubank (NUBR33) supera ‘bancões’ e tem um dos menores números de reclamações do ranking do Banco Central; C6 Bank lidera índice de queixas

21 de julho de 2022 - 16:43

O banco digital só perde para a Midway, conta digital da Riachuelo, no índice calculado pelo BC

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar