💸 Você pode receber R$ 120 para investir; veja como solicitar o depósito aqui

Cotações por TradingView
2021-03-29T09:46:38-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
preocupação

Ações de bancos globais caem em meio a problemas de fundo de investimento dos EUA

Credit Suisse e Nomura registram as maiores baixas após alertarem para possíveis grandes perdas causadas pelo Archegos Capital Management

29 de março de 2021
9:46
queda
Imagem: Shutterstock

As ações dos principais bancos globais registram queda nesta segunda-feira (29), após alguns deles alertarem para possíveis grandes perdas causadas por um cliente dos Estados Unidos que não conseguiu cumprir com suas obrigações.

Nenhum dos bancos identificou o cliente, mas a revelação de que provavelmente se trata do Archegos Capital Management veio após papéis dos grupos de mídia americanos ViacomCBS e Discovery e do grupo de entretenimento chinês IQIYI amargarem perdas acentuadas na sexta-feira (26), em reação a vendas de US$ 35 bilhões em blocos de ações por este fundo de investimento, deflagradas por uma chamada de margem pelo Goldman Sachs, segundo revelou o jornal "The Wall Street Journal".

Chamada de margem ocorre quando a bolsa ou uma corretora verifica que um cliente pode não cumprir com as obrigações de uma operação que ele iniciou. Nesse caso, ele precisa apresentar uma garantia adicional, seja em dinheiro, ativos ou valores mobiliários, para garantir o cumprimento da operação.

Por volta das 9h46 (de Brasília), a ação do Credit Suisse tinha queda de mais de 14% na Bolsa de Zurique, após o banco suíço dizer em comunicado que um fundo de hedge dos Estados Unidos falhou no pagamento de chamadas de margem feitas na semana passada pela instituição e outros bancos.

O papel da Nomura sofreu impacto ainda maior, fechando em baixa de mais de 16% na Bolsa de Tóquio, após dizer que tem cerca de US$ 2 bilhões a recuperar de um cliente dos Estados Unidos.

Nesta manhã, os alertas do Credit e da Nomura pressionam as ações de grandes bancos europeus, assim como os papéis de bancos dos EUA negociados no pré-mercado de Nova York.

O Deutsche Bank registra queda de mais de 3% em Frankfurt, após o "The Wall Street Journal" informar que ele também desfez negociações da Archegos. O UBS caía mais de 3% em Zurique.

No pré-mercado dos Estados Unidos, o Goldman Sachs registra baixa de 2,38%, enquanto o Morgan Stanley, que também teria saído de posições ligadas ao fundo na sexta-feira, recuava 4,78%.

* Com informações da Estadão Conteúdo, Dow Jones Newswires e MarketWatch

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

EM BLOCO

Fundo de Pedro Moreira Salles se une a gestoras renomadas em acordo de acionistas na Eneva (ENEV3)

7 de dezembro de 2022 - 9:21

O novo bloco, formado por Cambuhy, Atmos, Dynamo e Velt, detém 35,7% do capital da Eneva e fica à frente do BTG Capital, maior acionista da empresa de energia

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Day trade na B3: Oportunidade de lucro acima de 7% com ações do Itaú Unibanco (ITUB4); veja a recomendação

7 de dezembro de 2022 - 8:29

Após o fechamento do último pregão, identifiquei uma oportunidade de compra dos papéis de Itaú Unibanco (ITUB4)

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Propostas para a pausa na Copa do Mundo: PEC da Transição, orçamento secreto, Copom e mais notícias para você

7 de dezembro de 2022 - 8:17

Com pausa na Copa do Mundo, a vida real traz agenda cheia para os mercados financeiros, com PEC da Transição, orçamento secreto, Copom e mais

FII DO MÊS

Fundos imobiliários que lucram com a Selic alta são os mais recomendados para dezembro; veja as escolhas de 11 corretoras para o final do ano

7 de dezembro de 2022 - 7:03

Vale relembrar que o Copom decide a trajetória da Selic hoje; a expectativa é que a taxa básica brasileira seja mantida em 13,75% ao ano

MERCADOS AGORA

Bolsa agora: Ibovespa abre em queda com maior cautela do exterior e commodities; dólar cai

7 de dezembro de 2022 - 7:02

RESUMO DO DIA: As bolsas internacionais reagem aos mais recentes dados de exportação da China, que registraram queda de 8,7% em novembro. As atenções também se voltam à Zona do Euro, com a divulgação do PIB trimestral. No cenário doméstico, os investidores repercutem a aprovação da PEC da Transição na CCJ do Senado e acompanham […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies