Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-23T09:08:06-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Analistas respondem

Marcopolo (POMO4) perdeu metade do valor desde o início da pandemia, mas está pronta para a retomada. Hora de comprar a ação?

A queda das ações trouxe uma oportunidade para que os investidores comprem os papéis, mas analistas ainda alertam para os riscos da retomada

20 de setembro de 2021
15:55 - atualizado às 9:08
ônibus da marcopolo
A Marcopolo é líder entre as fabricantes de ônibus no Brasil e também exporta a produção para 140 países. - Imagem: Shutterstock

Já dizia o ditado, com uma pequena adaptação ao universo financeiro: quanto maior a importância no mercado, maior a queda. E, no caso da Marcopolo (POMO4), líder entre as fabricantes de ônibus no Brasil, o impacto da pandemia de covid-19 foi sentido diretamente nas vendas dos veículos e nas ações da empresa.

Em fevereiro de 2020, por exemplo, antes do início das restrições de mobilidade, os papéis eram negociados próximos aos R$ 5. Atualmente, os ativos estacionaram na casa dos R$ 2,50, uma queda de cerca de 50%.

Um resumo do impacto da covid nos negócios da companhia foi feito pelo próprio CEO da Marcopolo, James Bellini, em entrevista no ano passado ao Seu Dinheiro. “É óbvio que um setor que trata basicamente de transportar pessoas aglomeradas tinha que sofrer muito mesmo.”

Apesar do baque da pandemia, a multinacional brasileira mantém seu prestígio: é reconhecida internacionalmente pela qualidade dos ônibus produzidos e, além de possuir 54,1% de participação no mercado brasileiro, também exporta para 140 países.

Além disso, na visão dos analistas do Bank of America, o time de gestão da Marcopolo realizou um “trabalho sólido” durante a crise baseado em três pilares:

  • ajuste rápido da estrutura de custos;
  • lançamento de novos produtos;
  • e venda de operações não lucrativas. 

“Vemos a Marcopolo caminhando na direção certa”, declararam em relatório divulgado nesta segunda-feira (20). Nesse contexto, a queda das ações trouxe uma oportunidade para que os investidores comprem as ações de uma empresa pronta para se reerguer, certo?

VEJA TAMBÉM: Vale (VALE3) está BARATA? Ação tem espaço para pagar mais DIVIDENDOS | Entenda

Comprar POMO4 ou não?

Para o BofA, não é bem assim que funciona o futuro. Apesar dos elogios à gestão, o banco destaca que “ventos contrários” ainda devem balançar o setor e impedem uma visão mais otimista para os papéis.

Por isso, o banco de investimentos manteve a recomendação underperform (equivalente a venda) para os papéis POMO4. Antes de continuar, um convite: apresentamos no nosso Instagram 5 razões para o Ibovespa amargar quedas ao longo dos últimos meses.

Confira abaixo e aproveite para nos seguir no Instagram (basta clicar aqui). Lá entregamos aos leitores análises de investimentos, notícias relevantes para o seu patrimônio, oportunidades de compra na bolsa, insights sobre carreira, empreendedorismo e muito mais.

Voltando à Marcopolo, os analistas cortaram o preço-alvo da ação de R$ 4,40 para R$ 3,00, limitando ainda mais a perspectiva de ganho dos ativos. No pregão de hoje, POMO4 fechou em queda de 3,33%, cotada a R$ 2,61.

A Marcopolo é o case de investimentos mais afetado pela pandemia entre as companhias do setor de bens de capital cobertas pelo banco. “Ao contrário da indústria de caminhões ou de veículos de passeio, o setor de ônibus ainda sofre com restrições de mobilidade, demanda mais fraca do turismo e transporte público”, escreveram os analistas, em relatório.

Como resultado, o indicador de vendas, no acumulado anual, ainda está 45% menor do que os níveis registrados em 2019. Somado a isso, a mudança no mix de receitas da empresa, problemas na cadeia de abastecimento e pressões sobre os preços dos materiais justificam a recomendação do BofA.

Oportunidade de compra

Apesar do momento ainda complicado, os analistas da Empiricus enxergam um cenário totalmente oposto para os papéis da Marcopolo. Para Max Bohm e Cristiane Fensterseifer, a queda no preço representa uma oportunidade de compra porque a ação tem tudo para se valorizar no médio para longo prazo.

Com o avanço da vacinação e da reabertura econômica, no Brasil e no exterior, Bohm aposta em um potencial de alta de cerca de 92% nos próximos 12 meses. 

Fensterseifer concorda: “Se até o final do ano boa parte da população estiver vacinada, é bem possível que a empresa melhore seus resultados. A estimativa é de que, no longo prazo, ela apresente uma margem Ebitda [lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização] de 12%, o que já aconteceu em seus melhores momentos”, afirma em material exclusivo para o Seu Dinheiro.

Veja abaixo por que a Marcopolo (POMO4) é a ação que tem tudo para subir com o pós-pandemia e inscreva-se no canal do Seu Dinheiro no YouTube para mais conteúdos exclusivos sobre investimentos:

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Domando o dragão

Campos Neto volta dizer que BC fará o que for preciso para trazer inflação para a meta em 2022

O presidente do Banco Central acredita que a escalada dos preços já atingiu seu ponto máximo no mês passado; agora a tendência é convergir.

Fiscalização em alta

Empresas ligadas à quinta maior criptomoeda do mundo são multadas por comissão nos Estados Unidos

As empresas irmãs são acusadas de fazerem “declarações falsas ou enganosas” e de “omitirem fatos relevantes” para o mercado sobre a stablecoin tether

AO VIVO

O que muda com a compra da Mosaico (MOSI3) pelo Banco Pan (BPAN4)? CEO do banco e fundador da empresa de tecnologia respondem em live com Felipe Miranda

Para entender o racional da negociação, o sócio-fundador e CIO da Empiricus conversa hoje (15) com Carlos Eduardo Pereira Guimarães e Guilherme Pacheco

Efeito dominó

Mais uma incorporadora chinesa deixa de pagar seus credores; China rompe o silêncio sobre a crise no setor imobiliário

A China Properties Group informou que não fez o pagamento de US$ 226 milhões referentes a uma emissão de notas seniores que vencia hoje

Exile on Wall Street

Dia do professor: cinco lições sobre fundos de investimento para o primeiro dia de aula

Dos brinquedos à maçã (virtual), comemora-se nesta semana as datas dos dois agentes de mudanças mais importantes de uma sociedade. Crianças têm, claro, suas aptidões naturais por exatas, humanas, ciências biológicas e artes em todas as suas formas de expressão. Mas são os professores que catalisam e alavancam esse interesse pelo conhecimento, ensinam a pensar […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies