Menu
2020-03-12T10:54:29-03:00
Estadão Conteúdo
TUDO IGUAL

BCE mantém juros inalterados, mas anuncia novas LTROs e compra adicional de bônus

Contrariando a maioria dos analistas, o BCE manteve sua taxa de depósito em -0,50%. A taxa de refinanciamento também ficou inalterada, em 0%.

12 de março de 2020
10:54
Zona do Euro
Imagem: shutterstock

O Banco Central Europeu (BCE) decidiu manter seus juros básicos inalterados após concluir reunião de política monetária nesta quinta-feira, mas anunciou uma nova rodada de empréstimos de longo prazo, conhecidos como LTROs, e uma compra adicional de bônus soberanos.

Contrariando a maioria dos analistas, o BCE manteve sua taxa de depósito em -0,50%. A taxa de refinanciamento também ficou inalterada, em 0%.

Em comunicado, o BCE avaliou que não vê sinais concretos de tensões nos mercados monetários ou escassez de liquidez no sistema bancário.

O BCE, no entanto, disse que vai oferecer novas LTROs, à taxa de depósito. A autoridade monetária também concederá termos "consideravelmente mais favoráveis" para as chamadas Operações de Refinanciamento de Prazo Mais Longo Direcionadas (TLTROs, na sigla em inglês) entre junho de 2020 e junho de 2021, de forma a impulsionar empréstimos para "os mais afetados pela disseminação do coronavírus", principalmente pequenas e médias empresas.

Neste período, a taxa das TLTROs ficará 25 pontos-base abaixo da taxa média utilizada nas principais operações de refinanciamento do Eurosistema.

Além disso, o BCE anunciou que fará uma compra adicional líquida de bônus, no valor de 120 bilhões de euros, até o fim do ano, paralelamente ao atual programa de relaxamento quantitativo (QE, pela sigla em inglês).

O QE será mantido "pelo tempo que for necessário para reforçar o impacto acomodatício das suas taxas de política" e terminará pouco tempo antes de o BCE "começar a elevar as taxas de juros", reiterou a instituição no comunicado.

O BCE também reafirmou que os juros continuarão nos níveis atuais ou menores até que a inflação da zona do euro convirja "de forma robusta" para sua meta oficial, que é de uma taxa ligeiramente abaixo de 2%. Os dados mais recentes, referentes a fevereiro, mostram que a inflação anual do bloco está muito abaixo desse patamar, em 1,2%.

Logo mais, a partir das 10h30 (de Brasília), a presidente do BCE, Christine Lagarde, falará sobre a decisão de hoje em coletiva de imprensa. Às 11h30 (de Brasília), o BCE vai publicar outro comunicado com detalhes sobre as novas LTROs.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

TECNOLOGIA

Xiaomi supera Apple em venda de celulares

O levantamento também mostra que a Samsung voltou ser a líder global de vendas de smartphones, após perder a liderança do mercado para a também chinesa Huawei, que ficou no topo por um único trimestre.

BOMBOU NO SEU DINHEIRO

Melhores da Semana: O Halloween dos mercados

A segunda onda de coronavírus é um ‘fantasma’ que ronda os mercados desde o início do ano. Muita gente não acreditou. Nesta semana, ele mostrou as caras.

POLÍTICA

Bolsonaro grava para campanhas e aposta em 2º turno em RJ e SP

Presidente busca apoiar aliados para tentar formar base nos grandes colégios eleitorais para sua campanha de reeleição em 2022

responsabilização

JBS aprova em assembleia ação contra irmãos Batista

Processo diz respeito a prejuízos causados por crimes revelados nos acordos de colaboração e leniência firmados pela JBS com a Procuradoria Geral da República

em live

Se necessário, voltaremos a fazer transferência do BC para o Tesouro, diz secretário

Em agosto, CMN já havia autorizado o Banco Central a repassar R$ 325 bilhões para o Tesouro Nacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies