Menu
2020-05-08T14:59:50-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
VAI TER QUE FECHAR

BRF é interditada pela Justiça na cidade de Lajeado

A decisão de interdição tem como base a alegação de que existe risco de contaminação dos funcionários nas dependências do frigorífico.

8 de maio de 2020
14:39 - atualizado às 14:59
BRF
Unidade da BRF - Imagem: Divulgação

Na manhã de hoje, 8 de maio, a 2º Varal Cível da Comarca de Lajeado (RS), determinou em liminar, a paralisação por 15 dias da unidade da BRF na cidade. A decisão atende o pedido feito na segunda-feira, 4 de maio do Ministério Público do Rio Grande do Sul.

A decisão de interdição tem como base a alegação de que existe risco de contaminação dos funcionários nas dependências do frigorífico. Segundo o despacho, na cidade de Lajeado, no Vale Taquari, cerca de 26% dos pacientes com covid-19 no Hospital Bruno Born eram funcionários da empresa.

Após pedido do Ministério Público, na terça-feira, 5 de maio, a Vigilância Sanitária do município inspecionou a unidade e concluiu que as medidas preventivas adotadas pela empresa não estavam sendo cumpridas de forma correta.

No período de paralisação, a BRF deverá higienizar e descontaminar toda a unidade industrial, incluindo veículos próprios, espaços internos e externos, o que inclui todos os acessos à empresa, estacionamentos e até pontos de ônibus.

Os animais que estavam a caminho da unidade de Lajeado deverão ser reconduzidos e abatidos em outra filial da companhia. frigorífico também deverá traçar um plano para retomada gradativa das atividades.

No caso de descumprimento da decisão, a BRF pode ser multada no valor de R$ 1 milhão por dia.

Em nota, a companhia afirmou que irá recorrer a decisão.

*Com informações de Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

libera o auxílio emergencial

Senado aprova texto-base da PEC Emergencial em 1º turno

Votação foi destravada após o governo ceder e o relator retirar o fim da obrigatoriedade de gastos mínimos com saúde e educação

Comprar ou vender, eis a questão

Brasil vira mercado “inoperável” com “risco Bolsonaro” e ameaças ao teto de gastos, dizem gestores de fundos

O cenário piorou com a intervenção nas estatais e o risco fiscal, mas nos patamares atuais fica muito arriscado apostar contra o país, segundo gestores de fundos

O melhor do seu dinheiro

Alguém chame os bombeiros

Hoje tivemos mais um dia de grande volatilidade nos mercados brasileiros, que entraram em parafuso com o temor de que o teto de gastos poderia vir a ser furado. Os investidores aguardam com grande ansiedade a votação da PEC Emergencial, aquela que permitirá o retorno do auxílio emergencial. E rumores de que ela seria desidratada […]

FECHAMENTO

Em dia de alta volatilidade, Lira salva Ibovespa de um fiasco e segura o dólar em R$ 5,66

A volatilidade reinou absoluta nesta quarta-feira (03) e mais uma vez Brasília foi responsável por movimentar os negócios no Brasil. Lá fora, o dia foi de cautela com a alta dos juros futuros

Luz no fim do túnel?

Ministério da Saúde avança em negociações com laboratórios para comprar vacinas

A declaração do MS foi dada pelo titular da pasta, Eduardo Pazuello, em reunião com a Confederação Nacional de Municípios (CNM).

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies