🔴 TCHAUZINHO, NUBANK: Itaú BBA revela o nome da ação que pode colocar o roxinho para comer poeira; CLIQUE AQUI  e descubra a resposta no nosso Telegram

2022-09-09T17:13:15-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa opera em alta de 2% impulsionado por commodities e maior apetite por risco no exterior; dólar cai

9 de setembro de 2022
9:04 - atualizado às 17:13

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em tom positivo nesta sexta-feira (9). Os investidores reagem à desaceleração da inflação na China, o que aumenta a expectativa por injeção de novos estímulos pelo governo. No cenário doméstico, o Ibovespa deve refletir o IPCA, que indicou uma deflação de 0,36% em agosto.

O Ibovespa encerrou a sessão em alta de 2,17%, aos 112.300 pontos. O avanço na semana foi de 1,30%.

O dólar à vista encerrou o dia em queda de 1,13%, a R$ 5,1476.

Em recuperação, o petróleo encerrou a tarde em alta de 4,14%, a US$ 92,84

A digestão dos dados de deflação divulgados pela manhã segue sendo positiva, beneficiando principalmente empresas ligadas ao setor de consumo. Confira as maiores altas desta sexta-feira:

CÓDIGO NOME ULT VAR
AMER3 Americanas S.A R$ 16,56 9,31%
MRVE3 MRV ON R$ 12,45 9,11%
CSNA3 CSN ON R$ 13,98 7,87%
VALE3 Vale ON R$ 69,06 7,05%
GOLL4 Gol PN R$ 10,70 6,68%

Com a aceleração dos ganhos vistos nas bolsas americanas, o Ibovespa aproveita para renovar suas máximas. A forte alta do petróleo e o alívio na curva de juros, reflexo da deflação registrada em agosto, ajuda a sustentar o forte avanço do índice.

CRISE NA EUROPA

Nesta sexta-feira (09), os cortes no fornecimento da Gazprom, a gigante do gás da Rússia, forçaram um segundo fornecedor alemão a pedir um resgate ao governo.

Mais cedo, a empresa alemã VNG informou que sofreu perdas substanciais devido aos cortes da Gazprom desde o início da invasão da Ucrânia pela Rússia.

A companhia alega impossibilidade de repasse total do aumento dos preços do gás para seus clientes e afirmou que um resgate financeiro era necessário para honrar os contratos existentes.

CONFIRA OS DETALHES

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Novo auxílio a R$ 800 pode mudar o jogo da corrida eleitoral — mas arma uma ‘bomba fiscal’ nas contas públicas. Veja os detalhes

DESTAQUE DO DIA

As construtoras e incorporadoras da B3 vivem o segundo dia consecutivo de fortes ganhos nesta sexta-feira (9).

 

O setor, que havia recuado no início da semana com a perspectiva de que o ciclo de alta da taxa básica de juros básicos pode continuar, avança em bloco hoje impulsionado pela deflação de 0,36% registrada em agosto.

 

A MRV (MRVE3), que, por volta das 12h50, liderava a ponta positiva do Ibovespa com alta de 8,50%, a R$ 2,38, é novamente o destaque do dia. Além dela, a Cyrela (CYRE3) sobe 5,94%, a R$ 17,13, e também aparece entre as maiores altas do índice.

 

Veja como operam, no mesmo horário, outros nomes do setor:

 

Empresa Variação
TEND3 +0,92%
EZTC3 +3,70%
JHSF3 +2,30%
DIRR3 +3,10%
CURY3 +0,41%
FECHAMENTO NA EUROPA
  • Frankfurt: +1,40%
  • Londres: +1,24%
  • Paris: +1,41%
  • Stoxx-600: +1,60%

Acompanhando o mesmo movimento visto na sessão anterior, a curva de juros opera em queda, repercutindo a deflação registrada no mês de agosto. Confira:

CÓDIGO NOME  ULT  FEC
DI1F23 DI jan/23 13,74% 13,74%
DI1F24 DI jan/24 12,97% 13,00%
DI1F25 DI Jan/25 11,66% 11,75%
DI1F26 DI Jan/26 11,37% 11,46%
DI1F27 DI Jan/27 11,28% 11,38%
CSN (CSNA3) LIDERA GANHOS

A mineradora CSN (CSNA3) lidera os ganhos da bolsa brasileira nesta sexta-feira.

As ações da companhia sobem 8,80%, negociadas a R$ 14,10.

O bom desempenho é impulsionado pela valorização do minério de ferro em mais de 3%, em Dalian (China).

Por fim, o Ibovespa opera em alta de 1,96%, aos 112.073 pontos.

Já o dólar à vista mantém forte queda de 1,35%, cotado a R$ 5,1438.

MITSUI VAI ÀS COMPRAS

De olho no mercado de saúde animal e na possibilidade de diversificar ainda mais seus negócios, o grupo japonês Mitsui comprou as fatias do BNDESPar — braço de investimentos do BNDES — e da gestora Opportunity na Ourofino (OFSA3).

O negócio, avaliado em R$ 344 milhões, ainda depende aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Quando concluído, a Mitsui será dona de 29,4% do capital social da Ourofino — 17,2% que eram do BNDESPar e 12,2% da gestora.

SAIBA MAIS SOBRE A OPERAÇÃO

COMMODITIES IMPULSIONAM IBOVESPA

Com a valorização das commodities no exterior, as petroleiras e mineradoras impulsionam o Ibovespa, que opera acima de 1%.

O minério de ferro e o petróleo sobem a mais de 3% nesta sexta-feira.

Confira:

CÓDIGO NOME ULT VAR
CSNA3 CSN ON R$ 13,75 6,10%
MRVE3 MRV ON R$ 12,07 5,78%
NTCO3 Natura ON R$ 15,85 3,87%
VALE3 Vale ON R$ 67,00 3,86%
AMER3 Americanas S.A R$ 15,71 3,70%

 

ABERTURA DE NOVA YORK

As bolsas americanas começaram a operar em alta, acompanhando os índices futuros no pré-mercado.

  • Dow Jones: +0,49%;
  • S&P 500: +0,62%;
  • Nasdaq: +0,82%.
CHEGOU A VEZ DA IRB (IRBR3)

Os papéis da resseguradora IRB (IRBR3) acumulam a terceira alta seguida da semana após a oferta pública de ações, há uma semana.

Mas, não é somente por isso. Em um comunicado enviado à CVM na noite da última quinta-feira (08), a BlackRock informou o aumento da participação no IRB Brasil para aproximadamente 5,015% do total de ações.

A gestora com mais de US$ 10 trilhões em ativos sob gestão informou ainda que o objetivo desse aumento na participação societária é estritamente de investimento Em outras palavras, a BlackRock não pretende interferir no controle acionário ou na estrutura administrativa da companhia.

CONFIRA OS DETALHES 

SOBE E DESCE DO IBOVESPA

Confira as maiores altas:

CÓDIGO NOME ULT VAR
IRBR3 IRB ON R$ 1,28 5,79%
CSNA3 CSN ON R$ 13,63 5,17%
RRRP3 3R Petroleum ON R$ 37,48 3,62%
HAPV3 Hapvida ON R$ 8,20 3,14%
SULA11 SulAmérica units R$ 25,20 3,11%

 

E as maiores quedas do dia:

CÓDIGO NOME ULT VAR
ENGI11 Engie units R$ 43,19 -0,46%
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,41 -0,18%
EGIE3 Engie ON R$ 40,33 -0,05%
EQTL3 Equatorial ON R$ 24,62 0,00%
CPFE3 CPFL Energia ON R$ 35,47 -0,20%

 

Os mercados começaram o dia com maior apetite por risco com a desaceleração da inflação na China.

O índice de preços ao consumidor chinês (CPI, na sigla em inglês) subiu 2,5% em agosto, abaixo das expectativas do mercado e ante ao aumento de 2,7% em julho.

Com a desaceleração do CPI, principal índice que mede a inflação, os investidores aguardam novos estímulos do governo chinês.

Além disso, as commodities voltaram a registrar altas. O minério de ferro de Dalian (China) valoriza 3,74%, cotado a US$ 104,16. Já o petróleo sobe 3,04%, cotado a US$ 91,84 o barril.

No cenário doméstico, o IBGE divulgou mais cedo o IPCA, que apontou uma deflação de 0,36% em agosto. No acumulado dos últimos 12 meses, a inflação segue abaixo dos dois dígitos, com alta de 8,69%.

Por fim, o dólar à vista opera, desde a abertura, em queda. A moeda americana cai 0,63%, cotado a R$ 5,1815.

O Ibovespa abre o pregão em alta de 0,55%, aos 110.517 pontos, com bom humor do exterior e divulgação de novos dados sobre a inflação no país.

Em agosto, o IPCA registrou queda de 0,36%, pouco abaixo das expectativas do mercado que projetavam uma deflação de 0,40%.

No mesmo horário, o dólar à vista cai a 0,70%, cotado a R$ 5,1777.

O Ibovespa futuro abre em alta de 1,11%, aos 112.250 pontos após a divulgação do IPCA de agosto, que apontou uma deflação de 0,36%.

Além disso, o índice futuro acompanha as bolsas internacionais, que operam no campo positivo nesta manhã de sexta-feira.

No mesmo horário, o dólar à vista iniciou o dia em queda de 0,60% , cotado a R$ 5,1826.

INFLAÇÃO DE AGOSTO

A inflação de agosto caiu 0,36%, próximo da expectativa do mercado, segundo o IBGE. No mês anterior, a queda do IPCA foi 0,68%.

De acordo com as projeções de especialistas ouvidos pelo Broadcast, era esperado que o IPCA registrasse uma queda da ordem de 0,40%, na comparação mensal.

Em relação aos últimos 12 meses, a inflação avançou 8,73%, acima da expectativa de alta de 8,69%.

O índice é uma das referências do Comitê de Política Monetária (Copom) para o ajuste nos juros básicos, a Selic.

OPORTUNIDADE DE SWING TRADE NA BOLSA
O nosso colunista, Nilson Marcelo, identificou uma oportunidade na bolsa hoje: lucro de mais de 6% com ações da BRF – Brasil Foods (BRFS3).
BOLSAS NO EXTERIOR
  • Dow Jones futuro: +0,73%;
  • S&P 500 futuro: +0,81%;
  • Nasdaq futuro: +1,06%;
  • Euro Stoxx 50: +1,65%;
  • Xangai (China): +0,82% (fechado);
  • Nikkei (Japão): +0,53% (fechado);
  • Petróleo Brent: US$ 90,91 (+1,97%);
  • Minério de ferro (Dalian, China): US$ 104,16 (+3,74%)
ESQUENTA DOS MERCADOS

Bom dia! A primeira semana completa do mês de setembro caminha para o seu fim, com os investidores tentando colher algum saldo positivo do início do trimestre final do ano.

As bolsas no exterior amanheceram em tendência de alta por mais um dia.

As boas notícias começaram a aparecer, mas do outro lado do planeta: a inflação da China desacelerou na leitura anual de agosto, saindo de 2,7% para 2,5%, de acordo com o departamento nacional de estatísticas (NBS, em inglês).

O arrefecimento dos preços por lá dá margem para que o Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês) volte a cortar os juros e injete novos estímulos na economia do país.

E esse montante de dinheiro esperado mal chegou e já animou os investidores por lá: as bolsas fecharam em alta.

Migrando para a Europa, os investidores ainda digerem um cenário nada favorável de aperto monetário do Banco Central Europeu (BCE).

Entretanto, a busca por barganhas e as boas notícias da China animam os negócios por lá e os índices operam em campo positivo.

Por último, os futuros de Nova York também avançam, ainda que o cenário macroeconômico não seja dos mais favoráveis.

Enquanto lá fora as bolsas caminham para um dia azul, o Ibovespa deve encarar um grande dragão pela frente.

Estamos falando da inflação de agosto, medida pelo IPCA e divulgada pelo IBGE na manhã desta sexta-feira (09).

O principal índice da bolsa brasileira conseguiu fechar o dia anterior em alta de 0,14%, aos 109.915 pontos — bem longe das máximas, vale frisar.

O dólar à vista acompanhou a desvalorização da moeda em escala global e recuou 0,61%, a R$ 5,2062.

Confira o que movimenta as bolsas, o dólar e o Ibovespa hoje.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Eleições 2022

Pesquisa Ipespe/Abrapel mostra Lula oscilando para cima e Bolsonaro estável

24 de setembro de 2022 - 11:41

Pesquisa mostrou que votos brancos e nulos também subiram, assim como o número de eleitores que não souberam ou preferiram não responder

Tax the rich!

Imposto sobre heranças vai aumentar? Saiba quais candidatos à presidência são a favor de tributá-las ou de taxar grandes fortunas

24 de setembro de 2022 - 10:00

A discussão sobre o aumento de impostos sobre os ricos ou os “super-ricos” é tendência mundial, e no Brasil não é diferente. Mas nem todos os candidatos à presidência têm propostas nesse sentido

Banho mais caro

Tarifa de energia elétrica deve subir mais do que toda a inflação projetada pelo Banco Central em 2023, dizem especialistas

24 de setembro de 2022 - 9:47

Reajuste das tarifas chegaria a 5% em 2023, enquanto a projeção do Banco Central para a inflação é de 4,6%

Irregularidades

TSE vê indício de fraude em R$ 605 milhões em gastos das campanhas eleitorais

24 de setembro de 2022 - 9:22

Na lista de casos suspeitos estão gastos que teriam sido feitos por parentes e empresas de fachada, além de doações feitas por pessoas mortas

ESPECIAL SD 4 ANOS

Bolsa vai andar bem depois das eleições e sem o risco de ruptura política, diz Felipe Miranda, da Empiricus

24 de setembro de 2022 - 7:19

Fundador e estrategista-chefe da Empiricus vê Bolsonaro mais liberal caso seja reeleito ou um governo “Lula 1.3”, mais próximo do primeiro mandato do que do segundo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies