🔴 É HOJE! PLANO PRÁTICO PARA GERAR RENDA EM DÓLAR SERÁ REVELADO – VEJA COMO ACESSAR

Carolina Gama
Formada em jornalismo pela Cásper Líbero, já trabalhou em redações de economia de jornais como DCI e em agências de tempo real como a CMA. Já passou por rádios populares e ganhou prêmio em Portugal.
ATRAÇÃO FATAL

A provocação de Biden a Putin que pode fazer dos EUA o para-raios de ataques cibernéticos da Rússia

Presidente norte-americano alerta empresários sobre o potencial russo de atacar seu país no mundo virtual e defende mais investimentos

Carolina Gama
21 de março de 2022
20:24
Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, dá de ombros para pergunta
Joe Biden, presidente dos Estados Unidos - Imagem: Shutterstock

Um temporal com direito a chuvas e trovoadas está se armando e deve atingir em cheio os EUA. O país corre o risco de se tornar um para-raios de ataques cibernéticos depois que o presidente norte-americano, Joe Biden, disse que está pronto para enfrentar a Rússia no mundo virtual. 

Falando a empresários nesta segunda-feira (21), o chefe da Casa Branca alertou sobre potenciais ataques cibernéticos da Rússia contra os EUA, dizendo que Moscou tem capacidade de aumentar as ofensivas nesse campo de batalha.

Biden disse que são necessários investimentos em segurança cibernética para proteger empresas, além de garantir o funcionamento da estrutura crítica a exemplo de hospitais e o setor de energia do país. 

Colonial Pipeline, um caso que não dá para esquecer

Não é a toa que o presidente norte-americano citou o setor de energia. Em maio do ano passado, a Colonial Pipeline — a principal empresa de infraestrutura de petróleo dos EUA — foi forçada a encerrar temporariamente as operações devido a um ataque de ransomware. 

Na ocasião, a empresa pagou um resgate de US$ 4,4 milhões em bitcoin (BTC) aos agentes da ameaça, antes que as autoridades federais recuperassem US$ 2,3 milhões.

No mês passado, um funcionário do alto escalão do governo de Biden disse que os serviços de segurança da Rússia prenderam um hacker responsável pelo ataque.

Putin contra a parede?

O presidente norte-americano falou ainda aos empresários que o presidente russo, Vladimir Putin, está contra a parede

Segundo Biden, Putin nunca esperou que a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) estivesse tão unida e forte. Ele ainda destacou o apoio de Japão e Austrália contra o que chamou de agressão russa. 

  • IMPORTANTE: liberamos um guia gratuito com tudo que você precisa para declarar o Imposto de Renda 2022; acesse pelo link da bio do nosso Instagram e aproveite para nos seguir. Basta clicar aqui

Embora esteja agindo em parceria com aliados do Ocidente, o governo dos EUA tem pressionado a China a tomar uma posição no conflito. Hoje, a Casa Branca pediu que Pequim condenasse a invasão russa à Ucrânia.

Mas a tradicional aliada de Moscou se limitou, até o momento, a defender a diplomacia para colocar fim à guerra.

EUA e Rússia: uma relação por um fio

Mais cedo, o governo russo informou ter convocado o embaixador dos Estados Unidos em Moscou, John Sullivan, para um protesto formal depois de Biden ter chamado Putin de “criminoso de guerra”.

A declaração polêmica, feita na semana passada, colocou as relações entre Moscou e Washington à beira da ruptura, segundo um comunicado do Ministério das Relações Exteriores da Rússia traduzido pela NBC News.

Essa foi a primeira vez que o presidente norte-americano se referiu publicamente ao líder russo nesses termos.

Compartilhe

MAKE IT RAIN

Xi Jinping preocupado? China inicia novas medidas para tentar salvar a economia e a colheita; entenda

22 de agosto de 2022 - 9:10

O país asiático não só tenta apagar as chamas do dragão da desaceleração econômica, como também salvar a colheita do verão mais quente e seco de Pequim em 61 anos

EM FORTE QUEDA

China derruba preços do petróleo internacional e pode ajudar na redução da gasolina no Brasil; entenda

15 de agosto de 2022 - 11:06

Desde as máximas em março deste ano, o barril de petróleo Brent já recuou cerca de 26% com a perspectiva de desaceleração — e, possivelmente, recessão — global

COM PASSAGENS DE SAÍDA

Cinco empresas chinesas vão retirar seus ADRs da Bolsa de Nova York — saiba por quê

12 de agosto de 2022 - 17:02

As estatais anunciaram planos de retirada voluntária de seus ADRs ainda neste mês; a decisão acontece em meio à desacordo entre os órgãos reguladores da China e dos EUA

BOMBOU NAS REDES

A catástrofe na Rússia que Putin não quer que o Ocidente descubra: Estados Unidos e aliados estão causando um verdadeiro estrago na economia do país; veja os maiores impactos

11 de agosto de 2022 - 8:37

Enquanto algumas matérias derrotistas apontam a Rússia ‘à prova’ de sanções, um estudo de Yale afirma que os efeitos são catastróficos; entenda detalhes

ALERTA LARANJA

China contra-ataca: entenda o recado que Xi Jinping mandou ao lançar mísseis que caíram no Japão

4 de agosto de 2022 - 14:29

Governo japonês diz que cinco mísseis balísticos lançados por Pequim durante exercícios militares em torno de Taiwan caíram na zona econômica exclusiva do Japão pela primeira vez

TENSÃO NO AR

Tambores de uma nova guerra? Entenda por que Taiwan coloca China e Estados Unidos em pé de guerra

2 de agosto de 2022 - 14:56

Visita de Nancy Pelosi a Taiwan acirra tensões entre Estados Unidos e China em meio a disputa por hegemonia global

Tensão no ar

Após alertar Pelosi para não visitar Taiwan, China realiza exercícios militares na costa em frente à ilha

30 de julho de 2022 - 12:37

O Ministério da Defesa chinês alertou Washington, na última semana, para não permitir que a presidente da Câmara dos Deputados americana visite Taiwan

QUEDA DE BILHÕES

Como a crise imobiliária na China pulverizou metade da fortuna da mulher mais rica da Ásia

29 de julho de 2022 - 11:35

Yang Huiyan viu sua fortuna de US$ 23,7 bilhões cair pela metade nos últimos 12 meses; a bilionária controla a incorporadora Country Graden

BOM PARA OS DOIS

Enquanto Rússia corta gás para a Europa, gasoduto que leva a commodity à China está perto da conclusão

27 de julho de 2022 - 17:12

O canal de transporte do gás natural está em fase final de construção e interliga a Sibéria a Xangai; a China aumentou o fornecimento da commodity russa em 63,4% no primeiro semestre deste ano

TREASURIES NA BERLINDA

Por que a China e o Japão estão se desfazendo – em grande escala – de títulos do Tesouro do Estados Unidos

20 de julho de 2022 - 14:30

Volume de Treasuries em poder da China e do Japão estão nos níveis mais baixos em anos com alta da inflação e aumento dos juros nos EUA

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar