Menu
2020-05-01T08:22:52-03:00
Estadão Conteúdo
auxílio emergencial

Onyx diz que filas da Caixa ocorrem por causa da ‘natureza’ dos brasileiros

Benefício contempla milhões de pessoas consideradas “invisíveis”, que, em diversos casos, não possuem registro civil e acesso à internet

1 de maio de 2020
8:22
onyx-lorenzoni
Onyx Lorenzoni - Imagem: Antonio Cruz/Agência Brasil

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, afirmou que as filas em agências da Caixa para recebimento do auxílio emergencial de R$ 600 a informais ocorrem em razão da "natureza" e "cultura" dos brasileiros, que têm dificuldade para acessar o aplicativo criado pelo governo.

Segundo ele, as aglomerações devem continuar a ocorrer nas agências até o final do programa, previsto até julho. O benefício contempla milhões de pessoas consideradas "invisíveis", que, em diversos casos, não possuem registro civil e acesso à internet.

"Tem uma parcela da população que não usa o aplicativo, quer dizer, não usa o sistema digital... Ela precisa ir na Caixa, ver o dinheiro, pegar o dinheiro, é uma tradição de algumas pessoas, particularmente as de mais idade", disse Onyx.

Onyx admitiu que esta é uma dificuldade do governo. "Acredito que algum grau de fila nas agências da Caixa vai ter até o final do programa porque é da natureza nossa, da própria cultura."

Ainda de acordo com o ministro, o governo já analisou até o momento o cadastro de cerca de 95 milhões de pessoas que pedem o auxílio emergencial. Dessas, 45 milhões já receberam a primeira parcela do auxílio e 5 milhões devem receber ainda nesta semana.

Outras 13,6 milhões terão que refazer o cadastro por algum tipo de inconsistência no registro. Há ainda, 32,8 milhões que foram consideradas inelegíveis.

Com os cadastros feitos até o momento, o custo do programa é calculado em cerca de R$ 120 bilhões. Segundo Onyx, no entanto, a expectativa é que outros "invisíveis" sejam identificados, o que pode aumentar o valor.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Caixa vai seguir adiante com venda de ações ordinárias do Banco Pan

Banco Pan protocola pedido de registro de oferta pública de distribuição secundária das ações detidas pela CaixaPar

debandada

Mais um conselheiro pede para deixar a Petrobras

Leonardo Antonelli é o quinto membro do colegiado a solicitar para que não seja reconduzido como indicado pela União, acionista controlador da empresa

libera o auxílio emergencial

Senado aprova texto-base da PEC Emergencial em 1º turno

Votação foi destravada após o governo ceder e o relator retirar o fim da obrigatoriedade de gastos mínimos com saúde e educação

Comprar ou vender, eis a questão

Brasil vira mercado “inoperável” com “risco Bolsonaro” e ameaças ao teto de gastos, dizem gestores de fundos

O cenário piorou com a intervenção nas estatais e o risco fiscal, mas nos patamares atuais fica muito arriscado apostar contra o país, segundo gestores de fundos

O melhor do seu dinheiro

Alguém chame os bombeiros

Hoje tivemos mais um dia de grande volatilidade nos mercados brasileiros, que entraram em parafuso com o temor de que o teto de gastos poderia vir a ser furado. Os investidores aguardam com grande ansiedade a votação da PEC Emergencial, aquela que permitirá o retorno do auxílio emergencial. E rumores de que ela seria desidratada […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies