Menu
2020-09-03T19:18:27-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
dia de tombo das varejistas

B2W, Magalu e Via Varejo lideram quedas do Ibovespa seguindo tecnologia em NY

No mesmo horário, o Ibovespa caía 1,56% para 100.056,20 pontos. Os papéis das varejistas estão entre os que mais ganharam em 2020, em meio à crise disparada pela pandemia de coronavírus

3 de setembro de 2020
15:15 - atualizado às 19:18
B2W – Magazine Luiza – Via Varejo
Imagem: Montagem/Seu Dinheiro

As ações das varejistas B2W, Magazine Luiza e Via Varejo são as maiores quedas percentuais do Ibovespa nesta quinta-feira (3).

O desempenho reflete a Nasdaq, bolsa que concentra as empresas do setor de tecnologia nos Estados Unidos, e que despenca 4,61% para 11.501,06 pontos por volta das 15h10.

No mesmo horário, o Ibovespa caía 1,56% para 100.317,70 pontos.

O principal índice acionário da B3 também segue a performance negativa das bolsas de Nova York, após um rali (aparentemente) interminável. Leia a cobertura completa de mercados financeiros do Seu Dinheiro.

As ações ordinárias da B2W (BTOW3) fecharam em tombo de 7,57%, cotadas a R$ 102,50, e as do Magazine Luiza (MGLU3), 5,36%, para R$ 88,50. Enquanto isso, as da Via Varejo (VVAR3) perderam 6,89% na sessão de hoje, ao preço de R$ 19,19.

Os papéis das varejistas estão entre os que mais ganharam em 2020, em meio à crise disparada pela pandemia de coronavírus.

No acumulado do ano, as ações da B2W subiram 64%, as do Magazine Luiza, 86%, e as da Via Varejo, 71,3%.

O Magalu, inclusive, saiu como o grande vencedor da briga particular das varejistas: as vendas online.

A empresa foi a que mais cresceu no segmento durante o segundo trimestre, segundo cálculos da XP Investimentos.

Não é a primeira vez que a B2W presenciou, recentemente, um desempenho tão ruim dos seus papéis. O mercado reagiu mal ao seu balanço do segundo trimestre, considerado bom por analistas, espelhando a percepção de que os papéis da companhia subiram muito no ano.

Enquanto isso, a Via Varejo se tornou a ação favorita da XP para o setor e acelerou as vendas do e-commerce, com o progressivo movimento de digitalização do setor na pandemia, apesar do prejuízo operacional do segundo trimestre.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Seu Dinheiro no sábado

Queremos saber

“Queremos saber Queremos viver Confiantes no futuro Por isso de faz necessário Prever qual o itinerário da ilusão A ilusão do poder Pois se foi permitido ao homem Tantas coisas conhecer É melhor que todos saibam O que pode acontecer” (“Queremos saber” – Gilberto Gil) Desde que o mundo mergulhou na incerteza quase que completa […]

O hambúrguer e o câmbio

Está na hora de comprar ou vender dólar? A resposta pode estar no preço do Big Mac

Se levarmos em consideração o preço do sanduíche mais popular do mundo, a moeda norte-americana deveria valer R$ 3,87, segundo o índice calculado pela The Economist

prévias

Eztec tem queda de 48% nas vendas no quarto trimestre

Lançamentos da empresa atingiram R$ 380,8 milhões, chegando a R$ 1,150 bilhão no ano – 85% a mais do que no terceiro trimestre

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies