Menu
2020-01-09T10:16:12-03:00
mudanças

Guedes escolhe Esteves Colnago para chefiar assessoria de relação com o Congresso

Colnago assume a nova tarefa no lugar de Caio Megale, que foi exonerado dessa função e ocupará uma diretoria de programa na Secretaria Especial de Fazenda.

9 de janeiro de 2020
10:15 - atualizado às 10:16
O ministro da Economia do Brasil, Paulo Guedes, concede entrevista coletiva.
Imagem: Tânia Rêgo/Agência Brasil

O Ministério da Economia publicou no Diário Oficial da União (DOU) mudanças em algumas cadeiras da pasta. Agora, Esteves Colnago atuará diretamente com o ministro Paulo Guedes no cargo de chefe da Assessoria Especial de Relações Institucionais, que, dentre as atribuições, mantém contato e negociações com parlamentares.

Colnago assume a nova tarefa no lugar de Caio Megale, que foi exonerado dessa função a partir desta quinta-feira, 9, e ocupará uma diretoria de programa na Secretaria Especial de Fazenda.

Para o cargo anterior de Colnago, de secretário adjunto da Secretaria Especial de Fazenda, foi nomeado Jeferson Luis Bittencourt. Ele era diretor de programa na mesma secretaria e agora será o adjunto do secretário especial Waldery Rodrigues.

No fim de novembro, o jornal O Estado de S. Paulo informou que, depois de um ano de governo, o ministro Paulo Guedes iria mesmo promover uma troca em cargos da pasta após uma avaliação do desempenho da equipe e das metas traçadas ainda na transição. Guedes avisara que faria essa avaliação e poderia fazer um "giro" de alguns integrantes do grupo, de forma a "oxigenar" determinadas áreas do Ministério.

Uma mudança que já estava acertada na ocasião era transferência de Colnago para o gabinete de Guedes. Colnago vai reforçar o time da articulação com o Congresso. Ex-ministro do Planejamento de Michel Temer, Colnago trabalhou na elaboração das medidas de governança fiscal enviadas ao Legislativo e ganhou a confiança de Guedes.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

ARMADILHAS FINANCEIRAS

Dois investimentos que parecem uma boa, mas são ‘cilada’

As armadilhas costumam travestir-se de “grandes retornos, com baixo risco”.

Coronavírus

Brasil atinge 100 mil mortos por covid-19; STF decreta luto de 3 dias

Enquanto isso, Bolsonaro destaca 2 milhões de recuperados

Balanço

Lucro da Berkshire Hathaway, de Warren Buffett, sobe 87% no 2º trimestre

Recuperação do mercado de ações teve bons reflexos no balanço da companhia do megainvestidor Warren Buffett, mas no ano a empresa ainda amarga prejuízo

Às vésperas do orçamento

Ministros pedem mais recursos a Guedes

Sob pressão interna para ampliar os gastos como forma de combater os efeitos econômicos da covid-19, o ministro da Economia, Paulo Guedes, precisa entregar o Orçamento do ano que vem até o dia 31 deste mês

Entrevista

Meirelles: ‘A raiz da pressão por aumento de gastos é sempre a mesma, eleição’

Em entrevista ao Estadão, Henrique Meirelles lembra que o País tem pouca memória e que quebrar o teto levaria a uma crise muito maior do que a de 2015

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements