Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-07T13:13:12-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
De olho em Brasília

Mourão diz que ‘plataforma liberal não está derrotada’ e será retomada após pandemia

Para vice-presidente, governo foi obrigado a adotar medidas extraordinárias; ele ainda criticou a decisão do STF de barrar a posse de Ramagem e comentou a saída de Moro

7 de maio de 2020
12:23 - atualizado às 13:13
hamilton-mourao
Hamilton Mourão - Imagem: Shutterstock

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão disse que a "plataforma liberal não está derrotada" e será retomada após a pandemia do novo coronavírus.

"Nosso governo foi eleito na busca de zerar o déficit fiscal em quatro anos e atacar a questão da baixa produtividade. Mas, com a pandemia tudo mudou, o governo está sendo obrigado a reagir fora da plataforma liberal (pregada pelo ministro da Economia, Paulo Guedes)", disse, em live com o presidente do Instituto Brasil 200, Gabriel Kanner.

Mourão disse que o que falta no País é cada um saber o "tamanho da sua cadeira". A afirmação foi uma resposta à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de barrar a posse do diretor-geral da Polícia Federal Alexandre Ramagem.

Para ele, a decisão do ministro Alexandre de Moraes do STF foi tomada com base na presunção de que ele é próximo da família Bolsonaro. "A Constituição é clara e coloca que os Poderes são independentes e harmônicos."

Moro

Ao falar do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública Sergio Moro, o vice-presidente teceu elogios ao ex-juiz condutor da Lava Jato. Mencionou a "aura" de competência que pairava sobre ele.

"Não resta dúvida de que no imaginário da população, o trabalho do então juiz Moro foi digno". E continuou: "quando juiz, ele não tinha que responder a um comandante supremo. No Ministério, é preciso responder ao presidente da República."

Mourão argumentou que houve um momento em que essa relação de o ministro ser subordinado ao mandatário não ocorreu, e a saída de Moro se concretizou.

"Sua saída pode ter sido um problema pelo que ele representa para a sociedade brasileira. Mas creio que discussões no seio do governo devem continuar ali", criticou.

Para Mourão, o ex-titular da Justiça não deveria ter levado a público as conversas com o mandatário. "Quando expõe diálogos internos do governo, isso não é bom."

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Alívio no Orçamento

Com receita acima do esperado, Economia reduz estimativa de rombo nas contas públicas em 2022

Considerando todo o setor público, o que inclui Estados e Municípios, as novas projeções da pasta preveem até mesmo um saldo positivo

Bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin (BTC) corre atrás do prejuízo e avança mais de 4% hoje; ethereum (ETH) recupera perdas da semana

As criptomoedas correm atrás do prejuízo e tentam recuperar parte da queda brusca registradas no último sábado

CRIPTO INSTITUCIONAL

Real digital vem aí! Banco Central prepara versão virtual da moeda brasileira para 2022

A instituição lançou um laboratório para estudar as possibilidades de uso e de execução de projetos com a versão virtual da moeda brasileira

Clube do Livro

Para ter sucesso nos investimentos, é preciso fugir das armadilhas da mente – É o que mostra o livro “A arte de pensar claramente”, de Rolf Dobelli

Compreender como o nosso cérebro funciona no processo de tomada de decisões é essencial para ter mais assertividade na vida financeira e nos investimentos.

Trilhas de Carreira

O que os cursos sobre liderança profissional não contam para você

Já vi e participei de muitas capacitações, mas poucas me transformaram genuinamente. Isso me faz refletir bastante sobre a essência dos líderes, e observo que há um padrão bem recorrente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies