Insights de investimento, análises de mercado e muito mais! Siga o Seu Dinheiro no Instagram

2022-03-24T13:03:53-03:00
Guilherme Valle
GUERRA CAMBIAL

Rússia vai exigir que países opositores paguem pelo gás em rublos; entenda os objetivos por trás da decisão

Medida pode causar interrupções no fornecimento de gás russo para a Europa e serve como contra-ataque às sanções que isolaram o país economicamente

23 de março de 2022
16:11 - atualizado às 13:03
Presidente da Rússia, Vladimir Putin
Vladimir Putin, presidente da Rússia - Imagem: Shutterstock

Após uma série de sanções econômicas impostas à Rússia pelos países ocidentais, o governo Putin tenta contra-atacar na mesma moeda. A partir de agora, nações consideradas ‘hostis’ pelo Kremlin precisarão pagar pelo gás russo em rublos — dólares ou euros não serão mais aceitos.

A medida tem como objetivo conter o derretimento da moeda russa, que já amarga uma desvalorização de 30% no ano — apenas no dia em que foram anunciadas as medidas mais drásticas contra o governo Putin, o rublo chegou a cair 20%.

O crescente isolamento da economia russa levou Putin a dar um ultimato: governo e banco central teriam de encontrar uma solução para o problema em uma semana. A saída encontrada foi passar a exigir pagamentos em moeda local, dando a volta nas sanções com a ajuda dos próprios países que decidiram adotá-las.

A Rússia se aproveita de ser responsável pelo fornecimento de 40% de todo o gás utilizado na Europa, o que significa um consumo diário na faixa entre 200 e 800 milhões de euros.

Quem quiser comprar esse gás terá de comprar rublos primeiro, o que garantiria à Rússia acesso à euros e dólares.

A fala teve desdobramentos imediatos no mercado de hidrocarbonetos: o barril de petróleo Brent voltou a valer mais de 120 dólares, e o gás natural também disparou. 

Do lado russo, o rublo ganhou alguma força, beirando 6% de ganho até às 14:25. Mesmo assim, desde o início da guerra a moeda russa já recuou quase 17%.

Problemas para a Europa

Mas… quem a Rússia considera como nação hostil? A lista inclui importantes compradores do gás russo, como toda a União Europeia e a Grã-Bretanha. O grupo concentra aproximadamente 70% do gás que a Rússia exporta.

A Alemanha, principal economia da UE e dependente do gás vindo da Rússia, ainda não se pronunciou sobre a decisão. Mas o segundo maior comprador de gás da Europa, a Itália, não gostou nada da ideia. 

O conselheiro para assuntos econômicos do primeiro-ministro italiano, Francesco Giavazzi, disse, em evento da Bloomberg, que pagar em rublos enfraqueceria o regime de sanções adotado pelos países europeus.

Interrupção no fornecimento

E os problemas não param por aí: quem compra gás diretamente da Gazprom, estatal russa que detém o monopólio para exportação do combustível, também poderá enfrentar grandes desafios. 

A exigência de pagamento em rublos pode levar a renegociações contratuais — o que poderia culminar numa interrupção no fornecimento, mesmo que temporária. Isso agravaria a crise energética na Europa, já que aproximadamente 58% de todo gás exportado pela Gazprom é pago em euros, e 39% em dólares. 

Nos primeiros 15 dias deste mês, a empresa exportou diariamente uma média de 384 milhões de metros cúbicos de gás para toda a Europa.

*Com informações da Bloomberg e da Al Jazeera

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

NOITE CRIPTO

Bitcoin (BTC) retoma parte do fôlego, mas ainda segue abaixo dos US$ 30 mil; confira o que mexe com as criptomoedas

O mercado global de ativos digitais já perdeu mais de US$ 1 trilhão em valor desde o início do grande inverno cripto

PASSARINHO NA GAIOLA

E agora Elon Musk? Acionistas entram com ação contra o bilionário e o Twitter (TWTR34); saiba o motivo

A plataforma também está sendo alvo do processo, que envolve denúncias de uso de informação privilegiada no âmbito da oferta de compra da empresa

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O copo meio cheio do Ibovespa, a nova chance da Cielo (CIEL3) e o retorno da Terra (LUNA); confira os destaques do dia

A possibilidade de que o Federal Reserve seja obrigado a manter o ritmo do aperto monetário ajudaram os ativos de risco nesta quinta-feira

ELEIÇÕES DE 2022

Distância entre Lula e Bolsonaro aumenta para 21 pontos na nova pesquisa Datafolha; confira as intenções de voto

Instituto destaca que o levantamento anterior, feito em 22 e 23 de março, tinha cenários distintos, excluindo pré-candidatos que deixaram a disputa e adicionando nomes que passaram a ser apresentados pelos partidos

FECHAMENTO DO DIA

Dólar cai abaixo dos R$ 4,80 e Ibovespa sobe 1% com sinais de fraqueza da economia americana; entenda a razão

O Ibovespa reagiu ao bom desempenho dos ativos no exterior após os investidores entenderem que o Fed deve segurar o aperto monetário

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies