Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-11-08T11:20:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
bolsa e balanço

BRF reverte prejuízo no trimestre, mas ação cai 3%

Dona da Sadia, Perdigão, entre outras, divulgou um lucro líquido de R$ 445,6 milhões no terceiro trimestre de 2019 nas operações continuadas

8 de novembro de 2019
10:47 - atualizado às 11:20
BRF
Unidade da BRF - Imagem: Divulgação

A ação ordinária da BRF (BRFS3) cai quase 3,03% no início do pregão desta sexta-feira (8) após a empresa divulgar os resultados do terceiro trimestre. Por volta das 11h, os papéis eram negociados a R$ 34,87. No ano, os ativos acumulam valorização da ordem de 58%.

A dona da Sadia, Perdigão, entre outras, divulgou um lucro líquido de R$ 445,6 milhões no terceiro trimestre de 2019 nas operações continuadas. O lucro líquido do total societário foi de R$ 304,4 milhões - uma reversão do prejuízo de R$ 812,4 milhões registrados em igual período de 2018.

Analistas consultados pela Bloomberg esperavam um lucro líquido de R$ 191,6 milhões.

O Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado alcançou R$ 1,609 bilhão, avanço de 178,1% ante igual trimestre do ano anterior e inclui ganho líquido de R$ 467 milhões referente a ações tributárias. Sem este ganho tributário, o Ebitda totalizaria R$ 1,142 bilhão.

A margem Ebitda ajustada foi de 19% no período, 11,6 pontos porcentuais maior no comparativo anual. Ao excluir o ganho tributário, a margem estaria em 13,5%.

A receita líquida para o terceiro trimestre de 2019 atingiu em R$ 8,459 bilhões no trimestre, alta anual de 8,4%. No Brasil, a receita foi de R$ 4,382 bilhões, 6,3% maior que o obtido um ano antes.

Dentre os destaques, a BRF citou a alavancagem - relação entre dívida líquida e Ebitda ajustado - de 2,90 vezes no terceiro trimestre deste ano. Minutos antes da divulgação do balanço trimestral, a companhia informou ao mercado que o guidance da alavancagem foi atualizado para 2,75 vezes ao fim de 2019.

De acordo com o fato relevante publicado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a alteração na perspectiva é resultado da implementação do Plano de Reestruturação Operacional e Financeira e das perspectivas futuras para o setor de proteínas.

"A BRF reitera o seu compromisso com a recuperação de suas margens operacionais e sua disciplina financeira", diz o comunicado. A última atualização do guidance aconteceu em agosto, quando a estimativa ficou em 3,15 vezes para 2019 e 2,65 vezes para 2020.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

IPO adiado

Bluefit: nem desconto de 20% garante estreia da rede de academias na bolsa

Inicialmente estimado em R$ 600 milhões, IPO da rede de academias de baixo custo agora deverá ter o valor reduzido e envolver apenas investidores institucionais, como fundos e fundações

Tensão EUA-China

Executiva da Huawei detida no Canadá em 2018 volta à China após acordo com os EUA

Confinada à cidade de Vancouver há quase três anos, onde havia sido presa sob acusação de fraude, CFO da Huawei, Meng Wangzhou, protagonizou incidente diplomático entre Canadá, EUA e China

o melhor do seu dinheiro

Mercados na semana: O destino da Evergrande, uma análise da Vale e seis ações indicadas por analistas

A semana que termina nos mercados foi marcada pela incerteza quanto ao futuro da incorporadora chinesa Evergrande e seus desdobramentos sobre a economia global. A crise na empresa, que tem um passivo oscilando à beira da insolvência, é consequência do aperto monetário e regulatório sobre o setor promovido pelo governo chinês desde o final do […]

Estimativas

Carrefour (CRFB3) divulga projeção para Atacadão e estima R$ 100 bi em vendas em 2024

A projeção de vendas brutas da rede no exercício social que se encerrará em 31 de dezembro de 2021 é de R$ 60 bilhões

PODCAST MESA PRA QUATRO

Da Conga até o Tik Tok: Gretchen conta de sua carreira artística e como administra seu dinheiro

Aos 60 anos, Gretchen relata sobre sua independência financeira e histórias de família e de carreira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies