Menu
2020-09-09T20:45:05-03:00
Estadão Conteúdo
presidente faz gestos

Bolsonaro diz que STF é ‘santuário’ da Justiça: ‘Deus me ilumine ao indicar ministro’

Ele também afirmou que o sucessor do ministro Dias Toffoli, Luiz Fux, poderá contar com o apoio do governo federal

9 de setembro de 2020
20:45
Jair Bolsonaro
Imagem: Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro fez uma série de gestos de aproximação ao Supremo Tribunal Federal durante a sessão de despedida do ministro Dias Toffoli da presidência da Corte, no final da tarde desta quarta-feira (9). Após chegar de surpresa, Bolsonaro sentou ao lado de Toffoli e destacou a importância de ter ouvido conselhos sobre a harmonia, o diálogo e o entendimento em momentos difíceis. Ele também afirmou que o sucessor de Toffoli, Luiz Fux, poderá contar com o apoio do governo federal.

Bolsonaro também relembrou que, em breve, será o responsável por escolher um novo ministro para compor o Supremo, começando com a aposentadoria de Celso de Mello. "Cheguei aqui pelo voto e os senhores chegaram pela indicação de um Presidente da República. Peço a Deus que me ilumine quando a oportunidade se fizer presente, pela idade, de indicar alguém que possa cooperar com esta casa, com as suas responsabilidades. Porque aqui, muitas vezes, não apenas no Executivo, está em jogo a felicidade de um povo e o destino de uma nação", disse o presidente.

No início de sua fala, Bolsonaro também afirmou estar "emocionado" pela honra de sentar ao lado de Toffoli e disse que o plenário do STF, é "o verdadeiro santuário para a Justiça brasileira". "Até mesmo a bíblia nos diz como é difícil a missão de julgar, que Deus ilumine cada um dos senhores e das senhoras."

Ao falar sobre a relação com Toffoli, Bolsonaro contou que os dois se conhecem há 20 anos, quando um ainda era deputado federal e o outro "um honrado advogado". "Dizer que a harmonia, o diálogo, o entendimento em momentos difíceis, apesar de (tu) seres (Toffoli) bem mais novo do que eu, isso foi muito importante para o destino do nosso Brasil. Dizer-lhe quando em muitos momentos o chefe do Executivo procurou o Supremo, por muitas vezes, em decisões monocráticas, Vossa Excelência muito bem nos recebeu, e muitas vezes nos surpreendeu com a capacidade de se antecipar a problemas", elogiou.

Em seguida, Bolsonaro afirmou que espera contar com Fux da mesma forma. "Dizer ao prezado ministro Fux, ao qual tive a honra de receber o teu convite (para a posse) há poucos dias e, se Deus quiser, estarei aqui amanhã, torcendo e levando em minhas orações que Vossa Excelência conduza essa Casa da mesma forma que os teus antecessores. Tenho certeza disso", disse.

"Pode contar com o apoio do governo federal, se precisar de nós estamos à disposição. Assim como V. Excelência falou que o que eu precisar do STF, assim como tive com Dias Toffoli, terei também com Vossa Excelência", emendou o presidente.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

EXILE ON WALL STREET

TINWO: carta a um jovem investidor

Investimento tem seu próprio momento de maturação; para amadurecê-lo, não há como apressar sua seiva

K-POP NA BOLSA

Agência de K-pop Big Hit faz oferta de ações na bolsa e deixa membros do BTS multimilionários

A companhia, que captou mais de US$ 820 milhões e fará a sua estreia no índice KOSPI em outubro, pretende pegar carona na popularidade crescente de suas estrelas

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta segunda-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Um outro olhar

Ibovespa abre em alta e dólar cai acompanhando otimismo com perspectiva de acordo nos EUA

Posicionamento do BC chinês e expectativa em torno acordo entre democratas e republicanos sobre estímulo nos EUA sustentam bom humor dos investidores

INVESTINDO

Petrobras assume concessões na Foz do Amazonas após desistência da Total

Blocos estão em águas ultraprofundas, áreas consideradas prioritárias no plano de investimento da companhia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements