Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-05T15:39:36-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
391 votos contra

Parlamento britânico rejeita acordo do Brexit proposto por Theresa May

Casa agora deve votar se o processo de separação da União Europeia será feito sem acordo ou se ganhará uma nova data

12 de março de 2019
17:24 - atualizado às 15:39
Theresa May, primeira-ministra do Reino Unido
Theresa May, primeira-ministra do Reino Unido - Imagem: Shutterstock

Em novo revés para a primeira-ministra britânica Theresa May, o Parlamento do Reino Unido rejeitou, por 391 votos contra e 242 a favor, o plano do Brexit proposto pela líder conservadora.

A decisão abre caminho para uma nova votação que vai definir se haverá Brexit sem acordo ou se o Reino Unido tentará adiar o processo de saída da União Europeia. A definição desse ponto está marcada para acontecer nesta quarta-feira, 13.

Essa não é a primeira vez que May sofre uma derrota no Parlamento quando o assunto é o divórcio com a UE. Em janeiro deste ano, a Casa também rejeitou um primeiro plano de acordo da premiê (com uma margem menor de votos contra, diga-se de passagem). Desde então, a líder britânica vem tentando ganhar tempo para conseguir acertar os ponteiros com a classe política do seu país.

Euro dispara

A moeda única europeia, que já estava em alta desde o início do dia, acelerou o movimento logo depois da votação. Por volta das 17 horas, o euro subia para US$ 1,129, mas chegou a romper os US$ 1,13 pouco antes.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

MELOU O NEGÓCIO

Ações da Evergrande saem de suspensão e despencam em meio a desacordo sobre venda de fatia da incorporadora

A própria empreiteira chinesa cancelou um acordo para a venda de uma participação de 50,1% em unidade de serviços imobiliários para a Hopson Development Holdings

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: exterior tem dia de correção e bolsa brasileira deve ter desempenho fraco por mais um dia após fala de Paulo Guedes sobre teto de gastos

Os balanços do exterior devem movimentar os negócios, com Evergrande de volta ao radar após fracasso na venda de uma subsidiária

LAVANDO AS MÃOS

Guedes se isenta e diz que formato do Auxílio Brasil está ‘a cargo da política’

Segundo o ministro, governo teve de fazer um ‘encaixe’ dentro do arcabouço fiscal existente

Entrevista

Um dos maiores gestores de fundos imobiliários do mercado avisa: os shoppings estão baratos e o investidor ainda não percebeu

CEO da HSI, que tem R$ 11 bilhões sob gestão, diz que os shoppings estão começando a apresentar resultados como os de antes da pandemia e vê demanda de residencial alto padrão ainda forte

Casamento legal

Cade mantém aprovação de compra de fatia da BRF (BRFS3) pela Marfrig (MRFG3)

A conselheira que havia pedido a reabertura da análise da operação mudou de posição e desistiu da reavaliação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies