Menu
2018-10-08T22:11:23-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
CEO da BRF

Pedro Parente está otimista com o futuro do Brasil e da BRF – seja lá quem for o presidente

Para o executivo, negócios da BRF devem se beneficiar tanto em um governo Haddad como em um governo Bolsonaro

8 de outubro de 2018
14:43 - atualizado às 22:11
Pedro Parente, CEO da BRF
Pedro Parente, CEO da BRF - Imagem: José Cruz/Agência Brasil

Depois de passar a campanha eleitoral do primeiro turno em compasso de espera e alertando sobre riscos, Pedro Parente resolveu assumir seu lado otimista nesta segunda-feira pós-eleição. O CEO da BRF afirmou que está otimista com relação ao futuro "seja qual for a escolha do eleitor".

A fala do executivo feita em São Paulo ocorre em um momento de euforia do mercado com um segundo turno entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT), que possuem ideologias opostas. Para ele, tanto em um governo Haddad como um governo Bolsonaro, a BRF sairá favorecida.

"Não vejo o risco associado a um ou outro candidato, pois a produção de alimentos e as exportações, pontos fortes da empresa, continuam importantes em qualquer cenário", Pedro Parente

Vale lembrar que a vantagem de Bolsonaro teve efeito positivo sobre o dólar, que desabou 10 centavos nesta segunda. Citando essa forte movimentação, Parente informou que a queda da moeda norte-americana, no curto prazo, ajudará a BRF a reduzir a dívida da companhia. Já no médio e longo prazo, a desvalorização do real beneficia as exportações.

O otimismo do CEO, entretanto, não se refletiu nas ações da companhia. Enquanto os ativos seguiam o efeito manada de alta, os papéis da BRF fecharam o dia em queda de 0,09%.

E você, concorda com a visão do Pedro Parente? Deixe seu comentário aqui embaixo.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Agora vai?

MP da Eletrobras: relator mantém ‘jabutis’ e condiciona venda à compra de energia

No texto, Nascimento manteve a possibilidade de renovação antecipada da usina de Tucuruí, um dos maiores ativos da Eletronorte, e incluiu também a prorrogação da concessão da Hidrelétrica Mascarenhas de Moraes para Furnas.

Cresce a fila

CBA, da Votorantim, registra pedido de IPO na CVM

A empresa, que afirma ser a única companhia integrada de alumínio do Brasil, pretende financiar seu crescimento orgânico e inorgânico com os recursos levantados na oferta

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

O quebra-cabeças do mercado e outros destaques

Recentemente, eu fui presenteado com um quebra-cabeças de duas mil peças. “Ah, isso vai ser moleza; é só montar as bordas e depois ir preenchendo aos poucos”, pensei eu. Nem preciso dizer que eu estava redondamente enganado: a mesa da cozinha está tomada por pequenas partes de uma paisagem bucólica. De vez em quando eu […]

FECHAMENTO

Ibovespa tem mais um dia de ‘mais do mesmo’ e fecha em leve alta, contrariando NY

Setores pesos-pesados seguraram o índice no azul. O movimento garantiu uma leve alta de 0,03%, mais uma vez deixando o índice na trave dos 123 mil pontos

Vem oferta por aí

Rede D’Or confirma a avaliação para a realização de um follow on

O anúncio foi feito após o jornal Valor Econômico revelar que a companhia prepara uma oferta de ações que pode chegar a R$ 5 bilhões

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies