🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O SEU CAPITAL POR 7,5X COM 1 CLIQUE – CONHEÇA A FERRAMENTA

Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
FIIs HOJE

Fundo imobiliário HCTR11 usa reservas e segura dividendos, mas negocia com desconto de mais de 18% na B3

A manutenção do nível atual foi possível graças à reserva de resultado do fundo, que compensou o efeito da deflação sobre o rendimento do portfólio

Larissa Vitória
Larissa Vitória
29 de novembro de 2022
12:27 - atualizado às 16:09
Moedas empilhadas ao lado de uma pequena casa amarela representando o investimento em fundos imobiliários | Maxi Renda HCTR11 fii fiis
Imagem: Getty Images

O fundo imobiliário Hectare CE (HCTR11) conseguiu segurar mais uma vez os dividendos e estabilizar o valor pago aos cotistas em novembro. O FII distribuiu R$ 1,10 por cota, cifra que equivale a um dividend yield de 11,4%, pelo terceiro mês consecutivo.

O valor fica aquém do DY de 19% pago entre abril e maio deste ano, no auge do momento inflacionário, mas faz parte da estratégia do FII. "Optamos por uma distribuição mais conservadora nos últimos meses a fim de manter um patamar mais estável de dividendos mensais", explica a gestão do fundo em relatório divulgado ontem.

A manutenção do nível atual foi possível graças à reserva de resultado. O HCTR11 usou parte dessa gordura, R$ 7,2 milhões, para compensar o efeito da deflação sobre o rendimento do portfólio.

Ainda assim, o feito não impressionou tanto os investidores e o FII negocia com desconto na B3. Por volta das 16h08 desta terça-feira (29) o Hectare CE sobe 0,94%, a R$ 98,70. O desempenho é parecido com o do IFIX, principal índice do setor, que sobe 0,04% no mesmo horário, mas fica 18,81% abaixo do valor patrimonial da cota do fundo.

Dividendos do HCTR11 sentirão impacto positivo da inflação já no próximo mês

Se o desconto chamou a sua atenção, vale destacar que ele pode acabar em breve. Os dividendos do HCTR11 devem começar a sentir o impacto positivo da inflação já no próximo mês.

Mais de 90% da carteira de Certificados de Recebíveis Imobiliários do fundo está atrelada ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). E a medida oficial da inflação brasileira registrou um avanço de 0,59% em outubro.

"Esse resultado impactará principalmente a distribuição de dezembro, dado que ele influenciará parcialmente a correção monetária. Os demais dias úteis do mês terão influência de novembro", aponta a gestão.

O IPCA de novembro também deverá ser positivo. Segundo as projeções, a variação será de 0,45% e deverá voltar a engordar os proventos pagos pelo FII.

Compartilhe

OFERTA NA BOLSA

Fundo imobiliário VGIR11 anuncia emissão de até R$ 500 milhões e vai oferecer um ‘desconto’ nas cotas; confira os detalhes

18 de julho de 2024 - 14:59

O preço de emissão pago por quem decidir participar da operação, que é voltada a investidores no geral, será de R$ 9,85 por cada nova cota

RECOMENDAÇÃO DE COMPRA

As ações desta empresa já saltam mais de 57% em 2024, mas Itaú BBA diz que ‘o navio ainda não zarpou’ e papéis podem entrar para o Ibovespa ainda neste ano

18 de julho de 2024 - 12:37

O banco de investimentos publicou um novo relatório nesta quinta-feira (18) para reforçar ainda mais a sua visão positiva para a companhia

DESTAQUES DA BOLSA

Ação da BRF (BRFS3) desaba quase 7% na B3, e frigoríficos lideram as perdas do Ibovespa hoje. O que está por trás da queda?

18 de julho de 2024 - 12:16

O movimento acompanha a confirmação do Ministério da Agricultura de detecção de um foco da doença Newcastle no Rio Grande do Sul. Mas por que isso afeta o setor de proteínas?

PELA 3ª VEZ CONSECUTIVA

Fundo imobiliário BTAL11 volta a pagar os maiores dividendos de sua história e gestão diz como quer manter proventos no patamar recorde nos próximos meses

18 de julho de 2024 - 12:13

O FII pagará R$ 0,84 por cota neste mês, cifra que representa um dividend yield anualizado de cerca de 13,4%.

MAIS UM DIA DE TOMBO

Ações da Oi (OIBR3) já derretem 20% na semana com leilão que frustrou expectativas e adiamento de etapa da recuperação judicial

18 de julho de 2024 - 11:18

Parte do tombo é explicada pelo resultado do leilão da ClientCo, a antiga Oi Fibra, realizado na tarde de ontem.

COMPRADOS X VENDIDOS

Sabesp (SBSP3): investidor paga até 13% de aluguel para ficar vendido nas ações antes da oferta; entenda a estratégia

18 de julho de 2024 - 10:32

Mercado decidiu aproveitar a enorme diferença entre as cotações da Sabesp (SBSP3) na bolsa e o preço da oferta de ações

MUDANÇA NO MERCADO DE CÂMBIO

Banco Central eleva o limite de operações de câmbio feitas em instituições não bancárias

17 de julho de 2024 - 19:20

Segundo a autoridade monetária, a medida tem por objetivo aumentar a eficiência e a competitividade

AMORTIZAÇÃO DE CAPITAL

Fundo imobiliário confirma que vai depositar mais de R$ 30 por cota na conta dos investidores após retorno alto com CRI

17 de julho de 2024 - 17:07

O resgate antecipado de um CRI rendeu R$ 23 milhões para o FII RBLG11 e dividendos fartos e uma amortização de capital para os cotistas

DESTAQUES DA BOLSA

Usiminas (USIM5) sobe mais de 4% na bolsa brasileira hoje. É hora de comprar a ação?

17 de julho de 2024 - 15:33

A BlackRock aumentou a fatia que detém na companhia e atingiu uma participação acionária de 5,075% do total de ações preferenciais classe A

QUEM DÁ MAIS?

Ações da Oi (OIBR3) caem 9% em dia de leilão que pode render mais de R$ 7 bilhões para a companhia

17 de julho de 2024 - 15:08

A empresa realiza hoje um certame por sua unidade de banda larga; a expectativa é de arrecadação de R$ 7,3 bilhões

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar