Menu
2019-10-14T14:38:48-03:00
no documento

Vários dirigentes se opuseram à retomada do QE, mostra ata

No mês passado, BCE adotou um pacote de estímulos que incluía a restauração do QE, com a compra de 20 bilhões de euros em ativos mensalmente

10 de outubro de 2019
10:24 - atualizado às 14:38
europa zona do euro banco central europeu
Imagem: Shutterstock

Os dirigentes do Banco Central Europeu (BCE) mostraram divergências quanto à necessidade de a instituição retomar seu programa de relaxamento quantitativo na reunião de política monetária de 12 de setembro.

A ata do encontro, publicada nesta quinta-feira, aponta que "vários dirigentes" do BCE consideraram que as justificativas para retomar o QE não eram "suficientemente fortes", por se tratar de um instrumento "menos eficiente" que deveria ser utilizado apenas em "último caso".

No mês passado, o BCE adotou um amplo pacote de novos estímulos monetários, incluindo a restauração do QE, através do qual a instituição comprará 20 bilhões de euros em ativos mensalmente por tempo indeterminado.

Durante a reunião, foi argumentado que manter o QE pelo tempo que for necessário poderá forçar o BCE a ampliar o montante mensal de compras de ativos devido ao possível aumento da demanda, mostra a ata.

O documento também relata que "poucos dirigentes" do BCE defenderam um corte mais agressivo na taxa de depósitos, de 20 pontos-base, como parte de um pacote que excluiria o QE. Na ocasião, o BCE decidiu reduzir a taxa de depósitos em 10 pontos-base, a -0,50%, implementando seu primeiro corte de juros desde março de 2016.

Além disso, vários dirigentes argumentaram que as últimas projeções macroeconômicas do BCE "ainda eram muito otimistas", apesar de já terem sido revisadas para baixo, "em função das incertezas prevalecentes", diz a ata.

A próxima reunião do BCE, ainda com Mario Draghi como presidente da instituição, será no dia 24 de outubro. Em 1º de novembro, a ex-diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI) Christine Lagarde irá suceder Draghi no comando do BCE.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

ranking da forbes

Varejo invade lista de mais ricos do Brasil; saiba mais sobre os bilionários

Luiza Trajano, Ilson Mateus e Luciano Hang chegam entre os 10 mais ricos do país, em um ano marcado por mudanças no setor varejista, alta das ações e IPOs

Seu Mentor de Investimentos

Como proteger seus investimentos diante do risco de sanções comerciais por causa das queimadas

País tornou-se um pária no mundo por conta do que acontece no Pantanal e na Amazônia, diz colunista Ivan Sant’Anna; ele aponta uma série de tipos de ativos que podem estar imunes a uma eventual protesto da comunidade internacional

caso de fevereiro

Guedes ‘excedeu barbaramente’ limites ao comparar servidor a parasita, diz juíza

Cláudia da Costa Tourinho Scarpa, da 4ª Vara Federal Cível da Bahia, afirmou que o ministro da Economia ‘insultou’ os servidores públicos

em recuperação judicial

Justiça dos EUA libera empréstimo de US$ 2,4 bi da Latam

Nova proposta retirou cláusula questionada por minoritários

o melhor do seu dinheiro

Briga de bilionários e a maior besteira da minha vida

Texto mais lido da semana foi sobre uma troca de farpas virtual entre Elon Musk e Bill Gates. O motivo da discórdia? A viabilidade de veículos elétricos para longas distâncias

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements