Menu
2019-10-14T14:08:28-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
GUIA DO SEU DINHEIRO

Como investir no Tesouro Direto. Aprenda de uma vez por todas!

Para comprar títulos públicos você só precisa ter CPF, conta corrente em uma instituição financeira e pelo menos R$ 30 para investir.

11 de outubro de 2018
16:28 - atualizado às 14:08
guia do Tesouro Direto
Guia do Tesouro Direto - Imagem: Seu Dinheiro com Shutterstock

Agora que você já sabe o que é o Tesouro Direto, vou te mostrar como investir na prática. Caso você queira entender melhor o que é o Tesouro Direto, acesse aqui a matéria do Fernando Pivetti. Se você está louco para colocar a mão na massa e comprar títulos públicos, continue a ler essa matéria.

O Seu Dinheiro fez um guia completo para te ajudar a compreender tudo sobre o nosso amigo TD. Nos próximos dias você vai saber:

Como investir no Tesouro Direto?

Para comprar títulos públicos você só precisa ter CPF, conta corrente em uma instituição financeira e pelo menos R$ 30 para investir. Você terá de escolher um "agente de custódia", que nada mais é do que um banco ou uma corretora autorizados a fazer a intermediação da compra e venda entre você e o Tesouro.

Você poderá fazer a compra do seu título público tanto no home broker da corretora ou banco quanto no próprio site do Tesouro Direto.  Você deve ficar esperto na hora de escolher a sua corretora para investir. Existem muitas que não cobram taxas para essa modalidade de investimento, mas outras ainda cobram taxas salgadas.  No site do Tesouro Direto, tem uma lista das corretoras habilitadas e você pode ver quais têm taxa zero. 

Comprar pelo home broker

Fez ou já tem cadastro? Acesse seu Home Broker - área de operações das corretoras  - e selecione “Tesouro Direto”. A partir daí, é intuitivo: você seleciona qual título quer investir e aplica.

 

Compra pelo site do Tesouro

É importante lembrar que algumas instituições são “integradas” ao sistema da Bovespa. Em alguns casos, isso permite que, após elas repassarem seus dados à B3 e seu cadastro for realizado, você também poderá negociar títulos direto da plataforma do Tesouro. Por lá você também poderá acompanhar seu saldo.

 

Área restrita do Tesouro Direto, onde é possível consultar suas aplicações e títulos à venda - Imagem: Reprodução

Como consultar o saldo

Após a sua compra, seu título deve aparecer na conta do Tesouro em até 2 dias úteis ou 3 dias corridos, caso a compra tenha sido feita no feriado ou final de semana. O resgate também pode ser solicitado no site ou direto na sua corretora.  Mas é necessário ficar atento às taxas e prazos de resgate para cada título.

Como vender títulos

Você pode ficar com os títulos até o vencimento ou fazer uma venda antecipada. Você pode vender seus títulos em qualquer data entre a compra e o vencimento, respeitando o horário de funcionamento da operação. No caso do vencimento, o saldo estará na sua conta às 13h00 do mesmo dia do pagamento. Se você fizer a venda antecipada, o dinheiro cai na sua conta a partir das 13h do dia seguinte da venda.

Investimento programado

Se você quiser, pode também agendar a sua compra ou venda no Tesouro Direto. Exemplo: seu salário cai no dia 30 e você quer investir automaticamente uma parte dele já pode deixar agendado. Mas atenção: não são todas as instituições financeira que fornecem essa comodidade. Aqui está a lista de quem tem o serviço.

Tipos de papéis

Antes de investir no TD, você deve considerar quanto tempo está disposto a esperar para receber o dinheiro de volta com seus devidos juros. Isso porque cada papel tem uma data de vencimento e suas condições de retorno podem variar. Os papéis podem ser pré ou pós-fixados. A sua remuneração pode variar conforme a taxa de juros básica (Selic) ou a inflação. Outra diferença é que você pode comprar títulos que paguem uma remuneração semestral ou apenas no vencimento. Qual o melhor? Depende do que você precisa.

Qual corretora escolher?

Ao todo, existem 78 corretoras que fazem a compra e venda de papéis do Tesouro Direto neste momento que escrevo. A lista completa delas está no site do Tesouro

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

nem tudo é sucesso

O projeto de Jeff Bezos que levou seis anos, milhões de dólares — e fracassou

Sem alarde, Amazon lançou em maio deste ano um jogo chamado “Crucible”, que foi retirado para download gratuito poucas semanas após ser disponibilizado

após marco legal

Estatais de saneamento pressionam governo por crédito

Empresas querem que o CMN retire os financiamentos às estatais de saneamento do cálculo do limite de exposição dos bancos ao setor público

'CALCINHA BEGE' DA ALOCAÇÃO DE ATIVOS

Conheça o método 60/40, uma estratégia simples e eficiente para montar seu plano de aposentadoria

Estratégia perfeita exatamente para quem sabe que precisa investir, mas não têm muito saco para fazê-lo

Decisão cautelar

TCU proíbe governo Bolsonaro de anunciar em sites que exerçam atividades ilegais

Indícios de irregularidades na veiculação de propagandas do governo federal levaram o TCU a tomar a decisão cautelar, concedida pelo ministro Vital do Rêgo

PGR

Aras recomenda a Guedes mais transparência em gastos no combate à pandemia

A pedido de procuradores do MPF-PE, o procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou recomendações para Guedes dar transparência aos gastos federais

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements