O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-04T19:01:54-03:00
Carolina Gama
PANE NAS MAQUININHAS

Desafio pela frente? UBS BB rebaixa recomendação de Stone e PagSeguro para neutra e vê pouco potencial de alta nas ações

Competitividade acirrada no setor de meio de pagamentos e taxas crescentes, somadas às despesas administrativas mais altas, pesam sobre as empresas

4 de janeiro de 2022
16:32 - atualizado às 19:01
Maquininhas de pagamento em meio a um cenário de guerra, com explosões e fumaça
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock / Divulgação

Stone e PagSeguro devem encarar um 2022 desafiador, segundo o UBS BB, que rebaixou a recomendação dos papéis de ambas as empresas de compra para neutra

A decisão ocorre após um ano bastante duro para as companhias em Wall Street: as ações da Stone (STNE) desabaram 80% ao longo de 2021, enquanto as do PagSeguro (PAGS) recuaram 54%. A revisão do UBS BB, assim, vem com uma certa dose de atraso.

No caso da Stone, o banco também cortou o preço-alvo em 55%, passando de US$ 47 para US$ 21 - um potencial de alta de apenas 9% em relação ao fechamento da última segunda (3), de US$ 19,32. 

Para o PagSeguro, o preço-alvo foi de US$ 50 para US$ 30, o que representa uma alta implícita de somente 4,89% ante o encerramento de ontem.

Independente do timing, a visão menos otimista do UBS BB provocou estrago nos papéis de ambas as companhias: tanto Stone (STNE) quanto PagSeguro (PAGS) tombaram mais de 10% nesta quarta (4) — na B3, os BDRs das duas empresas também caíram forte.

As dificuldades de 2021 no caminho da Stone

O UBS BB afirma que a Stone tem alguns pontos nos quais precisa se concentrar, como a busca pela recuperação do negócio de crédito - que poderia impulsionar a confiança do mercado na gestão da empresa - e o aumento de preços para compensar, ainda que parcialmente, os maiores custos de captação em um ambiente de concorrência acirrada. 

O relatório, que também reforça a necessidade de mais investimentos em hubs e na integração com a Linx, é divulgado no mesmo momento em que as ações da Stone têm forte queda. 

Somente em 2021, as ações da Stone amargaram perdas de cerca de 80% em Wall Street. A empresa de pagamentos enfrentou uma série de balanços decepcionantes que contribuíram para erodir a confiança de muitos analistas em relação ao futuro da empresa e ao desempenho de suas ações.

A alta nos juros, a competitividade acirrada no setor de meio de pagamentos e os desafios operacionais no lado do crédito provocaram uma série de revisões para baixo nas recomendações e preços-alvo.

PagSeguro pode voltar a se positiva

No caso do PagSeguro, a recomendação neutra representa o ambiente com combinação de taxas crescentes, despesas administrativas mais altas, abordagem cautelosa no negócio de empréstimos e um limite potencial na taxa de intercâmbio de cartões pré-pagos.

“Continuamos gostando do modelo de negócios do PagSeguro com seu ecossistema digital completo”, diz o relatório.

O UBS BB alerta, no entanto, que para se tornar mais positivo com a PAGS novamente, a empresa deve ser capaz de aumentar o envolvimento do PagBank, gerando receitas acima das atualmente esperadas. 

Além disso, o PagSeguro precisa ajustar as taxas e preços de pré-pagamento, sem impactar materialmente a taxa de usuários que deixam de consumir seus produtos; e gerar alavancagem operacional melhor do que o esperado”, ainda de acordo com o banco. 

Pontos positivos do PagSeguro

Segundo o UBS BB, a menor taxa de desconto é o principal fator na escolha do PagSeguro, ao mesmo tempo que possui bom nível de penetração de contas digitais.

A última pesquisa do UBS Evidence Lab com 477 comerciantes brasileiros mostrou que a PAGS permanece bem posicionada para expandir ainda mais a participação no mercado de adquirência, enquanto poderia aumentar a monetização com produtos bancários seguindo a estratégia de expansão em empresas de pequeno e médio porte.

Veja também - Ações dos EUA ou do Brasil? Veja qual é a estratégia para quem quer lucrar em 2022

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies