2019-02-14T21:13:47-02:00
Aposentadoria

Bolsonaro aprovou idade mínima de 65 anos para homens e 62 para mulheres

A afirmação é do secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho. Segundo ele, agora o tempo de transição da aposentadoria será de 12 anos

14 de fevereiro de 2019
17:16 - atualizado às 21:13

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, deu um spoiler sobre qual será a proposta do governo para a reforma da Previdência. Ele afirmou nesta quinta-feira à tarde (14)  que o presidente Jair Bolsonaro aprovou idade mínima para a aposentadoria de 65 anos para homens e 62 para mulheres. Ele ainda disse que o tempo de transição entre a regra atual e a nova será de 12 anos.

Marinho ainda falou que o presidente já bateu o martelo e que o texto está pronto, mas que ele só será divulgado na semana que vem. A idade que ficou definida agora é a mesma da última versão que estava na proposta do governo Temer.

Bolsonaro se reuniu com ministros e líderes do governo nesta quinta-feira à tarde para definir a proposta. A discussão ocorreu um dia após o presidente ter alta do hospital, depois de mais de duas semanas internado em São Paulo.

Bolsa reage

A afirmação sobre as novas regras de aposentadorias caiu bem nos mercados e as ações começaram a ter forte alta na bolsa de valores. Os investidores aguardavam com ansiedade novas informações sobre a proposta do governo para a reforma da Previdência. O presidente da República disse que definiria os detalhes nesta quinta-feira, um dia após ter alta do hospital.

O temor dos mercados era de que as mudanças na aposentadoria fossem muito tímidas, incapazes de fazer diferença nas contas públicas. Uma das propostas que também estavam em discussão previa uma idade mínima de aposentadoria para mulheres para 57 anos.

Quer saber como a Reforma da Previdência pode afetar os seus investimentos? A Julia Wiltgen explica no vídeo abaixo:

Congresso

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse, em vista à Teresina (PI), que deve conversar no fim de semana com o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, antes que o texto da reforma da Previdência seja apresentado ao parlamento.

Na opinião dele, é fundamental ouvir também os governadores para que o texto já mostre um consenso entre prefeitos e governadores sobre o tema.

Ao questionado sobre a reforma da Previdência, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, destacou hoje (14) que "o governo já fez a escolha sobre reforma, congresso debaterá e fará livremente a sua". O recém-eleito para o comando da Casa falou também que os Estados e cidades estão quebrados e que a União precisa rapidamente apresentar reformas.

*Com Estadão Conteúdo

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Tendências da bolsa

AGORA: Ibovespa futuro abre em alta puxado por Nova York e dólar recua a R$ 5,46; confira

O dia é esvaziado, tanto no cenário doméstico quanto no exterior; investidores aguardam reunião do Fed semana que vem

O melhor do Seu Dinheiro

Oportunidade de investimento com a bola de neve da PEC dos precatórios, recorde da Caixa em 2021, preço dos combustíveis e outros destaques do dia

O furo no teto com a “PEC do Calote” vai afetar diversos setores da economia, mas pode beneficiar os investimentos alternativos; entenda como

Energia

Pátria compra usinas hidrelétricas da britânica ContourGlobal no Brasil em negócio de R$ 1,7 bilhão

Além das hidrelétricas, o Pátria pode adquirir os ativos de energia eólica da ContourGlobal, que é dona do complexo Asa Branca, no Rio Grande do Norte

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas operam mistas pela manhã após inflação recorde da Zona do Euro e Ibovespa olha coletiva do presidente do Banco Central hoje

Sem maiores indicadores para o dia, o foco vai para a corrida eleitoral, com as falas dos presidenciáveis em foco nesta quinta-feira

DE OLHO NAS DÍVIDAS JUDICIAIS

Além do furo no teto: como a PEC dos precatórios afeta os credores, mas abre uma grande oportunidade de investimento

Com a regra fiscal ameaçada, o motivo inicial para a criação da emenda acabou sendo relegado a segundo plano, mas seus desdobramentos podem beneficiar os investimentos alternativos