🔴 [EVENTO GRATUITO] COMPRAR OU VENDER VALE3? INSCREVA-SE AQUI

Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Alta da Petrobras (PETR4) não é suficiente e Ibovespa acompanha queda das bolsas americanas; dólar sobe

Seu Dinheiro
Jasmine Olga, Renan Sousa, Liliane de Lima
31 de agosto de 2022
9:05 - atualizado às 17:22

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção definida nesta quarta-feira (31), após inflação na Zona do Euro, divulgada mais cedo, bater recorde. Os investidores seguem mais cautelosos, com a expectativa de alta dos juros nos EUA. No cenário doméstico, o Ibovespa deve continuar reagindo à queda das commodities no exterior.

Acompanhe por aqui o que mexe com a bolsa, o dólar e os demais mercados hoje, além das principais notícias do dia.

Na mínima do dia, o Ibovespa encerrou a sessão em queda de 0,82%, aos 109.522 pontos, mas acumulou ganhos de 6,16% no mês.

O dólar à vista encerrou o dia em alta de 1,73%, aos R$ 5,2015. No mês, o avanço foi de 0,53%

O alívio no preço das commodities, principalmente o petróleo, teve impacto positivo na curva de juros nesta tarde, com os principais contratos de DI encerrando o dia em queda. Confira:

CÓDIGO NOME  ULT  FEC
DI1F23 DI jan/23 13,74% 13,75%
DI1F24 DI jan/24 12,99% 13,10%
DI1F25 DI Jan/25 11,97% 12,07%
DI1F26 DI Jan/26 11,77% 11,89%
DI1F27 DI Jan/27 11,76% 11,88%

Apesar da forte alta do setor de energia e das ações da Petrobras (PETR4), o Ibovespa voltou a operar no vermelho, acompanhando a piora das bolsas internacionais. O dólar à vista também ganhou força e sobe quase 2%.

A Petrobras (PETR4) segue sustentando a alta do Ibovespa, mesmo com a forte queda do petróleo que continua se desenrolando no mercado internacional.

Em Wall Street, as preocupações dos últimos dias seguem levando a melhor e os principais índices caem cerca de 0,30%.

 

Confira as maiores altas do Ibovespa nesta tarde:

CÓDIGO NOME ULT VAR
PETR3 Petrobras ON R$ 37,39 3,54%
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,87 3,20%
CASH3 Meliuz ON R$ 1,30 3,17%
SOMA3 Grupo Soma R$ 13,74 3,00%
PETR4 Petrobras PN R$ 33,40 2,99%

As bolsas americanas têm dificuldade de recuperar os ganhos do início do pregão, após a divulgação de dados sobre o mercado de trabalho e a queda nos estoques de petróleo.

O Ibovespa perdeu força, mais ainda opera em campo positivo com impulso de Petrobras (PETR3) e Méliuz (CASH3).

A bolsa brasileira destoa de Wall Street,  majoritariamente em queda.

O destaque do dia é o papel da EDP Energias do Brasil (ENBR3), que está entre as maiores altas do dia, com ganhos acima dos 3%.

Os investidores reagem à venda da Usina Mascarenhas por R$ 1,225 bilhão. A operação foi anunciada ontem, após o fechamento dos mercados.

Confira:

CÓDIGO NOME ULT VAR
CASH3 Meliuz ON R$ 1,31 3,97%
PETR3 Petrobras ON R$ 37,36 3,46%
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,92 3,43%
SBSP3 Sabesp ON R$ 49,43 3,19%
PETR4 Petrobras PN R$ 33,33 2,78%

 

Com a maior cautela dos investidores com a perspectiva de alta do juros, o mercado de juros opera em alta hoje.

Confira:

NOME  ULT  FEC
DI jan/23 13,72% 13,71%
DI jan/24 12,87% 12,78%
DI Jan/25 11,82% 11,71%
DI Jan/26 11,58% 11,46%
DI Jan/27 11,54% 11,43%
FECHAMENTO NA EUROPA

As bolsas europeias fecharam o pregão em queda. Confira:

  • Frankfurt: -0,94%;
  • Paris: -1,37%;
  • Londres: -1,12%;
  • Stoxx 600: -0,91%.

Na manhã desta quarta-feira, o Banco Central Europeu (BCE) informou novo recorde de inflação na Zona do Euro.

O CPI, dado que mede a inflação, avançou 9,1% em agosto em comparação com o mesmo mês de 2021.

MAU HUMOR EM WALL STREET

As bolsas americanas, que começaram o pregão em alta, operam no campo negativo após relatório do Departamento de Energia dos EUA, que apontou queda nos estoques de petróleo.

Segundo o órgão, as reservas caíram em 3,326 milhões de barris, na semana encerrada em 26 de agosto.

A queda foi maior que a expectativa do mercado, que previa baixas no estoque menor que 1,2 milhão de barris.

Vale ressaltar também que as bolsas reagem à inflação recorde na Zona do Euro e à cautela com a perspectiva de juros altos por um período maior.

Confira:

  • Dow Jones: -0,22%;
  • S&P 500: -0,10%;
  • Nasdaq: -0,07%
ACABOU O GÁS NA EUROPA?

Mais cedo nesta quarta-feira (31), a Rússia interrompeu o fornecimento de gás por meio do gasoduto Nord Stream 1 para a Europa, intensificando as tensões na região.

A operadora Gazprom afirma que a interrupção do gasoduto será feita para manutenção do Nord Stream 1. Isso significa que nenhum gás fluirá para a Alemanha entre 31 de agosto e 3 de setembro, de acordo com a gigante estatal.

ENTENDA COMO O CORTE DE GÁS AFETA A ECONOMIA EUROPEIA

O Ibovespa firma desempenho positivo no pregão de hoje, impulsionado por ações da Petrobras (PETR4; PETR3), que operam em alta.

Apesar da queda das commodities, em especial a desvalorização do petróleo tipo Brent em 1,63%, cotado a US$ 96,05 o barril, os investidores reagem positivamente aos papéis da Petrobras em razão do pagamento da primeira parcela de dividendos, que acontece nesta quarta-feira.

Os papéis PETR3 (ordinários) sobem 2,33%, negociados a  R$ 36,95. Já as ações sob o ticker PETR4 (preferenciais) registram alta de 1,73%, a R$ 33,00.

 

BANCO BMG (BMGB4) EM REORGANIZAÇÃO

Em busca de melhores resultados e na tentativa de colocar a casa em ordem, o banco BMG (BMGB4) anunciou nesta quarta-feira (31) a criação de uma unidade de seguros, a BMG Seguridade, que faz parte de uma reorganização societária do banco.

A decisão também inclui uma nova holding chamada BMG Seguradoras, que será subsidiária desta área de seguros.

CONFIRA MAIS DETALHES

O Ibovespa vive dia de cautela dos investidores, em temor à alta de juros e queda das commodities no mercado internacional. 

A bolsa brasileira acompanha Nova York, que melhorou o humor após a divulgação do relatório ADP, também sobre o mercado de trabalho. 

Por aqui, mais cedo, o IBGE divulgou os dados de desemprego do Brasil, que ficou em 9,1% no trimestre encerrado em julho, o menor da série desde o trimestre encerrado em dezembro de 2015.

BOLSAS NO EXTERIOR

As bolsas americanas começam o dia em recuperação, acompanhando os índices futuros no pré-mercado.

Confira:

  • Dow Jones: +0,45%;
  • S&P 500: +0,67%;
  • Nasdaq: +1,08%.
SOBE E DESCE DO IBOVESPA

Confira as maiores altas:

CÓDIGO NOME ULT VAR
ENBR3 Energias do Brasil ON R$ 22,93 3,47%
FLRY3 Fleury ON R$ 16,42 2,18%
PETZ3 Petz ON R$ 10,65 1,53%
SBSP3 Sabesp ON R$ 48,60 1,46%
USIM5 Usiminas PNA R$ 8,16 1,37%

 

E as maiores quedas do dia:

CÓDIGO NOME ULT VAR
IRBR3 IRB ON R$ 1,67 -2,91%
HAPV3 Hapvida ON R$ 7,29 -3,44%
PRIO3 PetroRio ON R$ 26,20 -2,49%
QUAL3 Qualicorp ON R$ 9,77 -2,40%
DXCO3 Dexco ON R$ 10,16 -1,74%

O Ibovespa, que abriu em leve recuperação, zerou os ganhos e recua a 0,30%, aos 110.098 pontos, descolando de Nova York.

As queda das commodities, no cenário internacional, sobretudo o petróleo, amargam o desempenho da bolsa brasileira.

 

 

 

 

ESPAÇOLASER (ESPA3) AUMENTA CAPITAL

Espaçolaser (ESPA3) tocou a campainha que marca a estreia de uma nova empresa na bolsa com planos ambiciosos de expansão e uma sócia e garota-propaganda de peso: Xuxa Meneguel.

Só que pouco mais de um ano e meio depois de a empresa levantar R$ 2,6 bilhões na bolsa, Xuxa não têm muito o que comemorar. Muito menos os novos sócios que investiram na rede de lojas de depilação a laser.

CONFIRA OS MOTIVOS PARA O AUMENTO DO CAPITAL

O Ibovespa encerra leilões e inicia o pregão em leve recuperação de 0,26%, aos 110.720 pontos e acompanha Wall Street.

No mesmo horário, o dólar à vista sobe a 0,85%, cotado a R$ 5,1664.

EUA: RELATÓRIO ADP

Nos EUA, essa semana também é de divulgação de importantes resultados sobre o mercado de trabalho.

Nesta quarta-feira, o relatório ADP — que mede a taxa de emprego no setor privado — apontou que 132 mil empregos foram criados em agosto. 

Apesar do crescimento, a taxa ficou abaixo da expectativa. Os analistas previam a criação de 300 mil empregos no mês. 

Contudo, o relatório mais importante, o payroll, deve ser divulgado na próxima sexta-feira (2).

Os investidores aguardam com cautela os dados sobre emprego nos EUA, já que os números podem ratificar a previsão de alta dos juros em 75 pontos-base.

DESEMPREGO NO BRASIL

A taxa de desemprego no Brasil ficou em 9,1% entre maio e julho, de acordo com os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), divulgados há pouco pelo o IBGE. 

O índice ficou dentro da expectativa dos analistas ouvidos pelo Broadcast, que previam a taxa entre 9,5% e 8,8%. 

Esse resultado é o menor índice da série histórica desde o trimestre encerrado em dezembro de 2015. 

Além disso, o número de empregados com carteira assinada aumentou 555 mil vagas no último trimestre, no setor privado. Ou seja, 35.801 milhões de brasileiros estão no mercado de trabalho formal. 

O Ibovespa futuro abriu em alta de 0,55%, aos 112.310 pontos e acompanha os índices futuros de Nova York.

No mesmo horário, o dólar à vista abriu em alta de 0,37%, cotado a R$ 5,1421.

 

OPORTUNIDADE DE SWING TRADE NA BOLSA
O nosso colunista, Nilson Marcelo, identificou uma oportunidade na bolsa hoje: lucro acima de 4% com ações da Marcopolo (POMO4).
BOLSAS NO EXTERIOR
Confira aqui:
  • Dow Jones futuro: +0,05%
  • S&P 500 futuro: +0,19%
  • Nasdaq futuro: +0,53%
  • Euro Stoxx 50: +1,42%
  • Xangai (China): -0,78% (fechado)
  • Nikkei (Japão): -0,37% (fechado)
  • Petróleo Brent: US$ 95,20 (-2,70%)
  • Minério de ferro (Dalian, China): US$ 99,30 (-1,72%)
ESQUENTA DOS MERCADOS

Bom dia! A quarta-feira (31) das bolsas internacionais começa ao som de Raul Seixas.

Não, os investidores não estão marcando os 33 anos e 10 dias da partida do ícone da música brasileira.

Estão apenas se inspirando na letra de ‘Tente Outra Vez’ para ver se agora vai.

Em queda desde a sexta-feira, as principais bolsas de valores estrangeiras começaram o dia em busca de recuperação.

Nada muito robusto, porém: os índices futuros de Nova York oscilam sem direção definida, enquanto a inflação na zona do euro voltou a bater recorde, lançando as bolsas da região em território claramente negativo.

O mais recente movimento de queda começou depois do esperado discurso do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, no simpósio de banqueiros centrais de Jackson Hole.

Na ocasião, ele sinalizou que o ambiente de taxas de juros mais elevadas provavelmente persistirá até que o Fed consiga domar o dragão da inflação.

Para completar um cenário externo nada favorável aos negócios, a Rússia interrompeu o fornecimento de gás do gasoduto Nord Stream 1 para a Europa no início desta quarta-feira, aumentando as perspectivas de recessão e racionamento de energia na região.

A interrupção para manutenção no Nord Stream 1 significa que nenhum gás fluirá para a Alemanha entre 31 de agosto e 3 de setembro, de acordo com a gigante estatal russa de energia Gazprom

Os números do operador do gasoduto — disponíveis no site da empresa — mostraram fluxos em zero nesta quarta-feira, com três horas consecutivas sem fluxos.

Por aqui, os investidores estão em busca de justificativas para descolar o Ibovespa de Wall Street.

Na última sessão, o Ibovespa encerrou os negócios em queda de 1,68%, aos 110.430 pontos. Já o dólar à vista avançou 1,58%, a R$ 5,1130.

Confira o que irá movimentar o dia das bolsas, do dólar e do Ibovespa.

Compartilhe

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Cautela segue em alta no exterior e Ibovespa cai quase 1%; dólar desacelera ganhos

16 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: Com a agenda esvaziada, as bolsas internacionais operam em tom negativo nesta sexta-feira (16). Os investidores seguem mais cautelosos na expectativa de alta de juros americanos pelo Federal Reserve e elevação da taxa Selic pelo Banco Central do Brasil, na próxima semana. O Ibovespa tende a acompanhar o exterior. Acompanhe por aqui […]

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa ignora avanço de mais de 1% da prévia do PIB e cai; dólar fica acima de R$ 5,20

15 de setembro de 2022 - 9:09

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção definida nesta quinta-feira (15), com a agenda cheia no exterior e no Brasil. No cenário doméstico, o principal destaque do dia é o crescimento do IBC-Br, a prévia do PIB, de julho acima do esperado. Os investidores também reagem aos dados de vendas do varejo em […]

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa tenta engatar recuperação, mas varejo e siderurgia pesam contra; Magazine Luiza (MGLU3) cai 5% após decepção com dados

14 de setembro de 2022 - 9:05

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam sem direção definida nesta quarta-feira (14). Os investidores digerem a alta na inflação dos EUA em agosto e reagem ao índice dos preços para o produtor (PPI), já com a expectativa de alta nos juros na próxima reunião do Federal Reserve (Fed). No cenário doméstico, o Ibovespa reage […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Vitória de Lula em 1º turno é possível? Descubra aqui

14 de setembro de 2022 - 6:00

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa recua mais de 2% após avanço da inflação nos EUA; dólar tem forte alta

13 de setembro de 2022 - 9:03

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais, que iniciaram o dia em leve alta nesta terça-feira (13), reagem ao avanço da inflação nos EUA em agosto. Com isso, os investidores mantêm a expectativa de alta nos juros americanos em 75 pontos-base na próxima reunião do Federal Reserve (Fed). Sem destaques no cenário doméstico, o Ibovespa deve […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Bolsonaro diz que vai ‘passar a faixa’ e se aposentar caso não consiga se reeleger

13 de setembro de 2022 - 5:47

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa desacelera alta e dólar cai abaixo dos R$ 5,10; Magazine Luiza (MGLU3) lidera ganhos

12 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em alta nesta segunda-feira (12), sem negociações na China em razão de feriado local. Os investidores aguardam o índice de preços ao consumidos (CPI) nos EUA, que será divulgado amanhã. Com a agenda cheia no cenário doméstico, o Ibovespa deve reagir à deflação da primeira prévia do IGP-M […]

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Lula segue 13 pontos à frente de Bolsonaro no 2º turno na pesquisa BTG/FSB

12 de setembro de 2022 - 7:14

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

MERCADOS AO VIVO

Bolsa hoje: Ibovespa opera em alta de 2% impulsionado por commodities e maior apetite por risco no exterior; dólar cai

9 de setembro de 2022 - 9:04

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais operam em tom positivo nesta sexta-feira (9). Os investidores reagem à desaceleração da inflação na China, o que aumenta a expectativa por injeção de novos estímulos pelo governo. No cenário doméstico, o Ibovespa deve refletir o IPCA, que indicou uma deflação de 0,36% em agosto.

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Lula tem 45% das intenções de voto e Bolsonaro 34% — confira os novos números do Datafolha

9 de setembro de 2022 - 8:58

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar