Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2019-10-17T10:47:33-03:00
Tudo o que vai mexer com o seu dinheiro hoje

‘Lula livre’ e o seu bolso

17 de outubro de 2019
10:42 - atualizado às 10:47
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

O Eduardo Campos entrou em um tema polêmico hoje, que já causou muita briga nos grupos de WhatsApp de diversas famílias. O STF inicia hoje o julgamento sobre a condenação em segunda instância. A questão invariavelmente passa pelo embate entre os que defendem "Lula livre" ou "Lula preso", que exalta os ânimos em um país politicamente polarizado.

Ele lembra que pouco importa o que ele, eu e você achamos sobre os ministros do STF ou o ex-presidente petista. O Edu propõe uma discussão bem pragmática para a questão: isso vai mexer no nosso bolso?

Ex-presidente Lula - Imagem: Shutterstock

Na sua análise de hoje, ele avalia como os grandes investidores estrangeiros podem digerir as possíveis decisões do STF e se Lula, livre ou preso, pode fazer preço nas bolsas. Recomendo muito a leitura, afinal, independentemente da sua posição política, você certamente vai querer blindar o seu dinheiro.

Entre os indicadores e a política

A atenção do mercado financeiro continua dividida entre a série de indicadores econômicos relevantes, que traz hoje dados de atividade nos Estados Unidos e na China, e os eventos da geopolítica internacional. Entre os temas importantes estão os protestos em Hong Kong e a contagem regressiva para o Brexit.

Agora pela manhã, o presidente da Comissão Europeia anunciou em rede social que o Reino Unido e a União Europeia chegaram a um consenso para o Brexit, horas antes de um encontro em Bruxelas em que o acordo deve ser oficializado. As bolsas europeias passaram a operar no azul, após uma abertura indefinida e uma sessão mista na Ásia. Os índices futuros da bolsas de Nova York também estavam em alta pela manhã.

Ontem, o Ibovespa encerrou o dia com alta de 0,89%, aos 105.422,80 pontos. O dólar fechou com uma baixa de 0,25%, a R$ 4,1625. Consulte a Bula do Mercado para saber o que deve mexer com bolsa e dólar hoje.

32 + 27 = 53 🤔

O impasse no PSL segue e ganha novos capítulos. Na noite passada, um grupo de 27 deputados do partido protocolou um pedido na Câmara para a destituição do líder da bancada, Delegado Waldir. O nome sugerido para assumir o seu lugar é o de Eduardo Bolsonaro.

Mas como os roteiristas do Brasil estavam animados, a história teve uma nova virada ainda ontem. O grupo que apoiava o Delegado Waldir, apareceu com uma nova lista de 32 nomes e retomou a liderança. Um detalhe interesse é que a soma das duas listas supera o número de deputados do partido, de 53. Saiba mais

A Eleven salvou o trimestre

A Netflix foi levada para o mundo invertido no balanço do segundo trimestre deste ano. Foi uma temporada bem ruim, com números fracos e a chegada de novos concorrentes para brigar por um espaço na tela dos usuários. Porém, o resultado do terceiro trimestre trouxe uma virada no roteiro, com o aumento do lucro líquido de 65% em relação ao mesmo período em 2018 e a adição de 6,8 milhões de assinantes. A volta às boas se deve a apostas certeiras no catálogo.

A mocinha com poderes sensitivos e seu grupo de amigos, além de salvar a cidade de Hawkins, socorreu a Netflix. O sucesso das novas temporadas de Stranger Things e La Casa de Papel e a estreia de Unbelievable levaram milhões a assinar o serviço de streaming e maratonar por horas. Uau, por esse plot a gente não esperava, né?

Ficção ou realidade?

Já na Amazon Prime, um dos grandes sucessos do catálogo começou agora sua última temporada: Mr. Robot. Na história, uma corporação que controla diversos setores do mercado sofre uma grande invasão hacker e a conta de todos os clientes é congelada. Com isso, a economia entra em colapso e todo mundo decide que é melhor usar bitcoin ao invés de dinheiro. O colunista Nicholas Sacchi chama a atenção para as semelhanças de roteiro com a história recente do Facebook e da sua criptomoeda, a Libra. Confira.

Quem dá menos?

No leilão das projeções mais baixas de quanto estará a Selic, o vencedor até agora foi a Itaú Asset Management. Dois dias depois do Itaú Unibanco revisar as estimativas para a taxa básica de juros e projetá-la em 4,5% ao ano neste ano e em 4% em 2020, a asset do grupo foi lá e jogou a projeção ainda mais para baixo. A casa reduziu a taxa para 4% em 2019 e 3,75% no ano que vem. E se essa projeção se concretizar, qual será o impacto no seu dinheiro? Entenda todos os detalhes nesta matéria do Eduardo Campos.

Um grande abraço e ótima quinta-feira!

Agenda

Indicadores
- Fipe divulga IPC 2ª quadrissema de outubro;
- FGV apresenta IPC-S Capitais da 2ª quadrissemana de outubro;
- China divulga Produto Interno Bruto (PIB) do terceiro trimestre;

Balanços
- GM divulga os seus números do terceiro trimestre.

 

 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

CONTRATO FIRMADO E APROVADO

Superintendência do Cade aprova aquisição pela Elanco de divisão da Bayer

A operação consiste na aquisição, pela Elanco Animal Health da divisão de saúde animal da Bayer Aktiengesellschaft (BAH).

NOVO MINISTRO

Militar recebe cargo no Ministério da Saúde cobiçado pelo Centrão

O coronel Luiz Otávio Franco Duarte, nome levado pelo ministro interino Eduardo Pazuello, foi nomeado nesta quarta-feira, 27, para comandar a secretaria.

Quinta-feira, às 12h

Imposto de Renda 2020: As respostas estão aqui

A Julia Wiltgen estará ao vivo nesta quinta-feira (28), às 12h, com o tributarista Samir Choaib, da Choaib, Paiva e Justo Advogados Associados, para responder às perguntas dos leitores no canal do Seu Dinheiro no Youtube.

IMPASSE

TCU pode suspender contratação de militares da reserva para reduzir filas do INSS

A contratação dos militares é considerada um ponto central da estratégia do governo Bolsonaro, mas enfrenta resistências de diversos setores da sociedade civil, do Judiciário e mesmo dentro do TCU, que veem com preocupação o aumento da presença de militares em funções destinadas a servidores civis.

INVESTIGAÇÃO

Aras tende a vetar pedido por celulares de Bolsonaro e Carlos

Na avaliação de Augusto Aras, não cabe a terceiros pedir a abertura de inquéritos ou medidas de investigação no caso.

EFEITO CORONAVÍRUS

Compras com cartões desaceleram ritmo e crescem 14,1% no 1º tri, diz Abecs

Trata-se do menor crescimento desde 2007, conforme a entidade.

DESACELERAÇÃO DO CONSUMO

Queda na Confiança das Famílias é a mais intensa da série histórica, diz CNC

O índice caiu para 81,7 pontos na pesquisa de maio, contra 95,6 pontos em abril, registrando queda mensal de 13,1% e anual de 13,7%.

volta gradual

Doria anuncia retomada gradual da economia em SP no dia 1º de junho

Segundo o governador, medida não é um relaxamento, mas um ajuste levando em conta as particularidades regionais do Estado

ENERGIA

Aneel tenta reduzir reajustes tarifários para ex-distribuidoras da Eletrobras

Segundo a Aneel, a última vez que essas distribuidoras passaram por revisão tarifária foi em 2013.

VALIDADE PRORROGADA

Congresso prorroga por 60 dias prazo de vigência de quatro MPS

O Congresso Nacional prorrogou o prazo de validade de quatro medidas provisórias por mais 60 dias. Os atos estão publicados no Diário Oficial da União desta quarta-feira, 27. Uma das MPs que teve vigência prorrogada é a MP 930, que dispõe sobre o tratamento tributário incidente sobre a variação cambial do valor de investimentos realizados […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu