🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-02-15T16:05:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
A TODO VAPOR

O SVR não para: número de consultas sobre ‘dinheiro esquecido’ já beira os 60 milhões; veja mais

Os valores serão conhecidos apenas no momento do resgate, que foi dividido em três grupos para evitar uma corrida bancária

15 de fevereiro de 2022
16:05
Sede do Banco Central em Brasília | Copom
O Banco Central divulgou outro balanço das consultas realizadas no Sistema de Valores a Receber - Imagem: Shutterstock

O Banco Central divulgou nesta terça-feira, 15, mais um balanço das consultas realizadas no Sistema de Valores a Receber (SVR).

Até as 12 horas desta terça, foram 59,964 milhões de buscas por CPFs e CNPJs na plataforma que permite achar 'dinheiro esquecido' no sistema bancário.

A grande maioria das consultas é sobre pessoas físicas, nessa categoria são 58,806 milhões de consultas contra 1,157 milhão de pessoas jurídicas.

De acordo com o BC, mais de 11 milhões de cidadãos encontraram saldos em contas antigas, enquanto pouco mais de 222 mil empresas verificaram a existência de valores a serem recuperados.

A plataforma foi aberta para consultas pela primeira vez em 24 de janeiro no site do da instituição, mas saiu do ar horas depois devido à altíssima demanda de buscas.

Para resolver o problema, o Banco Central criou este site, chamado de Sistema de Valores a Receber, exclusivamente dedicado ao sistema, que foi aberto na segunda-feira, 14.

Os valores serão conhecidos apenas no momento do resgate, que foi dividido em três grupos para evitar uma corrida bancária.

A estimativa do Banco Central é de haja um total de R$ 8 bilhões a serem recuperados, dos quais R$ 3,9 bilhões devem ser liberados nesta etapa. Devem se beneficiar mais de 28 milhões de cidadãos e empresas.

Para saber quanto de 'dinheiro esquecido' se tem a receber, será necessário utilizar o cadastro na plataforma Gov.br do Governo Federal, com um nível de acesso prata ou ouro.

Esses níveis demandam mais autenticações, como reconhecimento facial e autorização via aplicativo do banco.

A divisão de agendamentos foi feita de acordo com o ano de nascimento ou de criação da empresa.

Para os nascidos e as firmas criadas antes de 1968, o período de agendamento de consulta e resgate será entre 7 e 11 de março, com repescagem no dia 12.

Para quem nasceu ou criou a empresa entre 1968 e 1983, o intervalo é de 14 a 18 de março, com repescagem no dia 19.

GUIA PARA BUSCAR DINHEIRO: baixe agora o guia gratuito com 51 investimentos promissores para 2022 e ganhe de brinde acesso vitalício à comunidade de investidores Seu Dinheiro

Para pessoas nascidas ou empresas criadas após 1983, o agendamento será entre 21 e 25 de março, com repescagem no dia 26.

Quem não estiver apto agora poderá tentar novamente a partir de 2 de maio, quando uma nova fase será aberta na plataforma, incluindo mais 'dinheiro esquecido'.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

GALINHA DOS OVOS DE OURO

Subsidiária da MRV (MRVE3) nos EUA garante mais de R$ 1 bilhão para construtora com venda de empreendimentos na Flórida

A Resia vendeu dois conjuntos localizados na Flóridas e a negociação rendeu cerca de R$ 375 milhões aos cofres da incorporadora

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

A quadrilha triste do Ibovespa e o nascimento de uma nova gigante; confira os destaques do dia

O mês de junho vai chegando ao fim, mas o mercado financeiro parece longe de se juntar às alegres festividades juninas espalhadas pelo país.  Na B3 e em Wall Street, os investidores dançam uma quadrilha pra lá de triste e cheia de obstáculos.  Não estamos falando de uma ponte quebrada, uma cobra perdida ou uma […]

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa despenca mais de 11% e tem o pior mês desde março de 2020; dólar sobe a R$ 5,23

O início do aperto monetário do Federal Reserve levou os ativos globais a ter um semestre para esquecer – e o Ibovespa não escapou disso

Proventos

Dividendos: Rede D’Or (RDOR3) e Raia Drogasil (RADL3) vão distribuir quase R$ 300 milhões em juros sobre capital próprio; veja detalhes

Pagamento de nova leva de proventos aos acionistas está previsto para o dia 16 de julho, no caso da Rede D’Or

ALTAS E BAIXAS

Destaques da bolsa: Fleury (FLRY3) e Hermes Pardini (PARD3) disparam com fusão; TC (TRAD3) e Light (LIGT3) despencam

A nova consolidação no setor de saúde mexeu com o segmento nesta quinta; a renúncia do CEO da Light pesou sobre as ações da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies