Menu
2019-07-31T17:25:46-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Fazendo política

Pensando no futuro, Bolsonaro busca aproximação com Fux, próximo presidente do STF

Presidente se encontrou com o ministro do Supremo nesta quarta-feira e afirmou que terá que “começar a namorá-lo” a partir de agora

31 de julho de 2019
17:23 - atualizado às 17:25
Presidente da República, Jair Bolsonaro
Presidente da República, Jair Bolsonaro - Imagem: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu na tarde desta quarta-feira, 31, com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, no Palácio do Planalto.

Segundo Bolsonaro, a conversa é uma forma de aproximação considerando que Fux será o próximo presidente da Corte. Ele deve assumir em setembro de 2020.

"É o próximo presidente do STF, tenho que começar a namorá-lo a partir de agora", disse Bolsonaro aos risos. Ele falou com jornalistas após cerimônia no Palácio do Planalto.

Fux também é o relator de duas ações penais em que Bolsonaro é acusado de injúria e incitação ao crime de estupro por disparar ofensas à deputada federal Maria do Rosário (PT-RS).

Bolsonaro se tornou réu no STF em 2016 por uma denúncia envolvendo o episódio com a deputada Maria do Rosário, sobre quem o então parlamentar declarou que "não estupraria a deputada porque ela não merecia".

Em fevereiro deste ano, Fux suspendeu as duas ações já que a Constituição Federal proíbe que Bolsonaro seja responsabilizado por atos anteriores ao mandato.

O ministro do Supremo já havia se reunido com Bolsonaro em novembro do ano passado, durante a transição de governo, antes mesmo do ex-deputado federal assumir a Presidência da República. A conversa entre Fux e Bolsonaro foi feita na época em que estava na pauta o reajuste salarial dos ministros do STF e a extinção do auxílio-moradia.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

atenção, acionista

Carrefour paga R$ 175 milhões em juros sobre capital próprio e altera valor de dividendos

Cifra equivale a R$ 0,088148225 por ação em circulação; também anunciou uma modificação do valor por ação dos dividendos aprovados em abril, de R$ 0,382372952 para R$ 0,382361396

maior apetite por risco

Empresas do Brasil captam US$ 4,6 bilhões; montante deve aumentar com ofertas de Stone e Light

Emissores brasileiros haviam paralisado planos de captar no exterior nos últimos meses, em meio à turbulência interna com a pandemia e o aumento do juro norte-americano

em meio ao aumento de consumo de frango

SuperFrango, de Goiás, retomará IPO de R$ 1 bilhão

Após resolver adiar a operação, a empresa fará uma apresentação mais cuidadosa de seu negócio aos analistas; oferta é estimada entre R$ 1 bilhão e R$ 1,5 bilhão

levantamento

Estatais descumprem critérios do marco do saneamento

GO Associados calculou que as companhias públicas do Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Alagoas, Maranhão, Amazonas, Pará, Piauí, Roraima, Rondônia e Amapá não atendem a todos os critérios da “etapa 1” do decreto – que prevê o cumprimento de índices mínimos dos indicadores econômicos-financeiros

questionamentos em brasília

Novo marco de saneamento é alvo de ofensiva no Supremo e no Congresso

No Supremo, mais de 20 empresas estatais que prestam hoje serviços no setor querem a volta da possibilidade de fechar os chamados “contratos de programa”, diretamente com as Prefeituras e sem licitação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies