Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-11-18T19:04:17-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
RECOMENDOU COMPRA

Méliuz (CASH3) avança mais de 10% e lidera altas do Ibovespa hoje; BofA estima que os papéis ainda podem subir mais 79%

Considerando o cenário macroeconômico mais desafiador, o banco de investimentos cortou o preço-alvo das ações, mas o potencial de alta continua elevado

18 de novembro de 2021
14:38 - atualizado às 19:04
Celular com logo da Méliuz na tela branca
Os analistas afirmam que o valuation atual da Méliuz, estimado em 5x EV/Vendas para 2022, é um “ponto de entrada atraente” para os investidores. Imagem: Shutterstock

O prejuízo de R$ 2,9 milhões registrado pela Méliuz (CASH3) no terceiro trimestre, revertendo o lucro de R$ 4,7 milhões reportado há um ano, não azedou o apetite pelas ações da companhia nesta quinta-feira (18).

Os papéis da companhia de cupons de desconto e cashback lideraram a ponta positiva do Ibovespa com alta de 10,22%, a R$ 4,10.

E o bom desempenho das ações — os papéis já acumulam alta de mais de 12% neste mês — não é o único motivo que a empresa tem para celebrar hoje. Acompanhando de perto os últimos movimentos da Méliuz, o Bank of America elevou de neutro para compra a recomendação para CASH3.

Mas, considerando o cenário macroeconômico mais desafiador, o banco de investimentos cortou o preço-alvo dos ativos de R$ 9,00 para R$ 7,20. Ainda assim, o novo potencial de alta continua elevado: de 79,55% em relação à cotação atual.

“Vemos a Méliuz mais forte hoje, com um histórico de execução rápido, mas forte, junto com M&A e mais talento adicionado à equipe”, escrevem os analistas Fred Mendes e Mirela Oliveira em relatório divulgado mais cedo.  

Ponto de entrada atrativo

Os analistas afirmam que o valuation atual da Méliuz, estimado em 5x EV/Vendas para 2022, é um “ponto de entrada atraente” para os investidores.

O múltiplo, que relaciona o valor das empresas e seu faturamento com vendas, indica se as companhias estão “baratas” ou não em relação a seu valor intrínseco.

Para efeitos de comparação, o relatório destaca que, à época de seu IPO (Oferta Pública Inicial de ações, da sigla em inglês), em novembro do ano passado, o valuation inicial projetado para a Méliuz era similar ao atual, de cerca de 6X EV/Vendas.

Espírito empreendedor agrada

Além dos múltiplos atrativos da companhia, os analistas indicam ainda que o forte histórico de execução da empresa também sustenta a tese de investimento: “a Méliuz passou de 140 funcionários em seu IPO para 800 em 21 de setembro e cerca de 400 ex-fusões e aquisições”.

O espírito empreendedor da companhia, que deve lançar seu próprio cartão em janeiro do próximo ano, também é bem-visto pelo banco de investimentos. “Embora precise de alguns meses de testes, achamos que [o cartão] pode ser um divisor de águas”. 

Os analistas esperam que a iniciativa impulsione os números do próximo ano e abra caminho para o lançamento de novos produtos.

Destaques do balanço

Apesar da visão otimista do BofA, os bons fundamentos da Méliuz ainda não se refletem no resultado financeiro.

Além do prejuízo consolidado, o Ebitda (Lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, da sigla em inglês) operacional da empresa ficou negativo em R$ 9,3 milhões no terceiro trimestre.

Em nota, a companhia diz que o número é “majoritariamente explicado pelo aumento das despesas na linha de pessoal, o que está em linha com a nossa estratégia”.

A receita líquida, por outro lado, saltou 129% na comparação anual e chegou a R$ 58,7 milhões no período, com a maior parte, ou R$ 51 milhões, vinda das operações no Brasil.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

BC aumenta a Selic, Nubank conclui IPO e mercado reage bem à PEC dos precatórios; veja o que marcou esta quarta-feira

Conforme esperado pelos economistas após dados recentes mais fracos da atividade econômica brasileira, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a taxa básica de juros em 1,5 ponto percentual, a 9,25% ao ano, em sua última reunião do ano. Se em muitos momentos ao longo de 2021 o mercado acionário reagiu ao […]

2022 MAIS GORDO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) engrossa a lista de pagamentos milionários aos acionistas; não fique fora dessa

Data da remuneração ainda não foi definida pela empresa, mas valerá para aqueles com posição até 30 de dezembro deste ano

FECHAMENTO DO DIA

Investidores tentam equilibrar noticiário e Ibovespa emplaca mais um dia de alta; dólar tem queda firme com ômicron no radar

Com o avanço da PEC dos precatórios, a pandemia se torna um dos únicos gatilhos negativos a rondar o Ibovespa

DOBRANDO A ESQUINA

Lucro das empresas com ações na bolsa deve cair 6,3% em 2022, diz BTG Pactual

Mesmo assim ainda é possível encontrar setores em que o cenário é positivo; saiba quem é quem

Bateu o martelo

IPO do Nubank sai no topo da faixa indicativa, a US$ 9 por ação; banco ultrapassa Itaú (ITUB4) e é a instituição financeira mais valiosa da América Latina

Com isso, os BDRs, que serão negociados por aqui a partir da próxima quinta-feira (09), saem valendo R$ 8,38

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies