Menu
2020-03-31T08:38:02-03:00
Estadão Conteúdo
infringiu as políticas das redes

Após decisão do Twitter, Facebook e Instagram também removem posts de Bolsonaro

Motivo para a exclusão do conteúdo é a violação das normas da rede social

31 de março de 2020
8:37 - atualizado às 8:38
Presidente da República, Jair Bolsonaro durante Cerimônia de Entrega da Medalha do Mérito Industrial do Estado do Rio de Janeiro.
Presidente da República, Jair Bolsonaro - Imagem: Alan Santos/Presidência da República

Após o Twitter remover duas publicações feitas na conta do presidente Jair Bolsonaro no domingo, dia 29, o Facebook fez o mesmo nesta segunda-feira, 30. A medida também afeta publicações feitas na conta do Instagram, que pertence à empresa de Mark Zuckerberg.

Assim como no caso do Twitter, foram retiradas do ar postagens que mostravam o passeio de Bolsonaro a regiões do Distrito Federal no domingo, apesar da pandemia do novo coronavírus. Na ocasião, ele conversou com apoiadores e vendedores de rua e defendeu a reabertura do comércio, contrariando a orientação explícita de órgãos como a Organização Mundial da Saúde (OMS).

O motivo para a exclusão do conteúdo é a violação das normas da rede social. "Removemos conteúdo no Facebook e Instagram que viole nossos Padrões da Comunidade, que não permitem desinformação que possa causar danos reais às pessoas", informou a empresa por meio de nota.

Segundo apurou o Estadão/Broadcast Político com fontes próximas à empresa, a decisão foi feita pelo time de análise de conteúdo no exterior, que dialogou bastante com a equipe da rede social no País para entender o contexto das publicações. A remoção dos conteúdos foi feita após uma denúncia de irregularidades - algo que qualquer usuário pode fazer na rede social -, não tendo partido de uma postura proativa da empresa.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Perseguição ao bitcoin?

Irã fecha ‘fazendas’ de mineração de bitcoin para conter apagões no país; entenda

Governo culpa centros de processamento de criptomoedas por blackouts devido à ‘sobrecarga energética’ da rede de mineração; ao mesmo tempo, Irã usa o bitcoin para amenizar sanções bancárias dos EUA

Lei Orçamentária Anual

Ainda sem aprovação do Orçamento 2021, governo precisa controlar gastos

Manutenção do auxílio emergencial é dúvidas neste início de ano

Pé no freio

Incertezas políticas e fiscais mantêm estrangeiros cautelosos com o Brasil

Após meses de fuga do capital externo do País, os últimos meses de 2020 mostraram o começo do retorno dos investidores de portfólio, mas o ritmo ainda é insuficiente para reverter a forte saída de dólares do Brasil

Crescimento

Vale (VALE3) prevê investir US$ 2,7 bilhões na região norte até 2024

Companhia pretende ainda investir US$ 5,8 bilhões em 2021, dos quais US$ 1 bilhão serão apenas para expansão

ESTRADA DO FUTURO

Grafeno, urânio e lítio… cuidado com a obsessão de enriquecer com a próxima tecnologia do futuro

O boom de empresas de tecnologia alimenta uma esperança quase ingênua de enriquecer “horrores” descobrindo como esses materiais moldarão o nosso futuro. Vou ser totalmente transparente com você: não gosto da ideia.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies