Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

2022-04-27T17:19:23-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa opera em alta com exterior positivo e recuperação das siderúrgicas; dólar vira e volta aos R$ 4,96

27 de abril de 2022
9:05 - atualizado às 17:19

RESUMO DO DIA: As bolsas no exterior reagem positivamente aos resultados dos balanços de ontem (26) e da manhã desta quarta-feira (27). Entretanto, a alta é limitada pelo anúncio de que a Rússia suspendeu o fornecimento de gás para Polônia e Bulgária, alegando falta de pagamento. Por aqui, os investidores do Ibovespa digerem os dados de inflação de hoje.

Acompanhe por aqui o que mexe com a bolsa, o dólar e os demais mercados hoje, além das principais notícias do dia.

O Ibovespa interrompeu a sequência de sete quedas e fechou o dia em alta de 1,05%, aos 109.349 pontos.

Dólar à vista fecha em queda de 0,47%, a R$ 4,971.

FECHAMENTO EM NOVA YORK
  • Nasdaq: -0,01%
  • Dow Jones: +0,19%
  • S&P 500: +0,21%

Há poucas horas do fechamento do pregão, o Ibovespa continua subindo, seguindo a tendência da bolsa de Nova York. O dólar à vista, desacelerou o ritmo e agora apresenta queda de 0,76% operando a R$ 4,95.

DÓLAR RENOVA MÍNIMA

Depois de uma manhã em alta, o dólar voltou a cair e continua renovando mínima. Por volta das 15:13h a moeda americana chegava aos R$ 4,92, numa retração de 1,07%.

NEOENERGIA ESTÁ BARATA?

A Neoenergia (NEOE3) fechou o primeiro trimestre deste ano com lucro bruto de R$ 4,2 bilhões, o que representa avanço de 44% em relação ao mesmo período de 2021.

Com isso, as ações NEOE3 sobem forte nesta quarta-feira (27). Analistas do JP Morgan e Itaú estão animados com os resultados e recomendam a compra.

CONFIRA AS EXPECTATIVAS DO MERCADO PARA NEOE3

3 dicas de DAY TRADE para INICIANTES

MORO NA DISPUTA?

O ex-ministro da Justiça Sérgio Moro ainda não desistiu da candidatura à presidência. Nesta quarta-feira (27), Moro aproveitou entrevista à Radio Eldorado para retomar o discurso sobre a hipótese de ser candidato a presidente pelo União Brasil.

Na ocasião, ele reiterou que seu nome “está à disposição” para um projeto nacional, apesar das resistências internas.  “O mundo às vezes reserva surpresas”, admitiu o ex-ministro.

CONFIRA AQUI A MATÉRIA COMPLETA

DÓLAR MUDA SINAL E ABANDONA R$ 5

Depois de operar boa parte da manhã em alta e voltar a furar a casa dos R$ 5, o dólar à vista passou a seguir o bom humor da bolsa e agora opera em queda. Por volta das 14h30, a moeda americana recuava 0,45%, aos R$ 4,9686. O mercado de juros opera em queda firme após a “surpresa positiva” com a prévia da inflação.

JUROS EM AJUSTE DE QUEDA

Apesar do indicador prévio de inflação ser o maior da série história, o número está sendo bem digerido pelo mercado. Isso porque a expectativa era de uma elevação ainda maior do índice.

Depois do presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, ter admitido que o IPCA de março foi uma surpresa, os analistas apontam que um IPCA-15 “mais ameno” pode levar o Comitê de Política Monetária a seguir o seu plano original e interromper a alta de juros em 12,75% ao ano.

Confira o comportamento dos principais contratos de DI:

CÓDIGO NOME  VALOR  FEC 
DI1F23 DI jan/23 12,95% 13,01%
DI1F25 DI Jan/25 12,05% 12,13%
DI1F26 DI Jan/26 11,91% 11,97%
DI1F27 DI Jan/27 11,93% 11,97%
BDRs: MICROSOFT (MSFT34) DISPARA, SPOTIFY (S1PO34) DESPENCA

No mundo dos recibos de ações (BDRs), destaque positivo para a Microsoft (MSFT34), que avança mais de 8% hoje — a empresa lucrou US$ 16,7 bilhões no terceiro trimestre fiscal de 2022, cifra 8% maior em um ano e que superou as expectativas dos analistas; veja aqui os detalhes do balanço.

Na outra ponta, o Spotify (S1PO34) cai 12% hoje — a base de assinantes da companhia aumentou em 2 milhões de usuários no trimestre, um crescimento inferior ao esperado pelo mercado. A Boeing (BOEI34) é outro destaque negativo, recuando 8% após reportar uma queda de 8% na receita líquida e um prejuízo de US$ 2,75 por ação.

IBOVESPA COMEÇA A TARDE EM ALTA

O Ibovespa mantém-se em alta no início da tarde de hoje.

Depois de flertar com os 110 mil pontos na primeira hora de pregão, o principal índice da B3 subia 1,2% por volta das 12h10, na faixa de 109.400 pontos.

O Ibovespa é puxado pelas ações de mineração e metalurgia. O setor de varejo também apresenta um bom desempenho.

No território negativo, as ações da Hapvida (HAPV3) registravam a maior queda do dia (-3,2%).

O dólar, por sua vez, opera em alta de 0,5%, na faixa dos R$ 5,03.

AÇÕES DO SETOR DE VAREJO SOBEM NA ESTEIRA DO IPCA-15

As ações do setor de varejo sobem em bloco na manhã de hoje.

Os papéis são impulsionados pelo resultado do IPCA-15 de abril.

A prévia oficial da inflação no Brasil avançou 1,73% este mês. O número veio abaixo da mediana das estimativas do mercado (+1,82%, segundo a Broadcast).

Em meio à alta generalizada do setor de varejo, o destaque é o desempenho da Via (VIIA3), que subia 3,95% por volta das 11h45.

AÇÃO DA WEG SOBE MAIS DE 2% DEPOIS DE BALANÇO

A Weg (WEGE3) começou o ano mostrando bom desempenho de vendas nas principais linhas de negócio, com destaque para o mercado interno da área de geração, transmissão e distribuição de energia.

Com o Marco Legal da Geração Distribuída sancionado no Brasil em janeiro, houve aumento na demanda pela geração solar – e esse foi um dos motores de receita da área.

A Weg fechou o primeiro trimestre com lucro líquido de R$ 943,9 milhões, alta de 23,5% em relação ao mesmo período do ano passado.

Por volta das 11h25, WEGE3 subia 2,3%, cotada a R$ 30,68.

CONFIRA OS DETALHES DO BALANÇO NA REPORTAGEM DE FLAVIA ALEMI.

LOCALIZA E MOVIDA DISTRIBUEM MAIS DE R$ 500 MILHÕES EM DIVIDENDOS

As locadoras de automóveis Localiza (RENT3) e Movida (MOVI3) anunciaram a distribuição de mais de R$ 500 milhões em dividendos.

A Movida vai repassar a seus sócios na bolsa o total de R$ 307 milhões.

A Localiza, por sua vez, separou R$ 206,2 milhões para remunerar seus acionistas.

Enquanto RENT3 operava em alta de 1,9% na manhã de hoje, MOVI3 subia 1,6%.

CONFIRA OS DETALHES DA DISTRIBUIÇÃO DOS PROVENTOS CLICANDO AQUI.

AÇÕES DE MINERAÇÃO E METALURGIA DESPONTAM NO IBOVESPA

As ações do setor de mineração e metalurgia despontam entre as maiores altas do Ibovespa na manhã de hoje.

Os papéis da CSN (CSNA3) lideram a alta, avançando 5,78% por volta das 11h05.

Gerdau (GGBR4), Metalúrgica Gerdau (GOAU4) e Vale (VALE3) também se destacam, todas com alta nas casas de 4% a 5%.

No mesmo horário, o dólar subia 0,3%, na casa de R$ 5,02, enquanto o Ibovespa flertava com a faixa dos 110 mil pontos.

COMMODITIES AGORA

Nas primeiras horas de pregão aqui no Brasil, o barril de petróleo Brent recuava 1,08%, negociado a US$ 103,50.

O motivo por trás da queda é a perspectiva de falta de demanda da China, que recentemente apresentou dados que indicam uma desaceleração da segunda maior economia do mundo. A pandemia de covid-19 e os sucessivos lockdowns em grandes centros urbanos contribuíram para os indicadores mais fracos.

Já o minério de ferro subiu 0,99% no porto de Qingdao, na China, sendo negociado em US$ 137,32. A produção de aço deve ser um dos setores incentivados pelo governo de Pequim para melhora dos dados econômicos supracitados.

Portanto, vale a pena ficar de olho nas ações relativas à essas commodities hoje.

IBOVESPA ABRE EM FORTE ALTA

O Ibovespa encerrou os leilões de abertura em alta de 1,62%, aos 109.968 pontos.

Por sua vez, o dólar à vista é negociado em alta de 0,07%, aos R$ 5,015.

POR DENTRO DO IPCA-15

A prévia da inflação oficial do Brasil veio dentro das estimativas do Broadcast, em alta de 1,73%.

Para Marcelo Oliveira, CFA e fundador da Quantzed, esse pode ser um sinal de que a inflação começa a dar um respiro de que estamos perto do fim do ciclo de alta de juros.

“O número dá a esperança de que a inflação está no seu pico e o começa a se recuperar mais, mesmo com o cenário instável no mundo”, diz.

Entretanto, essa é a maior leitura do IPCA-15 para o mês de abil desde 1995 segundo o IBGE.

“Não quero com isso apontar que a inflação irá melhorar, mas em termos relativos pode ser “menos pior” em 12 meses”, afirma André Perfeito, economista-chefe da Necton, que também concorda que o Brasil já atingiu o pico da inflação.

Os vilões continuam os mesmos: o grupo alimentação (2,25%) e transportes (3,43%), influenciados pela alta da gasolina, que também disparou no mês.

RÚSSIA CORTA GÁS DA POLÔNIA E BULGÁRIA

Um dos mais temidos cenários pelos governos europeus diante da guerra entre Rússia e Ucrânia acaba de se confirmar. A Gazprom anunciou que suspenderá hoje as exportações de gás para a Polônia e a Bulgária.

O corte do fornecimento do gás russo aos países europeus deve-se à falta de pagamento. Polônia e Bulgária teriam se recusado a pagar pelo gás em rublos.

Os países acusam Moscou de chantagem e vingança contra a União Europeia, que levantou uma série de barreiras econômicas contra o governo de Vladimir Putin.

LEIA A MATÉRIA COMPLETA AQUI. 

NÃO DEU PARA O REAL

Depois de um tombo de mais de 15% no ano, o dólar voltou a ganhar força na última semana – e de forma rápida.

A moeda americana saiu das mínimas na casa dos R$ 4,50 e, em poucos dias, voltou rapidamente ao patamar de R$ 5, alcançado novamente nesta manhã.

LEIA OS MOTIVOS POR TRÁS DA ALTA NA MATÉRIA ESPECIAL SOBRE O DÓLAR.

IBOVESPA FUTURO ABRE EM FORTE ALTA

Após a prévia da inflação positiva e o exterior favorável, o Ibovespa futuro abre em alta de 1,75%, aos 111.180 pontos.

O dólar à vista chegou a encostar nos R$ 5,00 e é negociado em alta de 0,18%, aos R$ 4,9981.

IPCA-15 VEM DENTRO DO ESPERADO

O IBGE acaba de divulgar a prévia da inflação oficial de abril, o IPCA-15.

De acordo com o instituto, o indicador avançou 1,73%, abaixo da mediana das projeções do Broadcast de alta de 1,82% na comparação com o mês anterior.

Dessa maneira, o índice teve alta de 12,03% em 12 meses, abaixo das projeções de 12,14%, também na mediana.

No acumulado de 2022, a inflação é de 4,31%.

BOLSAS NO EXTERIOR VANÇAM, MAS RÚSSIA LIMITA

As bolsas no exterior operam majoritariamente em alta nas primeiras horas do pregão.

Os balanços positivos tanto na Europa quanto das big techs nos Estados Unidos somam esforços para reverter as perdas das sessões anteriores.

Mas pesa do lado negativo da balança o corte de gás russo à Polônia e Bulgária.

Vale lembrar que o mesmo gasoduto que leva a principal fonte energética para o aquecimento da Europa para os poloneses também chega até a Alemanha, o que aumenta a cautela por lá.

  • Euro Stoxx 50: +0,23%
  • Dow Jones futuro: +0,57%
  • S&P 500 futuro: +0,35%
  • Nasdaq futuro: +0,11%
ESQUENTA DOS MERCADOS: BOLSAS TENTAM RECUPERAÇÃO, MAS AMEAÇA RUSSA LIMITA GANHOS

O mau humor dos investidores com o cenário internacional coloca pressão sobre as bolsas por mais um pregão seguido. Os responsáveis por esse panorama são os mesmos dos últimos dias: covid-19 na China, guerra na Ucrânia e Federal Reserve nos Estados Unidos.

Em Nova York, os índices futuros buscam uma recuperação das perdas da última sessão; enquanto isso, a Europa amanheceu no vermelho, mas também tenta reverter as perdas dos últimos dias após balanços locais. Já as bolsas da Ásia fecharam sem uma direção única.

Se, por um lado, os lockdowns em cidades chinesas começam a afetar os resultados de alguns indicadores, por outro, o lucro das grandes empresas do país teve uma expansão de 8,5% no primeiro trimestre do ano, o que limitou as perdas em Xangai.

Mas uma desaceleração econômica da China pode afetar significativamente o Brasil, o que gerou aversão ao risco por aqui. Dessa forma, o Ibovespa teve um dia de fortes perdas e fechou o pregão de terça-feira (26) em queda de 2,23%, aos 108.212 pontos.

Do lado oposto, o dólar à vista disparou com a depreciação do real e a moeda norte-americana teve alta de 2,36%, encerrando as negociações a R$ 4,9905.

Somado a isso, o dia deve ser de mais cautela para o investidor brasileiro. A agenda internacional mais vazia conta com balanços de empresas de tecnologia após o fim da sessão. Assim, as atenções se voltam para a divulgação do IPCA-15 de abril, que deve avançar mais uma vez.

LEIA O NOSSO ESQUENTA DOS MERCADOS.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) retoma parte do fôlego, mas ainda segue abaixo dos US$ 30 mil; confira o que mexe com as criptomoedas

O mercado global de ativos digitais já perdeu mais de US$ 1 trilhão em valor desde o início do grande inverno cripto

PASSARINHO NA GAIOLA

E agora Elon Musk? Acionistas entram com ação contra o bilionário e o Twitter (TWTR34); saiba o motivo

A plataforma também está sendo alvo do processo, que envolve denúncias de uso de informação privilegiada no âmbito da oferta de compra da empresa

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O copo meio cheio do Ibovespa, a nova chance da Cielo (CIEL3) e o retorno da Terra (LUNA); confira os destaques do dia

A possibilidade de que o Federal Reserve seja obrigado a manter o ritmo do aperto monetário ajudaram os ativos de risco nesta quinta-feira

ELEIÇÕES DE 2022

Distância entre Lula e Bolsonaro aumenta para 21 pontos na nova pesquisa Datafolha; confira as intenções de voto

Instituto destaca que o levantamento anterior, feito em 22 e 23 de março, tinha cenários distintos, excluindo pré-candidatos que deixaram a disputa e adicionando nomes que passaram a ser apresentados pelos partidos

FECHAMENTO DO DIA

Dólar cai abaixo dos R$ 4,80 e Ibovespa sobe 1% com sinais de fraqueza da economia americana; entenda a razão

O Ibovespa reagiu ao bom desempenho dos ativos no exterior após os investidores entenderem que o Fed deve segurar o aperto monetário

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies