Menu
2019-04-25T17:28:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Estratégia

Sessão da CCJ na Câmara para discutir reforma começa com obstrução da oposição

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defende que as discussões entrem a madrugada para viabilizar a apreciação da admissibilidade antes do feriado

16 de abril de 2019
12:14 - atualizado às 17:28
Sessão da CCJ da Câmara
CCJ da Câmara - Imagem: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

A sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara para discutir a reforma da Previdência começou na manhã desta terça-feira, 16, com obstrução da oposição, apesar da tentativa na segunda-feira, 15, de costurar um acordo para que os debates ocorressem sem manobras dos deputados que são contra a proposta. A reunião iniciou com a leitura da ata da sessão da véspera, que aprovou a admissibilidade da PEC do Orçamento Impositivo.

Em meio à estratégia de obstrução, a deputada Talíria Petrone (PSOL-RJ) também pediu a leitura do expediente da sessão e defendia requerimento para que todas as votações fossem nominais, mas depois foi retirado. Também há sobre a mesa da CCJ um pedido para a retirada de pauta da proposta de reforma da Previdência.

Mais de 100 deputados estão inscritos para falar contra e a favor da reforma.

Diante das manobras da segunda-feira para votar a PEC do Orçamento, o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), previu que a votação da reforma deve ocorrer apenas na semana que vem.

Mas o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), defende que as discussões entrem a madrugada para viabilizar a apreciação da admissibilidade ainda antes do feriado.

Ainda dá tempo

O líder do DEM, Elmar Nascimento (BA), disse que é possível votar o texto da reforma da Previdência até a quarta-feira. "Se todos colaborarem, dá sim", comentou.

Ele liberou que os correligionários, inscritos na comissão, reduzam seu tempo de fala. "É melhor que se vote logo e sinalizar para o Brasil que a Câmara tem a disposição de colaborar", afirmou.

Sobre o trâmite desta terça-feira, 16, na comissão, Nascimento disse que os líderes estão conversando para se chegar ao melhor caminho para finalizar o debate.

Para Nascimento, se a oposição ameaçar em obstruir será preciso encerrar a discussão.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

DRAGÃO COM FOME

Comida pressiona inflação até o fim do ano, dizem analistas

Dólar em alta, oferta escassa por causa da entressafra e o auxílio emergencial estão provocando o aumento dos preços

CCR: Alerj recomenda retomar concessão de rodovia, mas governo é contra

Assembleia quer retomada da rodovia para reduzir tarifas, consideradas altas devido a irregularidades no contrato de concessão

TRETA

Maia e Alcolumbre criticam Salles após atrito com Ramos

Presidente da Câmara diz que ministro do Meio Ambiente resolveu destruir o próprio governo

SE PROTEJA

Títulos de renda fixa atrelados ao IPCA viram opção

Alta da inflação em outubro faz investidores e gestores avaliarem novas formas de proteção de patrimônio

SELEÇÃO DE NOTÍCIAS

BDR, bitcoin, shopping: o melhor do Seu Dinheiro na semana

O fim de semana chegou com uma notícia bastante esperada pelos investidores: a volta do Ibovespa ao patamar de 100 mil pontos. O principal índice da B3 foi impulsionado esta semana por dois acontecimentos. O primeiro deles foi o alívio das preocupações em torno do risco fiscal brasileiro, com políticos e governo demonstrando compromisso com a manutenção do teto de gastos. Outro tema foi a esperança de aprovação de um pacote de estímulos […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies